Foram encontrados 527 registros para a palavra: mortes

Casos de Covid-19 e mortes decorrentes da doença registram aumento no Brasil

No Brasil, o número de novos casos notificados de Covid-19 aumentou de cerca de 33 mil para 45.177 entre 11 e 17 de fevereiro. O número de mortes também cresceu, passando de 164 para 198.

No acumulado, são 38.452.504 casos da doença registrados no país e 709.963 mortes. As informações são do Painel Covid-19 no Brasil, do Ministério da Saúde...

Dois homens e uma idosa morrem após receberem descargas elétricas no interior da Bahia; ela era de Casa Nova

Em menos de uma semana, três casos de morte por descargas elétricas foram registrados no estado da Bahia. As cidades de Ibipeba, Araci e Casa Nova tiveram dois homens e uma idosa falecerem após serem eletrocutados.

De acordo com a Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade foram registrados 61 casos de morte por descarga elétrica em 2023, sendo o estado com mais registros no ano...

Dengue: Ministério da Saúde confirma 54 mortes neste início de ano

O Brasil já registra, apenas neste ano, um total de 392.724 casos prováveis de dengue, de acordo com números divulgados pelo Ministério da Saúde nesta quarta-feira (7).

O ministério também confirmou 54 mortes pela doença no país. Outros 273 óbitos estão sendo investigados para saber se são decorrentes da dengue...

As duas mortes do poeta

Era uma estátua. 

Não se sabia ao certo quando ali ela fora parar. Não havia qualquer registro nem os mais velhos se lembravam. A placa inaugural, que poderia oferecer alguma pista, esta não mais existia. Alguém a arrancou ou foi removida pela ação do tempo. ..

Número de mortes por policiais aumentou 30,42% em Pernambuco em 2023

De janeiro a dezembro de 2023, 120 pessoas foram mortas por policiais e agentes de segurança pública em Pernambuco. Em média, a polícia matou uma pessoa a cada três dias no estado. O número é 30,42% superior ao registrado no ano de 2022, quando os agentes de segurança pública foram responsáveis por 92 mortes em Pernambuco.

O levantamento foi feito pelo g1 com base em dados da Secretaria de Defesa Social (SDS), que mudou desde o ano passado a fórmula de cálculo desse tipo de crime, separando as mortes por agentes do estado dos demais casos de homicídio (entenda mais abaixo)...

Bahia: Mortes violentas de pessoas LGBTQIA+ representam 8,5% dos casos no Brasil em 2023

A Bahia teve 22 mortes violentas de pessoas LGBTQIA+ em 2023, o que representa 8,56% dos casos registrados em todo o país no período. Em Salvador, foram registradas oito mortes homotransfóbicas.

As estatísticas colocam a Bahia em 4° lugar entre os estados que mais notificam mortes violentas de pessoas LGBTQIA+, atrás de São Paulo, com 13,3%, Minas Gerais , com 11,67% e Rio de Janeiro, com 10,9%...

Petrolina em número de mortes violentas é considerada uma das cidades mais violentas do Estado de Pernambuco

Dez assassinatos por dia em Pernambuco. Essa foi a média de homicídios na série histórica de 2023, com os dados contabilizados e fechados pelo Governo do Estado entre o mês de janeiro a dezembro de todo o ano passado.  O site oficial da Secretaria de Defesa Social (SDS), publicou os dados que apontam que o registro é de 3.632 Mortes Violentas Intencionais (MVI) em 365 dias.

Em Petrolina (PE) foram 177 vítimas, maior número registrado nos últimos dez anos, um aumento é de 28% comparado ao ano de 2022. A motivação, sendo cerca de 80% tem relação com dívida de drogas...

SSP indica redução de 6% em homicídios na BA em 2023; número não inclui mortes em confrontos policiais

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) divulgou, nesta quarta-feira (10), o balanço dos dados de segurança do estado de 2023. Entre os índices informados estão os números de mortes violentas, crimes contra o patrimônio, prisões e apreensões.

O levantamento indica queda de 6,3% no número de homicídios e aumento de 33% nos casos de lesões corporais. [veja mais índices abaixo]...

PRF encerra Operação Ano Novo com queda no número de mortes nas BRs baianas

Para que as pessoas pudessem chegar a seu destino e festejar com segurança o Ano Novo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) reforçou a fiscalização e o trabalho de prevenção a acidentes nas rodovias federais que cortam o estado da Bahia.

As ações para o feriado se deram de 29 de dezembro a 01 de janeiro nos principais pontos de acidentalidade e incidência de práticas criminosas no estado. Além de conscientizar os usuários quanto à importância da obediência às leis de trânsito, os policias buscaram coibir condutas que potencializam a ocorrência de acidentes graves e com vítimas...

Ministério Público no TCU pede que órgão investigue mortes em presídios

O subprocurador-geral Lucas Rocha Furtado, do Ministério Público junto ao TCU (Tribunal de Contas da União), entrou com uma representação na última sexta-feira (29) para que a corte apure possíveis falhas na condução de políticas públicas no sistema penitenciário brasileiro sob responsabilidade da Senappen (Secretaria Nacional de Políticas Penais), do Ministério da Justiça.

O pedido teve como base reportagem publicada neste mês na Folha que revelou que o Brasil soma 17 mil mortes em presídios nos últimos dez anos. Especialistas apontam que boa parte dos óbitos ocorre devido a condições precárias e por causas evitáveis...

O Brasil bateu recorde de mortes por dengue no ano de 2023

O Brasil bateu recorde de mortes por dengue no ano de 2023.

