RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 46 registros para a palavra: Pedra Branca

Seguindo meta de requalificar 100% das escolas, Prefeitura de Curaçá entrega mais equipamentos em Pedra Branca e Agrovila 7

A Prefeitura de Curaçá, seguindo uma pauta de qualificação de 100% das escolas do município, entregou neste sábado, dia 18, na Agrovila 7 e em Pedra Branca, mais requalificação de escola e entrega de quadras poliesportivas.

Na comunidade de Agrovila 7 foi entregue a quadra poliesportiva, Irineu Conceição dos Santos, enquanto em Pedra Branca foi entregue à comunidade a requalificação da escola Barnabé Hipólito, totalmente requalificada e equipada, e a quadra poliesportiva que recebeu o nome do líder político e ex-vereador de Curaçá, Onofre Hipólito, em memória...

Gestão em Curaçá entrega mais uma escola, em Matinha, e segue a meta de reformar 100% de escolas do município

A Prefeitura Municipal de Curaçá, através da Secretaria de Educação, entregou, nesta quinta-feira, 25 de novembro, mais uma escola Municipal, dentre tantas outras já entregues em vários distritos e na sede do município.

Com a presença do Prefeito Pedro Oliveira, do vice-prefeito Adriano Araújo, secretários, vereadores e da comunidade, a unidade entregue desta vez foi a Escola Municipal Sagrada Família, em Matinha, no povoado de Pedra Branca, totalmente reformada, ampliada, climatizada e equipada, garantindo além do ensino de qualidade praticado na gestão Nosso Povo, Nossa Força, mais conforto para professores, demais servidores e principalmente para os alunos...

Lançamento do Trailer do Docudrama: Itamotinga Pedra Branca

A Associação Comunitária Cultural Artística de Itamotinga ( ACCARDI), em e-mail a Rede GN anunciou o trailer oficial do Docudrama: Itamotinga Pedra Branca.

Selecionado no Edital Usinas Culturais da Secretaria Municipal de Cultura Turismo e Esportes de Juazeiro Bahia o projeto audiovisual conta com recursos da Lei 10.017/2020 de 29 de junho de 2020, Lei Aldir Blanc da Emergência Cultural...

Curaçá: Governo Municipal realiza visita técnica ao Povoado de Pedra Branca

O Prefeito de Curaçá, Pedro Oliveira, acompanhado de secretários e de equipes técnicas da prefeitura, visitaram em loco as obras que estão sendo realizadas nas Agrovilas, incluindo as estradas que estão sendo recuperadas pelo “Programa Estrada Para o Povo”.

O prefeito e sua equipe visitaram também a Escola Municipal João Batista dos Santos, em Pedra Branca, que vem sendo completamente reformada pela gestão...

PM erradica 13.500 pés de maconha no distrito de Pedra Branca em Curaçá

Durante operação da 45ª CIPM/Curaçá neste sábado, dia 18, após recolhimento de informações que davam conta de supostos plantios de Cannabis Sativa entre as agrovilas 1 e 2, Projeto Pedra Branca, a Guarnição do 5° PEL/Agrovilas se deslocou ao loca e constatou a veracidade das informações.

Por volta das 05h00min, ao efetuar incursões entre a Agrovila 1 e 2, foram encontrados aproximadamente 13.500 (treze mil e quinhentos) pés da erva, em diferentes etapas do cultivo...

PRODUTORES DO PERÍMETRO IRRIGADO PEDRA BRANCA EM CURAÇÁ E ABARÉ DENUNCIAM NEGLIGÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL

Em e-mail ao Blog Geraldo José produtores do Perímetro Irrigado de Pedra Branca em Curaçá e Abaré na Bahia, denunciam negligência do governo federal por intermédio da Codevasf. Confira:

Com oito meses sem receber da CODEVASF as faturas referentes aos contratos de Operação e Manutenção (O&M) do Perímetro Irrigado de Pedra Branca, A empresa Senha Engenharia SS, responsável pela execução do contrato O&M, vem acumulando três meses de atraso do pagamento dos salários dos funcionários, contratos de motos e veículos dos mesmos, além de quatro meses de vale alimentação. A falta de condição básica de trabalho, resultou na decisão dos seus funcionários, num total de 48, em estabelecer greve geral na tarde de hoje, 07/08/2018, já que deste ontem vinham trabalhando em estado de greve, funcionando somente com 30% de horas normalmente trabalhadas...

