RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 74 registros para a palavra: feminicidio

Suspeito de ter cometido feminicídio é encontrado morto no Quipá, zona rural de Juazeiro-BA

Informações que chegaram a redação da Rede GN na manhã desta quarta-feira (29) dão conta de que o suposto assassino da jovem Thamires, Flavio Almeida da Silva, foi encontrado morto, vítima de suposto suicídio, por enforcamento, no povoado do Quipá, zona rural de Juazeiro-BA.

Flavio é suspeito da morte por asfixia e facada da jovem Thamyres Ribeiro, de 24 anos, moradora do Residencial São Francisco, em Juazeiro-BA, na madrugada desta quarta-feira...

Homem tem mandado cumprido por feminicídio em Senhor do Bonfim

Investigadores da 1ª Delegacia Territorial (DT) de Senhor do Bonfim cumpriram, nesta segunda-feira (20), o mandado de prisão temporária de um homem, de 37 anos, suspeito de degolar a companheira com golpes de facão.          

O corpo de Laiane da Silva Oliveira, 29, foi encontrado numa estrada vicinal, no dia 24 de maio, no povoado do Barro. “O autor atribuiu o crime a uma traição da mulher”, informou o coordenador regional de Senhor do Bonfim, delegado Atílio Dias da Silva Tércio.  ..

Feminicida é preso menos de 24 horas após matar ex-companheira em Sobradinho

Com histórico violento, o autor da morte de Jéssica Gabino Barboza, 30 anos, que aconteceu na quarta-feira (15), no município de Sobradinho, norte do estado, foi preso em menos de 24 horas após o crime. A captura aconteceu na quinta-feira (16), após o trabalho integrado das Polícias Civil e Militar da Bahia e a Polícia Militar do Estado de Pernambuco.

O levantamento de informações realizado pelo setor de inteligência da Delegacia Territorial (DT) de Sobradinho, com apoio das equipes da 17ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Juazeiro), identificou que o suspeito estava escondido em Petrolina, no estado de Pernambuco. Conforme a titular da 17ª Coorpin, delegada Lígia Nunes Sá, o homem de 34 anos, que era ex-companheiro de Jéssica, foi encontrado no bairro Antônio Cassimiro, quando tentava fugir.  ..

Agressor é preso por tentativa de feminicídio em Capim Grosso

Poucos minutos depois de atirar contra a ex-companheira, um homem foi capturado por policiais da 91ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), na noite desta segunda-feira (6). O crime aconteceu no bairro Jardim Araújo, no município de Capim Grosso.

De acordo com o comandante da unidade, major Samuel Sampaio de Miranda, o suspeito discutiu com a ex-mulher e saiu. Ele voltou armado, feriu a mulher na perna e fugiu em uma motocicleta. "Logo após o ocorrido, iniciamos as buscas na região e um motociclista com roupas similares as do agressor passou por uma viatura em alta velocidade e perdeu o controle da motocicleta", explicou o oficial...

Feminicídios em Pernambuco caem 72% no mês de abril de 2022

A curva descendente dos CVLIs motivados pela condição de gênero foi acentuada também no acumulado do 1º quadrimestre, com -43,6%. Quando se analisam todas as motivações de homicídios de mulheres, a redução se repetiu tanto em abril como no conjunto dos quatro meses iniciais.

As estatísticas mostram que, entre janeiro e abril, houve retração nos roubos de uma forma geral. Nenhuma investida a instituições financeiras e a retração de 32,39% nos assaltos a ônibus foram os destaques do mês passado...

Artigo - Feminicídios, estupros: movimentos mulheres em busca da justiça social

Por décadas, os movimentos feministas voltaram-se para a conscientização das mulheres, de seus direitos, procurando fortalecê-las. A violência de gênero levou a militância feminista, desde a década de 1970, a criar entidades de apoio às mulheres.

A crescente denúncia das violências nas relações familiares impôs que o Estado interviesse nas relações familiares, campo tradicionalmente considerado privado: instalou-se um novo paradigma obrigando que fossem criadas instituições de Estado que interviessem nas relações afetivas, íntimas, privadas, onde ocorriam abusos, violência e crimes...

Feminicídio tem redução de 21,7% na Bahia

O crime de feminicídio caiu em 21,7%, nos três primeiros meses de 2022, se comparado ao mesmo período do ano anterior. A redução leva em consideração índices de todo o território baiano. De 1º de janeiro a 31 de março, foram contabilizados cinco casos a menos que no ano passado, saindo de 23 ocorrências para 18 casos.

A capital baiana registrou uma morte, computando três casos a menos que no trimestre de 2021. A redução foi de 75%. Já os municípios do interior do estado contabilizaram dois a menos que em 2021, registrando um decréscimo de 11%, totalizando 15 crimes...

