Foram encontrados 354 registros para a palavra: Moro

Moro: Bolsonaro é 'trapalhão' por ir à Rússia em conflito com a Ucrânia

O ex-ministro e pré-candidato à Presidência Sérgio Moro (Podemos) criticou a viagem do presidente Jair Bolsonaro (PL) à Rússia e chamou o chefe do Executivo de "trapalhão" nesta segunda-feira, 14. 

Em publicação nas redes sociais, o presidenciável classificou a visita a Moscou como um constrangimento diplomático para o País, referindo-se à escalada da tensão entre o Kremlin e a Ucrânia...

Pesquisa Ipespe: Lula tem 43% e Bolsonaro, 25%; Moro e Ciro empatam com 8%

A nova pesquisa Ipespe para as eleições presidenciais de 2022, divulgada nesta sexta-feira (11), indica que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera as intenções de voto na pesquisa estimulada com 43%, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 25%. Ciro Gomes (PDT) e Sergio Moro (Podemos) empatam em 3º lugar, com 8%.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), vem em 4º lugar, com 3% das intenções de voto. Depois, aparecem Simone Tebet (MDB) e André Janones (Avante), empatados com 1%. Os nomes de Rodrigo Pacheco (PSD), Alessandro Vieira (Cidadania) e Felipe d’Avila (Novo) não pontuaram...

Pesquisa Genial/Quaest mantém Lula na dianteira com 45% das intenções de voto em 1º turno. Veja os números

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mantém a liderança na disputa à Presidência em 2022, com 45% das intenções de voto, de acordo com a pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (9). Ele vence em todos os cenários já no primeiro turno. O atual presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, está com 23%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 6 de fevereiro e entrevistou 2 mil pessoas, sendo todos eleitores com 16 anos ou mais. A margem de erro é de dois pontos percentuais e o nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE...

MP pede ao TCU a indisponibilidade de bens de Sergio Moro

O subprocurador-geral Lucas Furtado pediu ao Tribunal de Contas da União (TCU) que declare a indisponibilidade de bens do ex-ministro da Justiça Sergio Moro como medida cautelar por suposta sonegação de impostos sobre os pagamentos que Moro recebeu da consultoria Alvarez & Marsal, responsável pela administração judicial de empresas condenadas pela Lava Jato.

Com isso, o subprocurador mudou o próprio entendimento e voltou a defender que o TCU investigue os ganhos de Moro, de R$ 3,6 milhões, pagos pela consultoria...

Moro diz que Petrobras é uma 'empresa atrasada' e fala em privatizar todos os bancos públicos

O ex-juiz e ex-ministro da Justiça Sergio Moro (Podemos) disse ontem terça-feira (1) que a Petrobras é uma "empresa atrasada". Em outras oportunidades, o presidenciável já se mostrou a favor de privatizar a estatal. Ao discursar para uma plateia de empresários em São José do Rio Preto (SP), ele afirmou que é a favor de vender para a iniciativa privada, também, todos os bancos públicos, "se for possível".

"A Petrobras teve papel importante para o país, mas é uma empresa atrasada, que ainda vive da exploração do petróleo, um combustível que o resto do mundo já não está mais usando. Hoje estamos discutindo outras formas de energias limpas, mais ambientalmente corretas", disse Moro, segundo o jornal "Folha de S.Paulo"...

Moro revela ter recebido R$ 3,6 milhões por 12 meses de contrato com escritório Alvarez & Marsal

O ex-ministro da Justiça e ex-juiz da Operação Lava Jato Sergio Moro revelou nesta sexta-feira (28), durante transmissão em uma rede social, que recebeu por mês US$ 45 mil durante 12 meses de contrato com o escritório americano de consultoria Alvarez & Marsal — o escritório é responsável pela administração judicial de empreiteiras investigadas pela Lava Jato.

Além do rendimento mensal, Moro afirmou ter recebido no período da consultaria um "bônus de assinatura" de US$ 150 mil, dos quais diz ter devolvido R$ 67 mil. No total, considerados os valores informados pelo ex-juiz, os rendimentos de Moro na consultoria somaram R$ 3,65 milhões...

