Foram encontrados 37 registros para a palavra: chikungunya

Alerta Juazeiro: Autoridades da Saúde buscam soluções conjuntas para conter a proliferação do mosquito transmissor da Dengue

O Núcleo Regional de Saúde divulgou o informativo das arboviroses urbanas (casos prováveis de Dengue, Chikungunya e Zica) nas 05 últimas semanas epidemiológicas 2024.

Juazeiro apresenta casos de Chikungunya e de dengue. O Índice de Infestação Predial (percentual de imóveis positivos com aedes aegypti) 2024 é de 1,03%, considerado de alerta...

Dengue e chikungunya levam Minas Gerais a decretar emergência

O Governo de Minas Gerais decretou emergência em saúde por causa da explosão de casos de dengue. A confirmação foi publicada no Diário Oficial do Estado neste sábado (27/1) e valerá por seis meses.

Segundo o decreto, assinado pelo Governador Romeu Zema (Novo), “Fica autorizada a adoção de todas as medidas administrativas e assistenciais necessárias à contenção do aumento da incidência de casos de Arboviroses”...

Dengue e chikungunya: Brasil tem alta de casos de infecção com os dois vírus ao mesmo tempo

Se não bastasse o crescimento de casos de dengue e chikungunya no Brasil, os casos de infecção simultânea pelos dois vírus, uma condição que se considerava rara, tiveram um aumento tão expressivo que surpreendeu cientistas. Uma análise de vigilância genômica e epidemiológica de arboviroses (doenças transmitidas por mosquitos) realizada no país revelou que os casos de chikungunya aumentaram sete vezes e os de dengue, três vezes, em 2023 em relação a 2022.

Porém, o que impressiona é a taxa de 11% de casos de pessoas infectadas ao mesmo tempo em Minas Gerais pelos dois vírus, percentual considerado muito alto e cujas causas e consequências ainda não são bem conhecidas.

O coordenador do estudo, Renato Santana, pesquisador do Departamento de Genética, Ecologia e Evolução da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), diz que as taxas de coinfecção no Brasil, em ocasiões em que aconteceram picos de dengue, chikungunya e zika, ficaram em 2%...

Ministério da Saúde lança campanha após aumento da dengue, Zika e chikungunya

Em meio ao aumento de casos de dengue, Zika e chikungunya no Brasil, o Ministério da Saúde lançou nesta quinta-feira (4) a campanha nacional de combate às três arboviroses. Com a mensagem Brasil unido contra a dengue, Zika e chikungunya, a pasta alerta para sinais, sintomas, prevenção e controle das doenças, transmitidas por um mesmo vetor, o mosquito, em particular o Aedes aegypti, popularmente conhecido como pernilongo rajado em razão das listras brancas nas pernas.

A reintrodução do vírus da dengue no Brasil aconteceu em 1986. Já o chikungunya foi registrado pela primeira vez em 2014, enquanto o Zika foi identificado no país em 2015...

Instituto recruta voluntários para teste de vacina contra chikungunya

O Instituto de Infectologia Emílio Ribas, na capital paulista, esta recrutando voluntários adolescentes, de 12 a 17 anos de idade, para participar dos testes da primeira vacina contra a chikungunya. O imunizante já se provou seguro e eficiente em pesquisa realizada nos Estados Unidos com 4.115 adultos, e agora está em fase final de aprovação no órgão regulador norte-americano.

No Brasil, o estudo, encabeçado pelo Instituto Butantan, está recrutando 750 adolescentes em dez centros de pesquisa. No estado de São Paulo, o Instituto de Infectologia Emílio Ribas é o responsável pelos testes, que já começaram a ser feitos em uma parcela dos adolescentes participantes, no início do ano...

Brasil inicia testes em humanos da primeira vacina contra chikungunya no mundo

O Brasil vai iniciar os testes em humanos de uma vacina contra o vírus chikungunya nos próximos meses. O imunizante, desenvolvido pelo laboratório europeu Valneva em parceria com o Instituto Butantan, é o primeiro no mundo contra o patógeno.

Se aprovado, ele será a única forma de prevenir contra a doença, que pode provocar lesões na pele, dores nas articulações, imobilização e até morte...

Pernambuco reconhece morte de idosa de Petrolina como a primeira por chikungunya em 2022

A Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES-PE) confirmou, nesta terça (28), a primeira morte provocada por chikungunya no estado, em 2022. Este ano, também foi notificado um óbito causado por dengue. A vítima de chikungunya é uma idosa, de 86 anos, que morava em Petrolina, cujo óbito ocorreu no dia 6 de abril.