Feminicídio histórico entra em cena em teatro baiano

No próximo sábado, dia 9 de abril, um caso histórico de feminicídio é revelado no espetáculo "A Mulher de Roxo e Outras Histórias da Bahia", em cartaz partir das 19h30 no Espaço Cultural Casa 14, no Pelourinho. Conhecido como o "crime da bala de ouro", o fato ocorreu em 1847, e envolveu a jovem Júlia Fetal e o professor João Estanislau, que dominado pelo ciúmes, não aceitando o término do noivado, mandou confeccionar, com as alianças do próprio noivado, uma bala de "ouro", matando a jovem que tinha por volta de 20 anos.

A história já foi retratada na literatura por Adélia Fonseca, Jorge Amado e Pedro Calmon e na teledramaturgia por Elizabeth Jhin. Ganha os palcos escrita e dirigida pelo professor, psicólogo e diretor de teatro Adson Brito do Velho, que com a peça  coloca em cena a história da Bahia contada a partir das personalidades que marcaram e marcam época, se transformando em verdadeiras lendas urbanas de Salvador...

Suspeito de matar ex-companheira a facadas em Petrolina, morre após investida da polícia

Após mais de dez horas de negociação, o suspeito de assassinar a facadas sua ex-companheira, de 36 anos, na manhã desta quarta-feira (9) na Travessa do Espinheiro, no bairro Areia Branca, em Petrolina, morreu após investida da polícia. Os agentes ficaram desde as primeiras horas da manhã em frente a residência da mulher, onde o ex-casal estava, tentando negociar com o homem.

O 2º Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (2º BIEsp) foi quem fez o isolamento da área e tentou fazer uma negociação com o suspeito, com o intuito de conseguir uma rendição dele. Sem sucesso, policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) de Recife foram acionados, e chegaram em Petrolina já nesta tarde...

Feminicídio: Mulher é assassinada a facadas no bairro Areia Branca, em Petrolina

Uma mulher foi assassinada na madrugada desta quarta-feira (9), em Petrolina. O crime aconteceu na Rua do Xique-Xique, no bairro Areia Branca.  A vítima foi morta a facadas.

Até o momento da publicação desta reportagem, policias militares estavam em frente à casa onde o crime foi cometido, tentando negociar com o assassino. O acusado de ter assassinado a mulher não fugiu do local. Ele ainda permanece dentro de casa. Os  policiais tentam uma negociação com o acusado para que ele se entregue.  A vítima foi identificada como Estefânia Gomes do Nascimento. De acordo com vizinhos, a relação do casal era conturbada...

Feminicídio tem queda de 21,4% em janeiro na Bahia

As ações de unidades especializadas das forças de segurança conseguiram reduzir em 21,4% o índice de feminicídio – homicídio contra a mulher por condição de gênero – em todo o território baiano. Foram contabilizados dados dos 417 municípios baianos durante o mês de janeiro de 2022.

Em 2021 foram computados 14 mortes de mulheres em razão do gênero, contra 11 no primeiro mês deste ano, representando a preservação de três vidas. A capital baiana não registrou feminicídio, e as cidades de Macaúbas, Santo Antônio de Jesus, Camaçari e Valença apresentaram redução de 100% no número de casos...

Bahia apresenta redução de 20% nos casos de feminicídio em 2021

Ações das Polícias Militar e Civil, por meio de unidades especializadas em atendimento à mulher, resultaram na redução de 20% nos casos de feminicídio no estado da Bahia, em 2021. No ano passado foram registradas 89 ocorrências, contra 113 em 2020, no período de janeiro a dezembro.

A comandante da Operação Ronda Maria da Penha (ORMP), major Tereza Raquel Araújo da Paz, conta que, tanto na capital, quanto no interior do estado e Região Metropolitana de Salvador (RMS), são realizadas visitas às vítimas que possuem medidas protetivas. Em 2021, a Operação realizou na Bahia 20.287 medidas de proteção, prendeu 131 agressores em flagrante, além promover 210 encontros educativos...

Com 302 homicídios em dezembro, Pernambuco totaliza 3.370 assassinatos em 2021 e registra alta de feminicídios

Com 302 homicídios em dezembro, Pernambuco totaliza 3.370 assassinatos em 2021Pernambuco teve, ao longo de 2021, 3.370 assassinatos contabilizados pela Secretaria de Defesa Social (SDS).

Isso representa uma redução de 10,3% em relação aos 3.759 crimes violentos letais intencionais (CVLIs) registrados pelo governo estadual em 2020. No entanto, os feminicídios aumentaram...

Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou 121 casos de feminicídio à Justiça neste ano

Durante a pandemia do novo coronavírus, houve um aumento de feminicídios no Brasil. Os dados são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública.O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou 121 casos de feminicídio à Justiça neste ano. O número representa um aumento de 24,7% com relação aos registros de 2020, quando 97 ocorrências foram encaminhadas. 