Pesquisa Ipespe: Lula tem 44% e Bolsonaro, 24%; Moro e Ciro empatam em terceiro

A nova pesquisa Ipespe relativa à disputa presidencial das eleições 2022, divulgada nesta quinta-feira (27), mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na frente no cenário estimulado para o primeiro turno com 44%, contra 24% do presidente Jair Bolsonaro (PL) e 8% dos ex-ministros Sergio Moro (Podemos) e Ciro Gomes (PDT), que empataram.

Nas outras posições, sequencialmente, aparecem João Doria (PSDB), com 2%, e Simone Tebet (MDB), Rodrigo Pacheco (PSD) e Alessandro Vieira (Cidadania) com 1% das intenções de voto. O pré-candidato Felipe d’Avila (Novo) não pontuou...

Vacinado com três doses, o ex-juiz e pré-candidato à Presidência Moro afirmou ter testado positivo para Covid-19

O ex-juiz Sergio Moro, pré-candidato à Presidência pelo Podemos, disse nesta sexta-feira (14) que testou positivo para a Covid-19. Segundo Moro, ele não manifestou nenhum sintoma e seguirá em isolamento, o que vai modificar sua agenda de compromissos para os próximos dias.

Na publicação em seu perfil no Twitter, ele também destacou que está vacinado com três doses...

Pesquisa Genial/Quaest: Lula tem 45% no 1º turno e lidera todos os cenários de 2º turno. confira:

Pesquisa da Genial Investimentos e Quaest Consultoria divulgada hoje mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue liderando a corrida à Presidência e venceria em todos os cenários de segundo turno simulados. No primeiro turno, Lula aparece com 45% das intenções de voto, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 23%, o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 9%, o ex-governador Ciro Gomes (PDT), com 5%, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 3%, e a senadora Simone Tebet (MDB), com 1%. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), e Luiz Felipe D'Ávila (Novo) não pontuaram. Brancos e nulos são 8% e indecisos somam 4%. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

O levantamento ouviu 2.000 pessoas, com 16 anos ou mais, entre os dias 6 e 9 de janeiro. As entrevistas foram realizadas "face-a-face", segundo a Genial Investimentos e a Quaest Consultoria. O índice de confiança, segundo o instituto, é de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-00075/2022. ..

Moro sobre filhos de Bolsonaro: 'Já julguei bandidos mais perigosos'

O pré-candidato à Presidência da República Sérgio Moro (Podemos) voltou a atacar seus opositores nas eleições, nesta sexta-feira (7/1). Pelas redes sociais, o ex-juiz declarou que não tem medo de “criminosos”. Declaração foi feita após o ex-juiz ser perguntado se teme as ações que os filhos do presidente Jair Bolsonaro (PL) podem fazer durante a campanha presidencial.

Carlos Bolsonaro, filho “02” do presidente, é apontado como chefe do “Gabinete do Ódio”, grupo de bolsonaristas que usa as redes sociais para difamar e atacar opositores e também compartilhar fake-news...

Pesquisa CNT: Lula tem 42,8% das intenções de voto; Bolsonaro, 25,6%

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) subiu de 41,3% para 42,8% nas intenções de voto para as eleições presidenciais de 2022, revela a 150ª edição da Pesquisa CNT de Opinião.

Por outro lado, o atual chefe do Executivo Nacional, Jair Bolsonaro (PL), caiu de 26,6% para 25,6%. Os dois movimentos, no entanto, estão dentro da margem de erro do levantamento, de 2,2 pontos percentuais...

Pesquisa Genial/Quaest: Lula tem 46%, Bolsonaro, 23% e Moro, 10%

A pesquisa Quaest/Genial de intenção de voto para o primeiro turno das eleições presidenciais de 2022 divulgada nesta quarta-feira (8) mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) liderando com 46%, contra 23% do atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), em um dos cenários com maior número de concorrentes.

Na briga pela terceira posição, Sergio Moro (Podemos) aparece à frente de Ciro Gomes (PDT), com 10% das intenções de voto. Ciro tem 5%. João Doria (PSDB) aparece com 2% e Rodrigo Pacheco (PSD), com 1%, assim como Felipe d’Avila (Novo). Confira os números dos pré-candidatos em cada cenário...

Pré-candidato à presidência, Sergio Moro visita Recife neste sábado (05)

Uma das quatro capitais brasileiras escolhidas, sendo a primeira do Nordeste, Recife receberá no próximo dia 5 a visita do ex-ministro da Justiça Sergio Moro para o lançamento de seu livro Contra o Sistema da Corrupção, evento que acontecerá no Teatro RioMar, às 18h.

