RedeGN - Alerta: Menina morre ao cair e bater a cabeça durante 'brincadeira rasteira' na escola

Alerta: Menina morre ao cair e bater a cabeça durante 'brincadeira rasteira' na escola

Uma menina morreu no início desta semana após bater a cabeça no chão na Escola Municipal Antônio Fagundes, em Mossoró, no Rio Grande do Norte (RN). Emanuela Medeiros, de 16 anos, sofreu traumatismo craniano e foi socorrida pela direção do colégio e levada ao Hospital Regional Tarcísio, onde foi internada. 

A adolescente infelizmente, foi vítima de uma perigosa "brincadeira" , denominada de "rasteira". Emanuela era aluna do nono ano da escola. A Secretária Municipal de Educação de Mossó decretou luto. A escola vai voltar a funcionar a partir da próxima segunda-feira (18). A garota foi velada na manhã de ontem terça-feira 11.

Um vídeo (que a redação desta redeGN José prefere não mostrar) com a brincadeira é reproduzidio por diferentes crianças e adolescentes e está circulando pelas redes sociais. Os pais e professores alertam para o perigo. “Orientamos nossas crianças a não praticarem e nem participarem deste perigo”, diz o texto que acompanha o vídeo. 

Médicos de diversas especialidades também compartilham as imagens com o intuito de alertas os pais. "Traumas como esses podem levar a uma hemorragia intracraniana, necessitar de cirurgia de emergência, levar ao coma e até mesmo a morte", alertou a pediatra Lilian Gonçalves Zaboto em suas redes sociais. 

"As crianças e adolescentes que entram nessa brincadeira, fazem por ingenuidade, pois a maioria não sabe que os supostos amigos vão derruba-los, os que fazem a brincadeira fazem com a intenção de  rir dos amigos que caem, mas eles não tem noção do perigo que estão colocando o amigo que caiu. Cabe aos pais orientar os filhos para que não participem dessa brincadeira" orienta a Pediatra Lilian Zaboto.

Redação redeGn/Blog Geraldo José Foto: Facebook