Além dos dados de feminicídios, os dados de agressões contra mulheres no estado também são alarmantes. De acordo com registros da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), de janeiro a setembro, quase 11 mil mulheres foram agredidas...

Campanha alerta sobre os riscos do feminicídio. O Ligue 180 é uma das principais ferramentas

Os riscos do feminicídio é o tema da campanha lançada neste sábado (20), com o slogan “Violência contra a mulher: sua evolução leva ao feminicídio. Observe os sinais. Denuncie”. A iniciativa, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), integra as ações dos 21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

 A campanha nacional abrange a produção de vídeos, spots para uso em rádio comunitárias e parceiras, cards educativos, enquetes interativas destinadas às redes sociais, cartazes, folders e outras peças de cunho publicitário. Os materiais também têm a proposta de estimular a cultura da denúncia. ..

Feminicídios: Bahia registra mais de 66 casos até setembro de 2021

O assassinato da jovem Kezia Stefany da Silva Ribeiro, de 21 anos, morta com um tiro na cabeça pelo namorado, o advogado José Luiz de Britto Meira Júnior, levanta novo debate sobre casos de feminicídio na Bahia.

O homicídio de mulheres é qualificado como feminicídio quando as vítimas são mortas por causas relacionadas a seu gênero, geralmente em decorrência de violência doméstica e/ou familiar. Só neste ano, entre janeiro e setembro, a Bahia registrou 66 casos de feminicídios...

Julgamento do caso Alice, morta em 2019, leva acusado a quase 20 anos de prisão por feminicídio, nesta terça (5)

Após mais de 7 horas de julgamento, nesta terça-feira (5), Fórum Conselheiro Luiz Viana , o júri condenou o réu Nielton Gonçalves a 19 anos, 5 meses e 1 dia de prisão pelo crime de feminicídio contra a jovem Alice Rodrigues, que à época do crime tinha apenas 19 anos de idade.

No julgamento, presidido pelo Juiz Roberto Paranhos, houve intenso debate entre acusação, a cargo do promotor de Justiça Raimundo Moinhos, e a defesa, com oitiva de testemunhas e uma sentença que considerou o crime como de motivação “torpe e cruel”...

Júri popular de suspeito de matar jovem Alice Rodrigues acontece hoje (5), no Fórum de Juazeiro

O julgamento de Nielton Gonçalves Soares, apontando como autor do crime que vitimou Alice Nilza Rodrigues, acontece hoje (5), no Fórum Conselheiro Luiz Viana, em Juazeiro. O crime aconteceu em janeiro de 2019, e o corpo da jovem, que na época tinha 18 anos, foi encontrado em um terreno próximo a Universidade do Estado da Bahia (UNEB) de Juazeiro.

Nielton Gonçalves Soares foi preso em flagrante pela Polícia Civil horas após o crime, mas até então não tinha sido levado a júri popular. Em maio de 2019, durante audiência de instrução realizada no Fórum Conselheiro Luiz Viana Filho, em Juazeiro, o juiz considerou existir indícios de um crime doloso e que o acusado poderia ser o culpado. Considerou ainda que, por se tratar de um crime doloso contra a vida, o processo deveria ser julgado pelo tribunal do júri...

Suspeito de matar jovem Alice Rodrigues vai a júri popular no dia 5 de outubro, e família pede condenação: "A justiça será uma resposta de paz"

5 de outubro de 2021. Essa é a data marcada para o julgamento de Nielton Gonçalves Soares, apontando como autor do crime que vitimou Alice Nilza Rodrigues. O crime aconteceu em janeiro de 2019, e o corpo da jovem, que na época tinha 18 anos, foi encontrado em um terreno próximo a Universidade do Estado da Bahia (UNEB) de Juazeiro. 

Nielton Gonçalves Soares foi preso em flagrante pela Polícia Civil horas após o crime, mas até então não tinha sido levado a júri popular. Em maio de 2019, durante audiência de instrução realizada no Fórum Conselheiro Luiz Viana Filho, em Juazeiro, o juiz considerou existir indícios de um crime doloso e que o acusado poderia ser o culpado. Considerou ainda que, por se tratar de um crime doloso contra a vida, o processo deveria ser julgado pelo tribunal do júri...

Acusado de matar professora em Petrolina é condenado a 23 anos de prisão

O homem acusado de matar a professora Kezzia Homeilly Pereira da Silva, no dia 11 de abril, no bairro Jardim Amazona, em Petrolina, Sertão de Pernambuco, foi condenado a 23 anos de prisão. O julgamento de Tiago Targino de Souza foi realizado na quarta-feira (15), Fórum Dr. Manoel Souza Filho.

A professora Kezzia foi morta com 14 facadas. Tiago Targino era ex-companheiro da vítima. Ele foi julgado pela prática de homicídio qualificado por motivo torpe, uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima, com a qualificadora de feminicídio...