Tendo dito, em 2016, que não se via “ainda como um político verdadeiro”, hoje Moro aparece como aposta do Podemos para a corrida pela Presidência da República em 2022, pontuando em 3º lugar nas pesquisas eleitorai. ..

Sergio Moro encontra ACM Neto e discute aliança para 2022

O ex-juiz Sergio Moro (Podemos-PR) encontrou-se com o presidente do DEM, ACM Neto, pouco depois do evento de sua filiação, na semana passada, e discutiu o apoio do partido à sua empreitada eleitoral no ano que vem.

A reunião teve a participação da presidente do Podemos, Renata Abreu (SP)...

Bolsonaro critica discurso de Moro: 'Não aprendeu nada'

O presidente Jair Bolsonaro criticou nesta quinta-feira (11) o discurso do seu ex-ministro Sergio Moro durante a cerimônia que marcou sua filiação ao Podemos. Para Bolsonaro, Moro "não aprendeu nada" no período que ficou no governo e "não sabe o que é ser presidente".

"Vocês gostaram do discurso lido pelo cara ontem? O cara leu. Eu assisti porque foi meu ministro. Não aprendeu nada. Um ano e quatro meses ali e não sabe o que é ser presidente, nem ser ministro.' disse Bolsonaro, em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada...

Lula tem 48% das intenções de voto, e Bolsonaro 21%, diz pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quarta (10)

Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (10) mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 48% das intenções de voto para as eleições presidenciais de 2022, contra 21% do presidente Jair Bolsonaro.(Sem partido).

Neste cenário, eles são seguidos pelo ex-ministro Sergio Moro –  que se filiou ao Podemos nesta quinta, com 8%; pelo ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%; pelo governador de São Paulo, João Dória (PSDB), com 2%; e pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), com 1%. Felipe d’Avila (Novo) não pontuou. Os votos brancos e nulos somaram 10%, e 4% dos eleitores se declararam indecisos...

Bolsonaro: Moro condicionou troca na Polícia Federal a vaga no STF

A Polícia Federal ouviu presencialmente o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no Palácio do Planalto. Por quase um ano, o presidente da República afirmou que gostaria de depor por escrito, mas mudou de ideia no início de outubro, no mesmo dia em que o Supremo Tribunal Federal (STF) iria julgar essa possibilidade.

O inquérito, que apura se Bolsonaro teria tentado interferir na PF, foi aberto em abril do ano passado, após o ex-ministro da justiça Sergio Moro apontar que o presidente o pressionava para substituir o diretor-geral da corporação por um aliado...

Companhia das Letras entrega simbolicamente, a Maurício Dias e Maria Olívia, exemplar do livro "AMOROSO", biografia de João Gilberto

O poeta e compositor juazeirense Maurício Dias e a irmã mais nova de João Gilberto, Maria Olívia, receberam simbolicamente hoje (5), das mãos pesquisador musical Omar Torres, representando a Companhia das Letras, o exemplar do Livro "Amororso", uma biografia de João Gilberto que está sendo lançada nacionalmente, nesta sexta-feira (5).

O poeta Maurício Dias e  Maria Olívia, participam do livro..

Pesquisa XP/Ipespe aponta cenários para eleição presidencial em 2022

A pesquisa XP/Ipespe, feita entre 25 e 28 de outubro, e divulgada nesta quarta-feira, 3, aponta que o ex-presidente Lula (PT) mantém a liderança em todos os cenários na disputa presidencial para as eleições de 2022. 

No cenário espontâneo, em que o nome dos candidatos não é citado, Lula (PT) tem 31% das intenções de voto, contra 24% do presidente Jair Bolsonaro; Ciro Gomes (PDT), 3%; Sérgio Moro, 2%; Luiz Henrique Mandetta e João Doria, tiveram 1% das intenções de voto e os demais pré-candidatos, a exemplo de Luiz Datena e Eduardo Leite, não chegaram a pontuar...

Ex juiz e Ministro Moro deve se filiar ao Podemos no dia 11 de novembro

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro vai se filiar ao Podemos em um evento marcado para o próximo dia 10 de novembro, em um centro de convenções de Brasília. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

 Segundo o jornal, a filiação não tem ligação com uma possível candidatura em 2022, embora essa seja a vontade de alguns dirigentes do partido...