PROJETO PEDRA BRANCA ABANDONADO PELA CHESF E CODEVASF

O projeto Pedra Branca completa 30 anos no mês de março e vem passando por diversas dificuldades com os serviços de O&M – Operação e Manutenção que são de responsabilidade da CHESF e CODEVASF há muito tempo.

Com a omissão da CHESF/CODEVASF em disponibilizar água suficiente para irrigação há cerca de dois anos os prejuízos acumulados são incalculáveis e os produtores já não conseguem produzir com qualidade, uma vez que a perda da produção já chega em torno de 70%...

Pedra Branca, zona rural de Campo Alegre de Lourdes, comemora a chegada da energia elétrica

Mais uma comunidade da zona rural de Campo Alegre de Lourdes foi beneficiada com a chegada da energia elétrica, desta vez, Pedra Branca. A conquista se deve ao empenho do prefeito municipal Dr.Enilson, do secretário de Agricultura e Recursos Hídricos Maruzinho dos Passos (Mazim) e investimentos do Governo Federal, através do Programa Luz Para Todos.

A conquista foi festejada na noite da última sexta-feira (03/11), em uma grande confraternização que reuniu autoridades, lideranças políticas, moradores de Pedra Branca e de comunidades vizinhas...

Moradores de Pedra Branca, em Curaçá, sofrem com a longa estiagem do Rio São Francisco

O ex-vice-prefeito de Curaçá, Péricles Bahia, entrou em contato com a redação do Blog Geraldo José para denunciar a situação crítica em que vivem as famílias que habitam o Projeto Pedra Branca, em Curaçá...

TRABALHADORES DE PROJETOS IRRIGADOS DA CODEVASF PARALISAM E PRODUTORES SOFREM PREJUÍZOS EM PEDRA BRANCA, GLÓRIA E RODELAS

Funcionários do Projeto Pedra Branca, que servem à Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba) nas comunidades de Pedra Branca, Glória e Rodelas paralisaram as atividades e realizaram uma manifestação na manhã desta terça-feira (27), no Trevo do Ibó-Bahia, porque estão com, os seus salários atrasados há cinco meses...

FUNCIONÁRIOS DO PROJETO PEDRA BRANCA PARALISAM ATIVIDADES E PRODUTORES DE PERÍMETROS IRRIGADOS DE CURAÇÁ ESTÃO SEM ÁGUA

Funcionários que prestam serviço para a Codevasf no Projeto de Irrigação Pedra Branca, estão com os serviços paralisados (abastecimento de água para consumo humano e irrigação), por se encontrarem há cinco meses e meio sem receber salários.                        

Em contato com o Blog do Geraldo José eles informaram que amanhã haverá uma manifestação na BR-116 no trevo do Ibó-Bahia, às 08:00 da manhã. A empresa Hidrosondas e demais empresas que prestam serviços para a Codevsf, junto com os trabalhadores, vem buscando uma solição para o impasse e pressionanado a CODEVASF a se pronunciar sobre a falta de repasses para as empresas prestadoras de serviços...

Flambinho e Pinzoh realizam histórico ato político nas Agrovilas e em Pedra Branca

..

CODEVASF garante continuidade de prestação de serviço de empresa no perímetro de Pedra Branca

Evitar que os produtores do perímetro irrigado de Pedra Branca, em Curaçá, fiquem sem a prestação de serviços da Hidrosonda, empresa responsável pela manutenção e operação das bombas de irrigação, foi a pauta das audiências que o deputado estadual Eduardo Salles, o deputado federal Mário Júnior, o prefeito Carlinhos Brandão e o representante dos trabalhadores, Cláudio Santos, tiveram nesta quarta-feira (15) na CODEVASF (Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco) e Ministério da Integração Nacional, em Brasília.
 
Conforme dados dos técnicos da CODEVASF, o repasse à Hidrosonda está quatro meses atrasado. Apenas o débito do órgão federal com a empresa em relação aos serviços do perímetro de Pedra Branca chega a R$ 2 milhões. "Essa demora no pagamento afeta a quitação do salário dos mais de 100 trabalhadores", reclamou Carlinhos Brandão.
 
"Outro problema que a interrupção da prestação de serviços pode trazer é a paralisação do fornecimento de água, inviabilizando a agricultura porque as culturas cultivadas são perenes, e dificuldade até para suprir a demanda dos moradores do perímetro de Pedra Branca", lembrou Eduardo Salles.
 
O presidente da CODEVASF, José Alexandre Machado, e o diretor de Gestão Interna do Ministério da Integração Nacional, Diogo Perez, informaram que o órgão federal vai pagar imediatamente parte da dívida e acordar com a Hidrosonda a manutenção da prestação de serviços até a realização do contrato emergencial com outra empresa.
 
