Foram encontrados 336 registros para a palavra: estudo

Estudos sobre a vitivinicultura no Vale do São Francisco serão apresentados durante evento

Nesta semana, dias 17 e 18 de outubro, em Petrolina (PE), serão conhecidos os resultados de projeto de pesquisa realizado desde 2013, que teve como objetivo conhecer e organizar as informações dos vinhos finos do Vale do São Francisco, produzidos há mais de 30 anos no semiárido do Nordeste brasileiro. As contribuições do projeto constituirão o processo para a solicitação do reconhecimento da Indicação de Procedência.

O evento reunirá a equipe de pesquisadores e professores de diversas Instituições do Brasil (veja lista completa no programa abaixo), que colaboraram para o desenvolvimento de pesquisas e na caracterização dos fatores naturais da região, dos vinhedos e dos vinhos do Vale do São Francisco. Como resultado, em breve, o Vinhovasf solicitará no próximo ano, junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), a Indicação de Procedência (IP) para vinhos e espumantes da região...

Estudo realizado pela Codevasf confirma impacto de projetos irrigados para desenvolvimento regional

Do Vale do São Francisco para diversos lugares do Brasil e do mundo. Esse tem sido o destino de frutas produzidas em projetos públicos de irrigação implantados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Estudo feito recentemente pela Área de Gestão dos Empreendimentos de Irrigação da Codevasf constata o impacto desses empreendimentos na região, traduzido em números que retratam aumento da produção e da produtividade agrícola, maior oferta de alimentos à população, ampliação da oferta de empregos diretos e indiretos e geração de renda estável, seja na zona rural ou na urbana.

Ao longo de 25 anos, de 1975 a 2000, foi verificado que a desenvolvimento econômico daqueles municípios, com agricultura irrigada, apresentou incremento 2,5 vezes superior em relação aos que não apresentaram essa atividade. Considerando somente o segmento rural como elemento comparativo, a taxa de incremento foi 5,3 vezes superior entre os referidos grupos de municípios.

Dados mais recentes, de 2008 a 2016, apontam para a evolução da área cultivada dos projetos públicos de irrigação, passando de 82.148 para 96.987 hectares. A produção também acompanhou esse crescimento ao longo dos últimos anos, saltando de 2,5 mi para 3,4 mi toneladas. Entre os destaques está a uva – 98,72% de toda a uva de mesa exportada no período de 2009 a 2015 foi proveniente do vale sanfranciscano, e o projeto público de irrigação Senador Nilo Coelho, situado nos municípios de Casa Nova (BA) e Petrolina (PE), teve participação expressiva nesse resultado.

O produtor Basílio Odilon destina 11 hectares de seu lote no Nilo Coelho à produção de diferentes variedades de uva. Ele afirma que colhe, em média, 37 toneladas por hectare ao ano, quantidade que é destinada a cidades brasileiras como Belém, Fortaleza, São Luís, Salvador e Recife, bem como aos Estados Unidos e a países na Europa. 

A banana é outro exemplo de cultura que se destaca. A produção da fruta no projeto Formoso, em Bom Jesus da Lapa (BA), ocupou o primeiro lugar no ranking nacional em 2015, com 171 mil toneladas, representando 2,5% da quantidade produzida no país. Os dados, divulgados na Pesquisa Agrícola Municipal (PAM), elaborada pelo IBGE, foram resultantes de estudo feito na dissertação de mestrado do técnico da 2ª Superintendência Regional da Codevasf Demétrios Rocha.

Emprego e renda
    
Os projetos públicos de irrigação contribuíram, ao longo dos anos, para o desenvolvimento socioeconômico da região onde estão implantados. Exemplo disso são os polos de Petrolina (PE)/Juazeiro (BA) e do Norte de Minas Gerais, que têm favorecido o aumento das exportações e da geração de superávits comerciais por meio da oferta de produtos nobres e de alto valor comercial.

"A importância da irrigação em regiões de clima semiárido se deve, sobretudo, pela  sustentabilidade econômica proporcionada à atividade agrícola, minimizando principalmente o risco representado pela escassez de água. Além disso, contribui para criação de empregos, fixação do homem no campo, oferta de alimento nos períodos de entressafra e redução dos desequilíbrios regionais e sociais", afirma o presidente da Codevasf, Avelino Neiva.

