Foram encontrados 31 registros para a palavra: massacre

Espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião começa na quarta-feira (26)

O espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião, encenado em Serra Talhada (PE), no Sertão do Pajeú, começa nesta quarta-feira (26) e segue até domingo (30) de julho.

A peça, que este ano completa 10 anos, traz diversas inovações, que vão desde o elenco até às técnicas de som. A apresentação ocorrerá sempre às 20h, na Estação do Forró. A entrada é gratuita...

Espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião chega à décima edição em Serra Talhada

A 10ª edição do espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião, encenado em Serra Talhada (PE), no Sertão do Pajeú, que acontecerá entre os dias 26 e 30 de julho, traz, neste ano, diversas inovações, que vão desde o elenco até às técnicas de som. A apresentação ocorrerá sempre às 20h, na Estação do Forró. A entrada é gratuita.

Uma das mudanças mais impactantes nesta edição é a reencenação da última despedida entre Maria Bonita e sua filha, Expedita, no palco do espetáculo. A história carrega uma emoção intensa, pois será a última vez que Maria verá sua amada filha. O espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião traz finalmente sua história ao palco de uma forma que o público não espera ver...

O Massacre de Angico – O espetáculo sobre a Morte de Lampião" acontece no período de 26 a 30 de julho

O espetáculo "O Massacre de Angico – A Morte de Lampião ", encenado em Serra Talhada, no sertão do Pajeú, chega à 10ª temporada, trazendo algumas novidades. Nesta repaginação do espetáculo entra um novo personagem, Antônio Conselheiro, que abrirá o espetáculo com uma "fala profética" e mística anunciando a vinda de um guerreiro.

Outra novidade é que o espetáculo fará uma mesclagem com as tecnologias e, pela primeira vez, haverá uma cena com uma criança que viverá a Expedita, filha de Lampião e Maria Bonita, interagindo na cena ao vivo, e contando com dois telões.....

Artigo - É preciso falar sobre massacres em escolas brasileiras

Antes do último ataque a escolas que tomou a mídia brasileira, ocorrido em uma creche de Santa Catarina, uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) levantou 23 registros de ataques com violência extrema em escolas no Brasil desde 2002.

O que chamou a atenção dos pesquisadores foi a periodicidade dos atentados: quase metade foi feita em menos de um ano e, mais de um terço, de junho do ano passado para cá. Outra pesquisa, feita pela Universidade de São Paulo (USP), mostra o crescimento acelerado dos ataques: foram mais de dez apenas nos últimos dez meses...

Policia Civil identifica adolescente que propagou ameaça de massacre a instituições de ensino em Juazeiro

A Polícia Civil da Bahia,  por meio das Unidades da 17ª Coorpin,  identificou e conduziu um  adolescente envolvido em vista dele ter propagado ameaças de massacre contra escolas por meio de rede social.

Foi recebida denúncia por meio do CIBERLAB DA POLÍCIA CIVIL DA BAHIA e Ministério da Justiça quanto à divulgação por perfil  em rede social, onde o autor se manifestava dando apoio e promovendo ações que incentivavam massacre de pessoas nas escolas...

Há 84 anos morria Lampião e Maria Bonita no massacre da Grota do Angico

Após dois anos sem ser realizada por causa da pandemia da Covid-19, a 25ª Missa do Cangaço volta a acontecer no próximo dia 28, data de aniversário do massacre de Angico.

Há 84 anos, policiais comandados pelo tenente João Bezerra cercaram os 34 cangaceiros e cangaceiras e abriram fogo com metralhadoras portáteis, matando na hora 11 pessoas, inclusive Virgulino Ferreira da Silva, o “Lampião”, e Maria Bonita...

Serra Talhada vai receber o espetáculo O Massacre de Angico – A Morte de Lampião

O espetáculo teatral O Massacre de Angico - A Morte de Lampião foi exibido pela primeira vez há 10 anos e está mais uma vez na programação do Tributo a Virgolino - A celebração do Cangaço, evento promovido pela Fundação Cabras de Lampião, e que vai ser realizado entre os próximos dias 27 e 31 de julho.

A peça, voltada para toda a família, vai acontecer em todos os dias do evento, sempre às 20h, na Estação do Forró em Serra Talhada. A entrada é gratuita e a expectativa é que mais de 50 mil pessoas confiram o trabalho ao longo dos cinco dias. ..