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde, por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan online), revelam que foram 1.079 mortes pela doença até esta quarta-feira (27)...

PRF contabiliza 90 mortes em rodovias federais no feriado de Natal

As rodovias federais brasileiras registraram aumento nos números de acidentes, de feridos e de mortes durante o feriado de Natal de 2023, na comparação com o ano anterior.

O número de acidentes graves registrados durante a Operação Natal, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), teve queda...

Incêndio em acampamento do MST deixa 9 mortos no Pará; fogo começou após curto-circuito

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) lamentou a morte trágica, neste domingo (10), de 9 pessoas no acampamento Terra e Liberdade, localizado em Parauapebas, no Sul do Pará. O grupo faleceu por conta de um incêndio provocado por um curto-circuito na rede elétrica.

Segundo a assessoria do movimento à Agência Brasil, uma empresa estava instalando internet no acampamento e a antena colidiu com a rede de alta-tensão de energia: “essa descarga elétrica produziu incêndio e entrou na casa das pessoas através da rede de eletricidade e da cerca que dividia o acampamento”...

Duas mortes em Juazeiro (BA) nas últimas 24 horas

Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) continuam registrando crescimento gradativo da violência nos últimos meses. No último final de semana, Petrolina catalogou sete homicídios em 24 horas.

Em Juazeiro, dois homicídios foram registrados de ontem para hoje...

Cinco homens morrem em confrontos com policiais militares na Bahia

Cinco homens morreram em confronto com policiais militares, entre o início da noite de quarta-feira (8) e a manhã desta quinta (9), em Salvador, Queimadas, no norte da Bahia, e Cruz das Almas, no recôncavo. Armas, drogas, dinheiros e colete à prova de balas foram apreendidos nas ações e nenhum dos mortos tiveram nomes divulgados.

O primeiro caso foi registrado na capital baiana, no bairro da Fazenda Grande do Retiro. De acordo com a Polícia Militar (PM), uma equipe fazia patrulhamento na Avenida Bernardo Spector, quando encontrou um grupo de homens armados. Esses suspeitos teriam disparado contra os policiais, que revidaram...

Novos temporais atingem Santa Catarina e mortes sobem para seis

O alerta para chuvas persistentes com raios, rajadas de vento e alagamentos permanece durante esta terça-feira (17) em Santa Catarina, principalmente na região do meio-oeste e parte do planalto norte do estado. Mais duas mortes foram causadas pelas chuvas e o total de óbitos chega a seis.

De acordo com a Defesa Civil, na segunda-feira (17) o morador do município de Três Barras, Vilmar Xavier, de 41 anos, entrou em casa, durante as chuvas, para retirar o aparelho de ar condicionado e morreu eletrocutado. No município de Calmon, Moacir da Silva, 59 anos, foi atingido por um raio ao sair a cavalo para lidar com o gado...

Polícia segue investigando caso de envenenamento em Juazeiro e já ouviu suspeito de envolvimento, confirma delegado

Como já divulgado pela redeGN, a segunda vítima de um suposto envenenamento ocorrido na Fazenda Special Fruit, em Juazeiro-Ba, Marcos Vinícius Barbosa dos Santos, de 45 anos, morreu neste último sábado (7) e foi sepultado nesta segunda-feira (9), após trâmites legais de liberação pelo Instituto Médico Legal (ML).

As investigações apontam para a possibilidade de ingestão de algum tipo de substância venenosa que estaria numa marmita levada para o trabalho por um colega de Marcos Vinícius, Igor Jonatas dos Santos Silva, de 26 anos, que já tinha vindo a óbito na sexta-feira (6)...

Temperatura em lago no Amazonas chegou a 40ºC em dia com pico de morte de botos; instituto soma 125 mortes

A temperatura do Lago Tefé, no interior do Amazonas, pode ter sido um dos fatores que provocou a morte de mais de 100 botos. Pesquisadores do Grupo de Pesquisas em Mamíferos Aquáticos Amazônicos do Instituto Mamirauá constaram que a temperatura da água chegou a 40ºC no dia de pico de mortes.

Até o momento, os pesquisadores contabilizaram a morte de 125 botos, no Lago Tefé...

Mais cinco mortos em ação policial: número de mortes em confronto com a polícia sobe em setembro

Cinco homens foram mortos a tiros e dois ficaram feridos na terça-feira (27), na cidade de Acajutiba, a cerca de 185 km de Salvador. Segundo a Polícia Militar, eles foram baleados em confronto com as forças de segurança.

A Bahia vive uma onda de violência que já deixou 50 suspeitos de crimes mortos em confrontos com a polícia, segundo levantamento do g1. A maioria das mortes ocorreu em bairros periféricos da capital. O governo da Bahia ainda não divulgou o número oficial...

Mais de 50% da população quer julgamentos por mortes por Covid-19 durante governo Bolsonaro

Um levantamento realizado pelo Centro de Estudos SoU Ciência da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) mostra que 51,5% da população quer que os crimes associados a mais de 700 mil mortes pelo coronavírus no Brasil sejam julgados e condenados. O levantamento aponta que para 62,1% dos entrevistados, o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro e o Ministério da Saúde foram os principais responsáveis pelas mortes. Para pesquisadores, se a conduta tivesse sido outra, haveria menos óbitos.

O levantamento apurou que 76,5% dos entrevistados disseram ter acompanhado a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, comissão realizada no Senado Federal em 2021, e que esse acompanhamento foi essencial para dar embasamento às opiniões...