De acordo com o último levantamento da Codevasf, ao todo, foram gerados nos projetos 97 mil empregos diretos e 145 mil indiretos, totalizando 242 mil postos de trabalho em 2016. "Outro ponto positivo é o aumento da oferta de alimentos nos mercados locais e de outras regiões, onde a sua produção também é comercializada, e isso tende a tornar a sua aquisição mais facilitada pelas classes sociais menos favorecidas, aumentando o poder de compra das mesmas. É importante frisar, ainda, que parte considerável da produção dos projetos de irrigação é composta por frutas, consideradas como alimentos saudáveis", completa a gerente de Apoio à Produção da Codevasf, Andrea Sousa.

O Valor Bruto de Produção (VPB), ou seja, a soma de todos os bens e serviços produzidos nos projetos, também vem evoluindo ao longo dos anos e passou de aproximadamente R$ 1,6 bilhão para R$ 3 bilhões de reais em 2016, o que representa aumento de aproximadamente 184% nos últimos nove anos.
    
"A Codevasf sente orgulho em contribuir com o desenvolvimento da bacia do São Francisco. Os projetos públicos de irrigação melhoraram e os irrigantes investiram em tecnologia. Hoje não só a quantidade produzida é importante, mas também a qualidade dos produtos, principalmente das frutas, que conquistou o mercado internacional. Com isso, ganha o produtor e o consumidor, e mostra um crescimento sustentável que proporciona aumento na geração de emprego e renda, contribuindo para a melhoria dos índices socioeconômicos da região", avalia o diretor da Área de Irrigação da Codevasf, Napoleão Casado.
    
Infraestrutura
    
Os projetos públicos de irrigação da Companhia localizam-se nos estados de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas. A empresa também administra outros dez projetos implantados pela Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) na década de 1990 para compensar famílias que residiam na área onde se formou o lago da usina hidrelétrica de Luiz Gonzaga (PE) – estes são identificados conjuntamente como Sistema Itaparica.

No exercício de 2016, a Codevasf investiu R$ 129,6 milhões em ações de modernização e reabilitação da infraestrutura de uso comum dos projetos públicos de irrigação, em reabilitação e administração de projetos de interesse social e no atendimento a legislação e condicionantes ambientais. Entre as ações, estão serviços de manutenção em cerca de 4 mil km de canais e tubulações, 5 mil km de drenos, 3,6 mil km de estradas e 290 estações de bombeamento.

Paralelamente a isso, a Codevasf instalou sistemas de bombeamento sobre flutuantes (equipamentos móveis instalados no próprio leito do rio) para garantir oferta de água nos projetos públicos de irrigação. Mais de R$ 42 milhões foram investidos desde 2015 pela Companhia na instalação desses sistemas que permitem a captação de água para os projetos de irrigação mesmo com a redução da vazão do rio São Francisco...

Petrolina: Ciclo de Estudos Jurídicos comemora os 30 anos da Justiça Federal

Há 30 anos era instalada a Justiça Federal no município de Petrolina. Para comemorar a data, o Tribunal Regional Federal-TRF, promove nesta sexta-feira (6), o IX Ciclo de Estudos Jurídicos, com participação do presidente do TRF5, desembargador Federal Manoel Erhard e do Juiz Danilo Fontenele, além dos desembargadores federais Leonardo Carvalho, Paulo Machado Cordeiro e Élio Siqueira.  De acordo com informações haverá uma homenagem aos ex-servidores da Subseção de Petrolina, além da entrega de premiação do “1º Concurso de Redação da Justiça Federal de Petrolina/Pernambuco”.

"Esses 30 anos da Justiça Federal em Petrolina foram marcados por muito trabalho na busca da realização da justiça. O momento é de comemoração e de incentivo para que possamos manter a qualidade na prestação jurisdicional", disse o juiz federal titular da 17ª vara, Arthur Napoleão Teixeira Filho. Além disso, o magistrado ressalta que os eventos foram pensados para serem celebrados com a população petrolinense...

Bahia é o terceiro maior estado em conflitos agrários, revela Comissão Pastoral da Terra

A busca por entender os conflitos agrários na Bahia, motivou a pesquisadora e professora do Instituto de Geociências (IGEO) da Universidade Federal da Bahia, Guiomar Inez Germani a criar o grupo de pesquisa Geografar (Geografia dos Assentamentos na Área Rural). O grupo que existe há 22 anos é composto por alunos de graduação e pós-graduação do Instituto de Geociências, das Ciências Sociais, Filosofia, Serviço Social, Economia e outros.

