RedeGN - Odacy Amorim busca parceria com o Exército para tirar animais de BRs de Pernambuco

Odacy Amorim busca parceria com o Exército para tirar animais de BRs de Pernambuco

O deputado estadual Odacy Amorim (PSB/PE) apresentou indicação na Assembleia Legislativa de Pernambuco pedindo ao Exército Brasileiro que a instituição militar disponibilize a Fazenda Tanque de Ferro, área de aproximadamente 2.800 hectares, para servir de destino dos animais, especialmente os jumentos, retirados das rodovias federais e estaduais que cortam o Sertão do São Francisco. A área está localizada no distrito de Jutaí, em Lagoa Grande e a 110 km de Petrolina e é utilizada pelo comando do Exército na região, através do 72° Batalhão de Infantaria Mototizada (72BI) para treinamentos dos militares na área de caatinga. 

A atitude do deputado visa evitar que acidentes e mortes continuam a acontecer nas BRs do Sertão, principalmente na região do São Francisco que presencia diariamente bandos de jumentos passeando e pastando às margens das estrdas. “Já agendamos uma audiência com o general Odilson Benzi, do Comando Militar do Nordeste, e com o tenente-coronel Helvetius Marques, do 72BI, para tratar do assunto. Convidei os integrantes da Comissão de Agricultura da Assembléia para me acompanhar, já que esta Comissão discutiu o problema em audiência pública ocorrida nesta quarta (13 com ) com a presença de autoridades federais e estaduais que lidam com essa situação que vem tirando vidas, não só humanas, mas dos animais também”, revelou Odacy. 

Odacy Amorim frisa que essa é uma situação realmente preocupante. Segundo números da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Pernambuco, em 2010 foram 252 acidentes com 105 feridos e 10 mortes, ocasionados pela existência dos animais nas margens das BRs. Em 2011, apenas nesses três primeiros meses, a PRF já contabilizou 93 acidentes, com 46 feridos e 8 mortes. “É realmente um problema que tem afligido milhares de condutores de veículos e passageiros que trafegam diariamente por essas vias no Sertão do Estado”, ressalta. 

Cinara Marques Assessora de Imprensa Foto Ilustrativa Google