Dados do boletim de arboviroses mais recente divulgado pela SES mostram que, até 11 de junho, 22.049 casos de chikungunya tinham sido notificados no estado, em 167 municípios. Desse total, 4.644 foram confirmados. Outros 4.377 estão descartados. Esses números representam um aumento de 17,2% nas notificações da doença em comparação com o mesmo período do ano passado, quando 18.812 casos foram registrados...

Petrolina está entre as 10 cidades do país com mais casos de chikungunya, diz Saúde

As cidades de Salgueiro e Petrolina, no Sertão de Pernambuco, estão entre as 10 cidades do Brasil com mais registros de casos prováveis de chikungunya em 2022, segundo dados do Ministério da Saúde. Até a semana epidemiológica 17, encerrada em 30 de abril, Salgueiro tem 2.164 casos da arbovirose, ocupando, portanto, a quarta colocação nacional. Petrolina aparece em sétimo, com 1.555 casos.

De acordo com informações na Folha de Pernambuco, as três primeiras colocadas no ranking nacional de casos são do Ceará: Juazeiro do Norte (3.926 casos), Fortaleza (2.362 casos) e Crato (2.243 casos). Das 10 primeiras, oito são do Nordeste. Entre a semana epidemiológica 16, que acabou no dia 23 de abril, e a 17, Salgueiro notificou 281 casos - eram 1.883. Já em Petrolina o aumento foi de 644 casos - passou de 911 para 1.555...

Demora para entrega de exames de Dengue,Chikungunya e Zica preocupa juazeirenses. Secretaria de Saúde da Bahia diz que resultado sai em 03 dias

Semana passada a REDEGN obteve informação que dezenas de juazeirenses estão preocupados e reclamam da demora para a entrega de um exame que vai mostrar se a pessoa está com Dengue, Chikungunya e ou Zica.

Reportagem exclusiva da REDEGN teve acesso a um documento que mostra que um exame de sangue feito na rede municipal de saúde pode demorar mais de 15 dias para ficar pronto. ..

Petrolina confirma primeiro óbito por Chikungunya

Nesta sexta-feira (6), a Prefeitura de Petrolina confirmou o primeiro óbito causado pela Chikungunya através do critério clínico epidemiológico. A paciente foi notificada dia 6 de abril, mesmo dia do óbito, no entanto a Secretaria de Saúde só teve a confirmação da causa morte nesta sexta, após recebimento do resultado do exame da irmã da mulher, que testou positivo para a doença, elas moravam na mesma casa.

A paciente era uma idosa, de 86 anos, sem históricos de comorbidades...

Juazeiro: Demora para entrega de exames de Dengue, Chikungunya e Zica preocupa pacientes. "É Um absurdo"

A REDEGN obteve informação que centenas de juazeirenses estão preocupados e reclamam da demora para a entrega do exame que vai mostrar se a pessoa está com Dengue, Chikungunya e ou Zica. A Reportagem da REDEGN, com exclusividade, teve acesso a um documento que mostra que um exame de sangue para detectar as doenças pode demorar mais de 15 dias para ficar pronto. 

Detalhe: os exames solicitados pela rede pública de saúde,  em Juazeiro, Bahia são levados para o Lacen, em Salvador. "É absurdo. Desde o mês de abril que passei mal, o médico pediu um exame de sangue porque disse que poderia ser dengue e até agora não sei o resultado do exame", conta uma fonte da REDEGN, que prefere não ser identificada...

Casos de dengue e chikungunya aumentam em Juazeiro

Várias pessoas estão com queixas sobre os casos de aumento de dengue e chikungunya em Juazeiro. A reclamação muitas dores pelo corpo.

Um leitor chama à atenção para os casos que são subnotificados ou seja aqueles que não procuram o atendimento médico...

Juazeiro: 40 casos confirmados e 162 notificações de casos de Chikungunya até abril /2022

O número de casos de dengue caiu na Bahia em 4,6%, em comparação com 2021. No total, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) registrou, de 1º de janeiro a 19 de abril deste ano, 12.924 casos: 624 a menos que no último ano, quando 13.548 ocorrências foram contabilizadas.

Já os casos de zika e chikungunya, que também são transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, tiveram crescimento. ..

Bahia registra mais de 24,5 mil casos de dengue, zika e chikungunya em 2022

Até a 16ª Semana Epidemiológica de 2022, (até 23 de abril), foram notificados 24.500 casos das três arboviroses urbanas na Bahia: dengue, chinkungunya e zika. Só de dengue, foram 14.732 casos, registrados em 271 municípios, com 16 óbitos.