Os dados do Centro de Documentação “Dom Tomás Balduino”, da Comissão Pastoral da Terra (CPT), apontam a Bahia como terceiro estado no Brasil com maior número de conflitos no campo, com 11% do total registrado no país. No Brasil, cerca de 200 mil famílias vivem em acampamentos à espera da Reforma Agrária e outras 3,5 milhões vivem e produzem em áreas que não são suas, seja como trabalhadores ou arrendatários. ..

Universidade Federal da Bahia: com palestras, exposições e livros, Enecult começa nesta terça (12)

 

A Universidade Federal da Bahia (Ufba) promove, a partir desta terça-feira (12), o XIII Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura (Enecult). O projeto é centro de discussões entre diferentes áreas do conhecimento no campo da cultura. O evento, aberto gratuitamente ao público, reúne palestras, exposições, feiras de artes, lançamentos de livros e apresentações musicais. Os minicursos, simpósios e relatos de experiência também dinamizam a programação, que dura até sexta-feira (15). ..

Equipe multiprofissional do HDM/IMIP discute o tema “náuseas e vômitos na gravidez” com grupo de estudo médico-científico

A equipe multiprofissional do Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina, formada por estudantes, residentes, profissionais de medicina e enfermagem, discutiu nesta terça-feira (05) o tema “náuseas e vômitos na gravidez” com o grupo de estudo médico-científico formado por grandes instituições de saúde e ensino do país, do qual o HDM faz parte. 

Essas reuniões realizadas por videoconferência são lideradas pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e acontecem uma vez por mês, sempre abordando um assunto importante para a prática dos serviços. A partir dessa iniciativa são trocadas experiências e estabelecidos protocolos de atendimento, buscando nivelar os conhecimentos sobre determinadas áreas de interesse...

Estudo mostra que uma àrvore é capaz de bombear mais de 300 litros de água

Os rios voadores são “cursos de água atmosféricos”,  formados por massas de ar carregadas de vapor de água, muitas vezes acompanhados por nuvens, e são propelidos pelos ventos. Essas correntes de ar invisíveis passam em cima das nossas cabeças carregando umidade da Bacia Amazônica para o Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil.

Essa umidade, nas condições meteorológicas propícias como uma frente fria vinda do sul, por exemplo, se transforma em chuva. É essa ação de transporte de enormes quantidades de vapor de água pelas correntes aéreas que recebe o nome de rios voadores – um termo que descreve perfeitamente, mas em termos poéticos, um fenômeno real que tem um impacto significante em nossas vidas...

Confira dicas para ter um bom desempenho durante sua rotina de estudos

Entrar numa Universidade é um sonho para muitos jovens e adultos. Seja pelo Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) ou seja pelo vestibular tradicional, a aprovação ou não do estudante depende da sua dedicação e esforço ao longo das duras jornadas de estudo. Outro critério importante e que pode ajudar no bom desempenho, é a organização. O planejamento da rotina fornece um bom ritmo de estudos, pois ajuda a manter o foco e deixar o aluno mais seguro e confiante até o dia em que for fazer a prova.

Confira a matéria completa aqui..

Prefeitura de Juazeiro discute estudos para melhoria da mobilidade e infraestrutura

Com o objetivo de discutir novos estudos para a melhoria da mobilidade e infraestrutura urbana de Juazeiro o titular da pasta de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR), Anderson Alves esteve reunido, nessa quinta-feira (17), com representantes da Gerência Executiva de Governo da Caixa Econômica Federal de Feira de Santana (GIGOV/CEF). A reunião aconteceu na sede da SEDUR e contou ainda com a participação da equipe de engenheiros e arquitetos responsáveis pelo setor de projetos na secretaria.

“Cumprindo a missão que foi dada pelo prefeito Paulo Bonfim a SEDUR, estamos realizando estudos para a elaboração de novos projetos que visam melhorias na mobilidade urbana e infraestrutura da área central e também de alguns bairros de Juazeiro, incluindo soluções de macrodrenagem e urbanização para os riachos urbanos”, explica o secretário Anderson Alves...