"Ficamos aliviados porque existia a possibilidade de os serviços serem paralisados já no domingo (19). Saímos da audiência com a garantia que a CODEVASF vai resolver o problema", comemorou Eduardo Salles. Carlinhos Brandão ressaltou a importância da presença de Cláudio Santos. "Sem o entendimento dos trabalhadores, nosso acordo não seria possível", ponderou o gestor.
 
Os parlamentares solicitaram ainda da CODEVASF e Ministério da Integração Nacional acordo com a COELBA para a quitação dos débitos. José Alexandre e Diogo Perez confirmaram que os órgãos estão entrando em acordo com a fornecedora de energia elétrica para arcar com os custos até o final do ano.
 
EMENDA
 
Durante a audiência, Mário Júnior informou ter conseguido emenda impositiva da bancada no valor de R$ 28 milhões. O dinheiro, já aprovado na CMO (Comissão Mista do Orçamento), será destinado à CODEVASF. O valor, conforme o deputado federal, no momento bloqueado pelo governo federal por contingenciamento de recursos, servirá para investimento em infraestrutura nos perímetros irrigados de Pedra Branca, Glória e Rodelas. Técnicos da CODEVASF estimam custo de R$ 27 milhões para realizar os serviços.
 
"Esse recurso é fundamental para a troca de adutora e modernização do sistema de irrigação. É claro que os agricultores devem andar com suas próprias pernas e não dependerem do aporte da CODEVASF, mas não podemos entregar os perímetros aos agricultores da forma como está agora, completamente sem condições de sustentabilidade. É preciso esse investimento em infraestrutura para ocorrer o desmame", disse Eduardo Salles.
..

Hidrosondas assume por mais um mês o abastecimento de água no projeto Pedra Branca, em Curaçá

Após reivindicação do pré-candidato a prefeito de Curaçá pelo PDT, Péricles Bahia, a empresa Hidrosondas vai garantir o abastecimento de água para consumo humano e produção no projeto Pedra Branca por 30 dias.

A decisão foi dita após reunião com os representantes da empresa, vereadores e o ex-vice-prefeito Perícles nesta sexta-feira (13). O projeto Pedra Branca estava sem o abastecimento regular de água devido ao término de contrato com a empresa Hidrosandas responsável pelo fornecimento...

Péricles reivindica solução para falta de água no projeto Pedra Branca, em Curaçá

A pedido dos moradores do projeto Pedra Branca, em Curaçá, que sofrem como drama da falta de água para produção agrícola e consumo humano devido ao término do contrato com a empresa Hidrosondas, o pré-candidato a prefeito pelo PDT, Péricles Bahia -ex-vice-prefeito de Curaçá- esteve reunido nesta quinta-feira (12) com o Superintendente da Codevasf, em Juazeiro, José Ailton.

No encontro, Perícles cobrou um posicionamento da Codevasf frente ao problema que já prejudica milhares de famílias curaçaense e solicitou que o município,o Estado e a União assumam suas respectivas responsabilidades.
 
"Segundo o superintendente da Codevasf, o órgão está passando por um processo de reorganização em função da troca de comando no Governo Federal,mas que até o dia 18 de maio teriam condições de oferecer uma solução mais precisa,inclusive com a possibilidade de renovação do contrato com a Hidrosondas", afirmou o ex-vice-prefeito.
 
Perícles ressaltou ainda durante a reunião que é inadmissível que os moradores das agrovilas vivam em constante apreensão quanto a possibilidade frequente da interrupção de água. "O  povo das agrovilas é extremamente importante para o desenvolvimento econômico de Curaçá e não podem ficar nesta situação precária", disse. 
..

Chegaram a Juazeiro os flutuantes de Curaçá e Pedra Branca

Nesta terça-feira (22), o superintendente regional da Codevasf em Juazeiro, José Hailton Carneiro de Oliveira, acompanhado de técnicos da companhia, fez uma vistoria nas peças que integram os conjuntos de captação flutuante de água que já começaram a chegar ao pátio da superintendência, no bairro de Piranga em Juazeiro.

Com uma vazão máxima de 9000 m³/s os dois sistemas serão destinados aos perímetros irrigados de Curaçá (Estação de Bombeamento nº 2) e Perda Branca (EB principal). A previsão para o início da instalação é ainda esta semana em Curaçá e para o final do mês em Pedra Branca. A expectativa é de que até final de janeiro do ano que vem os dois sistemas já estejam funcionando...