Artigo – O massacre contra a urna eletrônica

Esse é um tema que vem sendo objeto de grande polêmica no cenário político nacional, além de polarizado pela alta cúpula do Executivo e Legislativo, de quem se poderia esperar mais equilíbrio, sensatez e responsabilidade, nunca o interesse em desmoralizar um sistema moderno e avançado, que veio eliminar - e tem eliminado -, um processo de coleta de votos arcaico, viciado e corrompido, que não cabe mais numa era tecnologicamente em ebulição na qual vivemos.

A propósito, permito-me reproduzir um comentário que me foi encaminhado pelo leitor Paulo Maurício, de Brasília, na crônica da última semana, que é bem emblemático ao presente texto:..

Papa critica comércio de armas "sem controle" após massacre no Texas

O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira que está com o "coração partido" após o massacre em uma escola do ensino fundamental do Texas que deixou 22 mortos, incluindo o agressor, e denunciou o comércio "sem controle" de armas.

"Tenho o coração partido por este massacre cometido em uma escola do ensino fundamental do Texas. Rezo pelas crianças e pelos adultos mortos e por suas famílias. É hora de dizer 'basta' ao tráfico sem controle de armas", disse, após a audiência geral do Vaticano...

Bilhete com mensagem de 'massacre' é encontrado em banheiro de colégio municipal em Sento Sé

Um bilhete com um suposto comunicado de massacre foi encontrado em um colégio municipal da cidade de Sento-Sé, norte da Bahia. No papel, que foi encontrado no banheiro feminino da instituição, a seguinte frase: "Aonde o filho chora e a mãe não vê. O massacre dia 16 de maio. Não perca”.

De acordo com informações do Blog Leonardo Rodrigues, após encontrar o bilhete, a direção do Colégio Municipal Custódio Sento-Sé imediatamente tomou as medidas preventivas. Estão sendo feitas análises das imagens das câmeras de segurança em busca de informações que possam localizar quem escreveu a possível ameaça.  ..

Massacre de Eldorado dos Carajás completa 26 anos e Pará é o estado que mais mata em conflitos agrários

As cenas daquele final de tarde de 17 de abril de 1996 uma quarta-feira, na “curva do S” da rodovia PA-150, em Eldorado dos Carajás, sudeste paraense, expuseram de forma trágica a questão da terra no Brasil.

Se nestes 26 anos houve avanços na organização do movimento dos sem-terra e na agricultura familiar, a concentração de áreas seguiu gigantesca o Estado permaneceu, em boa medida, hostil à demanda. ..

Há 25 anos, data de massacre de Eldorado motiva mobilização no campo

Há exatos 25 anos, em 17 de abril de 1996, uma quarta-feira, centenas de trabalhadores rurais acampavam com suas famílias no local conhecido como curva do S, na atual BR-155, município de Eldorado dos Carajás, região sudeste do Pará, quando foram cercados por policiais militares vindos do quartel de Parauapebas, de um lado, e do batalhão de Marabá, pelo outro.

O plano dos trabalhadores era marchar até Belém para reivindicar a desapropriação da Fazenda Macaxeira, no município vizinho de Curianópolis, apontada como improdutiva pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Naquele dia específico, com poucos alimentos para seguir viagem, eles decidiram bloquear a estrada em protesto. Por determinação do governo estadual, a Polícia Militar foi então enviada para liberar a via...

Espetáculo Massacre de Angico é adaptado para versão online

A 9ª edição do 'Massacre de Angico - A Morte de Lampião' será transmitida pelo canal do youtube do grupo Cabras de Lampião. As apresentações serão nos dias 27 e 28 de março, sempre às 20h

Aquele que já é considerado o maior espetáculo de teatro dos sertões brasileiros, O Massacre de Angico - A Morte de Lampião, chega à 9ª edição inovando em relação a sua forma e conteúdo diante da pandemia do novo coronavírus. As apresentações, que estavam previstas para 2020, serão realizadas agora, no próximo sábado (27) e no domingo (28), às 20h, de forma online, pelo canal do YouTube do grupo Cabras de Lampião...

26 dos 62 mortos em massacre no Pará eram presos provisórios

Dos 62 presos que morreram no massacre no Pará, resultado de um confronto entre facções, 26 aguardavam julgamento. O balanço é da Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe) do Estado do Pará. Ainda de acordo com o órgão, 27 detentos tinham sido condenados e nove eram condenados e provisórios - tinham mais de um processo judicial. Os mortos tinham entre 18 e 52 anos e a maioria respondia por tráfico de drogas, homicídio e associação criminosa.

A situação foi alvo de críticas do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Pará (OAB-PA), Alberto Campos, conforme nota publicada no site da entidade. "É preocupante você ver uma quantidade elevada de presos provisórios misturados com presos que já estão cumprindo pena. Isso é lamentável e gera esse tipo de problema."..