CENTRO DE ESTUDOS AGRÁRIOS AUXILIA NO CONHECIMENTO SOBRE A VIDA NO CAMPO

Desde o nascimento do CEA (Centro de Estudos Agrários)  em 2015, vinculado ao componente curricular Geografia Agrária e ao GPVASF (Grupo de Pesquisa em Sociedade e Natureza do Vale do São Francisco), a questão agrária do vale do São Francisco, presente na concentração de terra para produção de cultivos como por exemplo, uva e manga destinadas ao mercado externo, em detrimento da produção voltada para alimentação direta da população  - como é o caso de feijão e milho - vem ganhando notoriedade, por meio do ensino, pesquisa e extensão desenvolvidos por este Centro. 

O trabalho realizado tornou o CEA uma referência na questão agrária e tudo que ela ocasiona: agronegócio; disseminação de agrotóxicos na agricultura; transgenia; agricultura familiar e camponesa; movimentos sociais; conflitos por terra, dentre outros. Por essa razão, passou a estreitar laços com as licenciaturas e os cursos de saúde da UPE/Petrolina (graduação, pós-graduação Lato sensu e Stricto sensu), outras universidades em escala local, nacional e internacional, educação básica, movimentos sociais do campo e comunidade em geral - tanto para conhecer o espaço do Centro localizado na UPE/Petrolina, que dispõe de diversos tipos de sementes crioulas, plantas medicinais, objetos utilizados pelos camponeses, símbolos e instrumentos de luta dos movimentos sociais do campo, sementes transgênicas - como também para proferir palestra ou mesmo para apresentar e divulgar os produtos pedagógicos produzidos...

Reforma Trabalhista não garante melhoria da economia e geração de empregos diz estudos

A desembargadora aposentada Magda Biavaschi, do Tribunal Regional do Trabalho (TRT4), disse que o Supremo Tribunal Federal (STF) está se adiantando e reconhecendo possibilidades previstas da Reforma Trabalhista antes mesmo do projeto sancionado pelo presidente Michel Temer entrar em vigor. 

A afirmação foi feita nesta quinta-feira (10), durante palestra realizada no Seminário Nacional da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade (CONTRATUH), realizado em Brasília (DF). A magistrada também pontuou a Justiça do Trabalho e a Constituição Federal como as próximas "vítimas" do mercado...

Em meio à crise econômica, brasileiros recorrem a bolsas de estudo para ingressar no ensino superior

Diante de um país financeiramente abalado, ingressar ou permanecer no ensino superior tornou-se um desafio ainda maior e, muitos brasileiros vêm adiando a busca pelo diploma, pois as mensalidades inteiras tendem pesar ainda mais no orçamento. A fim de minimizar as desigualdades sociais, o programa Mais Bolsas proporciona a milhares de pessoas o acesso à educação de qualidade mediante a concessão de bolsas de estudo, com descontos de até 50% nos níveis Superior e Básico.

Os moradores de Juazeiro - BA e região podem concorrer a uma das 500  bolsas que estão disponíveis para o segundo semestre de 2017. Da variedade de cursos ofertados na cidade há vagas para Administração, Ciências Contábeis, Gestão Comercial, Pedagogia e muitos outros que podem ser conferidos no site oficial do programa...

Tecnologia no campo: Estudo aponta que 45% dos donos de microempresas rurais baianos usam smartphones para acessar a web

Em estudo divulgado terça-feira (25), Dia do Produtor Rural, o Sebrae mostra que 45% dos donos de microempresas rurais da Bahia usam smartphones para acessar a web. Os principais fatores que levam os produtores rurais baianos a acessarem a internet no seu negócio rural são: uso de e-mail (77,4%); pesquisa de preço/fornecedores (61,3%); serviços financeiros (45,2%); compra de insumos ou mercadorias (38,7%); e serviços do governo (35,5%). A pesquisa nacional foi feita com 4.467 produtores rurais de 27 estados para conhecer a relação entre os pequenos produtores rurais e as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC).