Os dados são da pesquisa realizada pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Bahia (Divep), da Secretaria de Saúde dp Estado (Sesab).O lLevantamento das últimas quatro semanas epidemiológicas revela dez municípios em epidemia para dengue: Urandi, Coaraci, Floresta Azul, Potiraguá, Apuarema, Mirangaba, Caatiba, Santa Cruz da Vitória, Remanso e Oliveira dos Brejinhos. ..

Arboviroses: Pernambuco registra aumento de 469% nos casos de chikungunya

Um aumento expressivo no número de casos de dengue, zika e chikungunya foi registrado nos primeiros sete meses de 2021 em Pernambuco. Transmitidas pela fêmea adulta do mosquito Aedes aegypti, essas arboviroses estão mais presentes no Estado.

Até o último dia 30 de julho, foram confirmados 9.378 casos para chikungunya, 6.926  para dengue e 10 para o zika. Em relação ao mesmo período do ano anterior, as confirmações chikungunya tiveram um aumento de 469% nos casos envolvendo chikungunya (1.648 casos confirmados em 2020), enquanto houve uma queda de 15,2% para dengue (8.174 casos) e de 28,6% para zika (14 casos)...

Ações da prefeitura nos canais podem reduzir os casos de dengue, zika e chikungunya em Juazeiro

A Secretaria de Saúde de Juazeiro avalia regularmente o boletim epidemiológico para acompanhar casos de doenças no município como dengue, zika e chikungunya, ambas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

De janeiro a junho de 2021, foram confirmados 07 casos de chikungunya. Dos 97 casos notificados de dengue, 4 foram confirmados. De janeiro a junho, apenas um caso de zika foi notificado, mas não foi confirmado...

Juazeiro apresenta baixo risco para dengue, Zika e Chikungunya no 1º LIRAa do ano

O município de Juazeiro apresentou baixo risco para infestação de Aedes aegypti, segundo o resultado do primeiro Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti (LIRAa). A pesquisa foi realizada pela Secretaria de Saúde (SESAU), através da equipe da Vigilância Epidemiológica.

O primeiro LIRAa, que é realizado a cada três meses, foi feito entre os dias 12 e 16 de abril. O Índice de Infestação Predial ficou em 0,7. Juazeiro possui 123 mil imóveis. ..

Dados sobre dengue e chikungunya ficam um mês sem ser atualizados pelo governo federal

O Ministério da Saúde passou um mês, de 24 de dezembro a 26 de janeiro, sem atualizar o boletim epidemiológico sobre doenças como dengue, chikungunya e zika. Isso ocorre no período em que essas doenças alcançam seus picos de contaminação, que vai de janeiro a abril.

A observação é da coluna Painel, da Folha de S. Paulo, que pontua que os boletins costumam ser publicados semanal ou quinzenalmente em épocas de sazonalidade. Eles mostram detalhes sobre os casos notificados em cada região do país e servem de base para o planejamento de políticas públicas para contenção das doenças...

Sobradinho: Prefeitura inicia mutirão de combate a dengue, zika e chikungunya

Mesmo direcionada às ações de prevenção e combate ao Coronavírus, a Prefeitura de Sobradinho, através das Secretarias de Saúde e de Infraestrutura e Serviços Públicos vem intensificando o trabalho preventivo a proliferação do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Nessa segunda-feira (4), os agentes de endemias e os profissionais de serviços públicos e de limpeza deram início a um mutirão de coleta de resíduos e recipientes que causem a proliferação das larvas do mosquito nos logradouros públicos da cidade. Cerca de 30 trabalhadores participaram da ação, que começou pela São Francisco. As atividades seguem durante os próximos dias e atenderão a todos os bairros da cidade...

Sobradinho: Prefeitura intensifica ações de combate a Dengue, Zika e Chikungunya, através de mutirão de coleta de resíduos

Em tempos de pandemia do novo Coronavírus, a dengue também vem preocupando as autoridades sanitárias de todo o país. Segundo o Ministério da Saúde os números das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, dengue, Chikungunya e a Zika, mais frequentes entre os meses de abril e maio, este ano tiveram um crescimento considerável.

O MS justifica o surto de dengue,ao aumento da circulação do sorotipo 2, um dos quatro sorotipos da doença,contra a qual a grande maioria da população está sem imunização. Em Sobradinho, segundo dados da Secretaria de Saúde, existem cerca de cem casos suspeitos de pessoas com sintomas de dengue. Até o momento,sem registros de casos de Chikungunya e Zika...