RedeGN - Polícia Civil prende em Petrolina integrantes de quadrilha que arrombava veículos com chave falsa

Polícia Civil prende em Petrolina integrantes de quadrilha que arrombava veículos com chave falsa

A equipe de roubos e furtos da Delegacia da 214ª Circunscrição em Petrolina , prendeu na tarde desta quinta-feira (12), três integrantes de uma quadrilha responsável por receptação e furto de som e DVD automotivo, que vinha atuando no centro da cidade. No momento da prisão os acusados estavam com um aparelho de som H-Buster que havia sido furtado de um veículo corsa, cor branca,  nas imediações do ministério público, centro de Petrolina.

Foram presos Thiago Bandeira da Silva, 27 anos, conhecido por Thiaguinho, o mototaxi José Tavares Junior, 26 anos  e Carlos Adriano Barbosa da silva, 28 anos. A polícia chegou aos acusados através denúncia anônima, que levou ao local onde os mesmos foram surpreendidos no momento em que Thiago e o mototaxista Junior, escondiam o produto do furto num bueiro próximo à residência de Thiago no bairro Jardim Imperial, em Petrolina. Após serem presos, os acusados informaram a participação de Carlos Adriano que foi localizado nas imediações do local do furto.

De acordo com os policiais a quadrilha formada por cinco pessoas furtavam os aparelhos de som e DVD automotivo com o emprego de chave falsa (conhecida como chave micha),  usada para facilitar a abertura de fechaduras, sendo que  parte dos produtos furtados eram vendidos ou outros trocados por drogas nas cidades de Petrolina e Juazeiro, Bahia. Para realização deste esquema os acusados além da chave utilizavam os serviços do mototaxi José Tavares Junior que facilitavam a fuga dos acusados.

A polícia está diligenciando a procura de outros dois integrantes  conhecidos  por Paulinho Secão que segundo os próprios  acusados colaborava com o grupo na realização dos furtos e um mototaxista da cidade de Petrolina conhecido por Mouze ou Foguinho, que realizava a troca dos aparelhos de som por drogas na cidade de Juazeiro. Os acusados revelaram ainda que praticaram mais de 20 arrombamentos de veículos nas imediações do centro da cidade.

Apesar de serem presos, a vítima do crime, o proprietário do veículo corsa, quatro portas de cor branca não compareceu a delegacia para prestar queixa, desta forma o inquérito foi instaurado por portaria e os acusados foram liberados para responder em liberdade, também foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), em desfavor de Thiago Bandeira da Silva, que estava de posse da chave falsa.  Foram apreendidos dois celulares, uma moto, a chave falsa (micha), um pendrive e a quantia de R$274. A polícia civil solicita que pessoas que tenham sido vítimas de arrombamentos de veículos procurem a Delegacia da 214ª Circunscrição em Petrolina para que sejam instaurados procedimentos.