Esse processo de modernização contribui de forma significativa para o aumento da produtividade e da gestão profissional nos empreendimentos. É o caso de Sílvio Kléber Lima, que trabalha com leite e palma em sua propriedade rural no distrito de Jaguara, em Feira de Santana. Ele, que é produtor há 25 anos, viu sua fazenda se transformar desde que modificou todo o modo de produção e gestão com o apoio do Sebrae e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Como uma das novidades dessa reformulação, há três anos passou a utilizar smartphone e o computador com acesso à internet para alavancar o negócio. "Antes eu não ligava para essas coisas, mas, com esse incentivo do Sebrae, juntamente com o Senar, mudou tudo, melhorou bastante. Passei a usar a internet para pesquisar coisas novas para o negócio, diminuí despesas com compras. A fazenda agora é uma empresa, dá rendimento como qualquer comércio da cidade", detalha o produtor...

UNEB JUAZEIRO REALIZA II SEMINÁRIO DO GRUPO DE ESTUDOS EM ETNOBIOLOGIA E CONSERVAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS

O programa de mestrado em Ecologia Humana e Gestão Socioambiental (PPGEcoH) do Campus III da UNEB, em Juazeiro, vai realizar o II Seminário do Grupo de Estudos em Etnobiologia e Conservação dos recursos Naturais nos dias 10 e 11 de agosto, na unidade. O evento, gratuito e aberto ao público, tem como objetivo promover um debate entre pesquisadores de diversas áreas do conhecimento, buscando uma melhor compreensão das percepções e representações das pessoas sobre o ambiente na região semiárida do Nordeste brasileiro.

Os interessados em submeter trabalhos (ver regras) devem realizar inscrição, no site do evento, até o dia 5 de agosto. As inscrições de ouvintes seguem abertas no mesmo endereço eletrônico. A programação do evento reserva palestra, mesa-redonda, minicursos e apresentações de trabalhos. Para certificação dos minicursos e participação no evento, os inscritos deverão ter no mínimo 75% de frequência...

Ballet Jovem Vale do São Francisco abre seleção para ofertar bolsas de estudo

A companhia escolar de dança Ballet Jovem Vale do São Francisco está abrindo um processo seletivo para oferecer bolsas de estudo integral para adolescentes e jovens que possuam entre 13 e 23 anos, e que queiram aprimorar suas técnicas artísticas de dança.

CLIQUE PARA SABER MAIS..

Adolescência será tema da II Jornada de Estudos em Psicanálise da Univasf

A difusão midiática de fenômenos como o jogo Baleia Azul e o sucesso da série estadunidense ‘13 Reasons Why’ têm provocado na população e nas comunidades científicas a necessidade de falar sobre a adolescência. Com esse intuito, será realizada a II Jornada de Estudos em Psicanálise, organizada pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), através do Núcleo de Estudos em Psicanálise e Saúde Mental (NuPSaM). O evento trabalhará a temática “Adolescência: do desejo à violência” e acontecerá dia 18 de julho, no auditório da biblioteca do Campus Sede da Univasf, em Petrolina (PE).

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através de formulário eletrônico ou presencialmente, no local do evento, a partir das 18h, horário da abertura. A jornada vai até às 22h e será dividida em duas mesas redondas, onde haverá a apresentação de trabalhos sobre especificidades da adolescência na perspectiva psicanalítica. Estarão presentes, mediando as discussões, as professoras Shimênia Cruz, doutora em Psicologia, e Leilane Bonfim, Mestre em Psicologia e especialista em Teoria da Psicanálise de orientação lacaniana, ambas do Colegiado de Psicologia da Univasf...

Educa Mais Brasil: garanta a sua bolsa de estudo para este segundo semestre em Juazeiro

Estar qualificado tornou-se o maior desejo de muitos brasileiros. Isso porquê uma boa formação educacional, além de destacar o currículo e valorizar o profissional, ajuda a obter uma dose extra de conhecimentos. Porém, planejar a capacitação na área almejada parece ser uma realidade distante quando o investimento não cabe no orçamento.

Se você se encaixa nesse perfil, não se preocupe. O Educa Mais Brasil te dá a oportunidade para alcançar o seu objetivo profissional por meio de bolsas de estudo com até 70% de desconto. Este programa de inclusão educacional já ajudou mais de 450 mil alunos durante os seus 14 anos de atuação em todo o país...