Isaac articula encontro de Ministro da Integração com trabalhadores dos projetos Pedra Branca, Rodelas e Glória

Após uma articulação do prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho, trabalhadores dos perímetros irrigados de Pedra Branca e dos municípios de Glória e Rodelas foram recebidos na noite da última segunda-feira, 31, na sede da Codevasf, em Petrolina, pelo presidente da instituição, Felipe Oliveira e o ministro da Integração, Gilberto Ochi. Ele garantiu que ainda nesta terça-feira, primeiro dia do mês de setembro, faria um repasse de R$800 mil para a 6ª Codevasf repassar à empresa que faz o abastecimento d'água dos lotes pagar aos funcionários ao menos uma folha salarial.

Apesar deste recurso não ser o suficiente, Cláudio Feliciano, representante dos trabalhadores, agradeceu ao prefeito Isaac por ter mediado o encontro e abrir caminhos para a solução do problema. "Nós pedimos ao prefeito Isaac para que intercedesse por nós e marcasse esse encontro com o Ministro. Ainda é pouco, resolve parte do problema, mas nós ainda vamos continuar com o movimento, pois mais de 5 mil pessoas dependem desses salários atrasados", afirmou Feliciano...

Vereadores de Curaçá estão insatisfeitos com a falta de negociação entre a Codevasf e a empresa Hidrosondas

O projeto Pedra Branca, em Curaçá, e o Projeto Glória tiveram o fornecimento de água interrompido nesta quarta-feira (05) devido a mais uma paralisação dos funcionários da empresa Hidrosondas, responsável pela manutenção dos projetos irrigados. O movimento quer chamar a atenção da Codevasf para o pagamento dos salários atrasados dos trabalhadores.

“A paralisação de hoje por parte dos funcionários das Hidrosondas é por que eles estão com os salários atrasados. Eles irão voltar a trabalhar, mas se os pagamentos não forem efetuados eles irão parar as atividades por tempo indeterminado. Isso prejudicará todos os moradores”, afirmou o presidente da Câmara de Vereadores de Curaçá, Pedro Henrique Ferreira, popular Dedé do Mundo Novo, durante o programa Geraldo José nesta quarta-feira...

Funcionários da Hidrosondas paralisam atividades e produtores de perímetros irrigados estão sem água em Pedra Branca e Abaré

Na tarde desta segunda-feira (18) membros da Cooperativa Agropecuária dos Reassentados de Pedra Branca (COOARPEB), em Curaçá, informaram a redação do Blog Geraldo José que funcionários da Hidrosondas, uma empresa que presta serviço a Codevasf, estão com suas atividades paralisadas por falta de pagamento. Segundo os produtores, há dois meses os salários não são repassados para os trabalhadores da empresa.

Com a paralisação, a adutora que abastece os reservatórios que transportam água para os lotes e para as residências não está funcionando e diversas famílias estão sem água tanto nas agrovilas do projeto Pedra Branca, em Curaçá, como nos perímetros irrigados do município de Abaré...

Espaço do Leitor: A TODOS OS REASSENTADOS DO SISTEMA ITAPARICA

"O tempo preparou nosso encontro, estamos prontos de pé firme a caminhar..." como diz a canção companheiros o nosso encontro desses dias de manifestação, foi preparado pouco a pouco, desde o momento que fomos arrancados de nossas localidades de origem para que a CHESF produzisse energia. Energia que está sendo cortada de nós. 

Mas, hoje quero agradecer, queridos, agradecer a cada homem, mulher, jovem, velho, criança que deixou o conforto de seus lares e embarcou sem saber para onde para lutar pelos seus direitos. Quero dizer do meu orgulho quando chegamos na Agrovila 17, inseguros e vi se formar uma multidão tão grande que os ônibus que tínhamos providenciado não foram suficientes e foi necessário conseguir transportes para levar todo o povo. E lembro da determinação de cada um, que, mesmo quando chegamos de madrugada ao local escolhido, a Usina Hidrelétrica Luiz Gonzaga, em Petrolândia, fomos recebido pela tropa de choque do Exército Brasileiro. E minha frustração e revolta foi compartilhada com a de mais de 5 mil trabalhadores e trabalhadoras rurais assim como a minha vontade do enfrentamento, mas nos contemos para evitar que mais vidas fossem colocadas em risco, já perdemos demais. Então seguimos o nosso órgão representativo, nesse movimento, o PÓLO sindical, que conduziu todo o processo...