Espetáculo "O Massacre de Angico - A Morte de Lampião" é encenado em Serra Talhada

Entre os dias 24 e 28 de julho, sempre às 20h, o espetáculo "O Massacre de Angico - A Morte de Lampião" será encenado na Estação do Forró, em Serra Talhada, sertão do Estado. Apresentada ao ar livre, a obra é montada pela Fundação Cultural Cabras de Lampião e conta com apoio da Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco e da Empetur. 

Mesclando fatos reais com o imaginário popular do folclore sertanejo, o espetáculo chega à oitava edição com elenco formado por 120 atores. A expectativa é receber cerca de sete mil pessoas em cada dia de apresentação. A produção remonta a história de Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, morto pelas forças policiais em 28 de julho de 1938 na Grota de Angico, em Sergipe. ..

Famílias velam corpos de vítimas de massacre em ginásio de Suzano

Juntas, as famílias de alunos e funcionários mortos no massacre na Escola Estadual Professor Raul Brasil, velam as vítimas na Arena Suzano, no Parque Max Feffer, na manhã desta quinta-feira (14). O velório coletivo começou às 7h entre abraços, choros, sussurros e crianças pequenas que acompanham os pais, no ginásio poliesportivo que fica a menos de um quilômetro da escola, palco dos ataques. 

Cerca de 500 pessoas acompanham a cerimônia. Estão sendo velados os estudantes Cleiton Antonio Ribeiro, 17; Caio Oliveira, 15; Samuel Melquiades Silva de Oliveira, 16; e Kaio Lucas da Costa Limeira, 15.T ambém a inspetora de ensino Eliana Regina de Oliveira Xavier, 38 e a coordenadora pedagógica Marilena Ferreira Umezu, 59 -que só será sepultada no sábado (16), quando um de seus filhos chega do exterior. Outras duas famílias optaram por velórios separados...

Monstruosidade e covardia sem tamanho, diz Bolsonaro sobre massacre; Mourão culpa videogames violentos

O presidente Jair Bolsonaro postou mensagem na rede social Twitter em que prestou condolências aos parentes das vítimas do massacre na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo. Na mensagem, o presidente chama a tragédia de "monstruosidade e covardia sem tamanho".

“Presto minhas condolências aos familiares das vítimas do desumano atentado ocorrido hoje na Escola Professor Raul Brasil, em Suzano, São Paulo. Uma monstruosidade e covardia sem tamanho. Que Deus conforte o coração de todos!”...

Merendeira e heróis anônimos no massacre de Suzano salvam alunos durante tiroteio

A merendeira Silmara Cristina Silva de Moraes, de 54 anos, contou que ajudou a esconder 50 estudantes na cozinha durante ataque que matou alunos e um funcionário da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano. Dois adolescentes atiraram em alunos e funcionários e depois se mataram na manhã de hoje. Até o momento são 10 mortes.

A merendeira disse que os funcionários fizeram barricada com geladeira e freezer. Mesa foi usada como escudo...

Leitura instiga jovens a valorizarem memória do Massacre de Pau de Colher

Foi o acesso ao livro "Massacre de Pau de Colher: último foco messiânico do Nordeste brasileiro" que instigou o Coletivo Carrapicho Virtual, com atuação no Vale do Salitre, em Juazeiro – BA, a querer participar da 16ª edição da Romaria de Pau de Colher, que aconteceu no últimaodia 13, em Casa Nova – BA, a 98 km da sede.

O livro chegou até o grupo com a intenção de incentivar a leitura e conhecimento da história regional, um dos objetivos do Projeto Jovens Comunicadores, iniciativa do Pró-Semiárido, projeto do Governo do Estado da Bahia. O Pró-Semiárido conta com recursos de um Acordo de Empréstimo entre o Governo e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e é executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), órgão da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR)...

Bispo de Juazeiro lembra luta do Massacre de Pau de Colher, em Casa Nova

Embaixo de um pé de juá, o Bispo da Diocese de Juazeiro, Dom Beto, lembrou que “aqui é um lugar para rezar e no silêncio lembrar das pessoas que morreram”. Os que morreram a quem ele se refere são as vítimas do Massacre de Pau de Colher, ocorrido em 1938 no município de Casa Nova – BA.

A celebração marcou a 16ª Romaria de Pau Colher, realizada todos os anos no último dia 13 de dezembro, dia de Santa Luzia, santa católica que conta com a devoção de sobreviventes do Massacre moradores/as da comunidade, que fica a 98 km da sede do município...