Prefeitura de Petrolina vai realizar estudo para avaliar as condições das praças do município

Com o objetivo de atender uma antiga reivindicação de quem busca os espaços públicos da cidade para um momento de lazer e nem sempre encontra um local bem estruturado, a Prefeitura de Petrolina está lançando um trabalho de diagnóstico das praças da cidade. A iniciativa, que será realizada em parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) e Secretaria de Planejamento e Inovação (SEPI), começa nesta segunda-feira, 05 de junho. As ações vão ser desenvolvidas paralelamente ao programa Nossa Praça, lançado no último dia 31, que tem como objetivo unir a população e o empresariado na preservação das praças da cidade.

As equipes envolvidas no projeto vão percorrer todo o município, desde o perímetro urbano da sede até povoados e distritos localizados na zona rural. Estudos preliminares apontam a existência de aproximadamente 110 praças em toda Petrolina. Com um auxílio de um aplicativo desenvolvido pela SEPI, será possível tabular alguns dados sobre as praças, como quantidade e localização. Além disso, o estado de conservação de cada uma também será avaliado a partir da análise de itens que compõem a estrutura física dos espaços, a exemplo de piso, iluminação, bancos, vegetação, calçadas e equipamentos de lazer. A característica predominante de cada praça também será definida, afinal, é importante saber se o espaço possui perfil esportivo, cultural ou histórico.

Depois deste trabalho de campo, o diagnóstico ainda vai contar com outras duas fases. A elaboração do plano de intervenções a serem realizadas nas praças e a estruturação da manutenção necessária em cada caso. Com este planejamento, será possível otimizar tempo e dinheiro empregados na recuperação das praças da cidade, estimulando o convívio, o aproveitamento e o bem-estar para uma melhor qualidade de vida da população de Petrolina...

Prefeito Paulo Bomfim se reúne com representante do DNIT que veio finalizar estudo socioeconômico do Anel Viário de Juazeiro e Petrolina

O prefeito Paulo Bomfim recebeu nesta quarta-feira, 17, a visita da representante do Departamento Nacional de Infraestrura de Transportes/DNIT, a economista Leilane Vaz Menezes, que coordena a equipe responsável pelo levantamento socioeconômico do projeto do Anel Viário de Juazeiro e Petrolina. Por meio de contrato firmado com o Consórcio PROSUL/APPE, o DNIT está elaborando o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental – EVTEA, para algumas rodovias nordestinas, dentre as quais, os trechos entre a Bahia e Pernambuco da BR 407 e BR 428, que será contemplado com o chamado Anel Viário de Juazeiro e Petrolina, no qual prevê uma nova ponte sobre o Rio São Francisco para desvio dos caminhões de cargas das áreas urbanas das duas cidades. 

"Além da demora do transporte das cargas, os caminhões que passam pelas áreas urbanas de Juazeiro e Petrolina provocam transtornos diversos à população, como acidentes, congestionamentos e danos às vias. Ou seja, é um custo social muito alto. Por isso, nosso estudo aponta para o grande benefício que se terá com a construção do Anel Viário", explicou Leilane Vaz...

Univasf oferta uma vaga de estágio para Centro de Estudos e Práticas em Psicologia (CEPPSI)

O Centro de Estudos e Práticas em Psicologia (CEPPSI) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) está com inscrições abertas para a seleção de uma vaga de estágio remunerado. Podem participar do processo seletivo estudantes do curso de Psicologia matriculados entre o 4º e o 6º períodos ou que tenham cursado entre 40% e 60% da carga horária total. O prazo encerra na próxima sexta-feira (24).

As inscrições são gratuitas e realizadas através do Sistema de Processo Seletivo da Univasf. No momento da inscrição, devem ser enviados o currículo Lattes, histórico escolar atualizado, horário do semestre em que o estudante está matriculado e uma carta de intenção, além da ficha de inscrição, disponível no Anexo I do Edital Nº 2/2017. Os candidatos também precisam entregar até sexta-feira (24), na sede do CEPPSI, cópias dos documentos que comprovem as informações presentes no currículo, reunidos em um envelope lacrado.

Os candidatos devem ter afinidade com atendimento ao público em serviços de saúde, facilidade para trabalhar em equipe, entre outras habilidades exigidas em edital. O valor da bolsa ofertada é de R$ 364,00, mais auxílio transporte de R$ 132,00. O estagiário selecionado cumprirá carga horária de 20 horas semanais, em horário correspondente ao expediente do CEPPSI e compatível com o horário do curso de graduação. A vigência do contrato é de seis meses...