RedeGN - Pesquisa Genial/Quaest mantém Lula na dianteira com 45% das intenções de voto em 1º turno. Veja os números

Pesquisa Genial/Quaest mantém Lula na dianteira com 45% das intenções de voto em 1º turno. Veja os números

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mantém a liderança na disputa à Presidência em 2022, com 45% das intenções de voto, de acordo com a pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (9). Ele vence em todos os cenários já no primeiro turno. O atual presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, está com 23%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 6 de fevereiro e entrevistou 2 mil pessoas, sendo todos eleitores com 16 anos ou mais. A margem de erro é de dois pontos percentuais e o nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE.

O levantamento mostrou uma estabilidade tanto na avaliação do governo, como nas intenções de voto, praticamente repetindo os patamares do último levantamento feito no mês passado. A pesquisa estimulada apresentou quatro cenários eleitorais. Em todos eles, Lula vence em primeiro turno por ter mais da metade dos votos válidos (excluídos os votos em branco e os nulos).

A novidade foi a melhora de Ciro Gomes (PDT) que flutuou para cima, e Sergio Moro (Podemos) que teve variação para baixo. Eles aparecem empatados com 7% das intenções de voto. O governador de São Paulo João Doria (PSDB) está com 2%, empatado numericamente com André Janones (Avante). A senadora Simone Tebet (MDB) está com 1%. Rodrigo Pacheco (PSD) e Felipe D´Avila não pontuaram. Brancos e nulos somam 8%, e indecisos, 5%.

Em uma eventual disputa pelo segundo turno, Lula venceria a disputa em todos os cenários, segundo a Genial/Quaest. Na disputa contra Bolsonaro, ficaria com 54% ante os 30% do atual presidente. Se for Moro, fica com 52% contra 28%. Ciro, 51% ante 24%. No caso de Doria, Lula chegaria a 55% contra 16% do tucano. E se o adversário for André Janones, chega a 56% contra 14%. 

Lula e Bolsonaro são os candidatos com os votos mais bem consolidados. 74% dos eleitores do petista dizem que a escolha do voto no primeiro turno já é definitiva, contra 65% dos que votam no atual presidente. Já em relação aos outros candidatos, a maior parte diz que ainda pode mudar de voto.

Nos recortes por região do país, Lula lidera a corrida pela presidência com folga no Nordeste (61%), Sudeste (40%), Norte (39%) e Sul (38%). Apenas no Centro-oeste há um empate técnico com Bolsonaro, com o petista marcando 32% das intenções e o atual presidente, 31%. Ciro tem seu melhor percentual no Nordeste, com 8%; enquanto Moro vai melhor no Sul, com 13%.

Com informações de O Globo