RedeGN - Presidente nacional do Incra será comandado pelo general Jesus Correa, em Petrolina Bruno Medrado foi exonerado

Presidente nacional do Incra será comandado pelo general Jesus Correa, em Petrolina Bruno Medrado foi exonerado

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, por meio de rede social, a indicação do general do Exército Jesus Corrêa como o novo presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Na região do Vale do São Francisco, no Diário Oficial no final do mês passado, foi publicada a exoneração de Bruno Medrado, da Superintendência do Instituto Nacional Colonização Reforma Agrária (Incra) em Petrolina. Bruno ficou à frente do Incra em Petrolina por dois anos e meio, por indicação do deputado federal Augusto Coutinho (SD). O Incra Petrolina atua em municipios de Pernambuco e Bahia. Até o momento não foi definido o substituto de Bruno Medrado. No início do ano, Bolsonaro transferiu para o Ministério da Agricultura a atribuição de identificar, delimitar e demarcar terras indígenas e quilombolas.

Até então, a atribuição sobre as terras indígenas ficava com a Fundação Nacional do Índio (Funai), vinculada ao Ministério da Justiça; e sobre os quilombolas, com o Incra. No começo do ano, o Incra se envolveu em uma polêmica depois de publicar memorandos que ordenavam a suspensão de todos processos de reforma agrária no país. Os memorandos foram revogados por ordem do presidente Jair Bolsonaro. O responsável pelo Incra na época afirmou que os documentos haviam sido publicados sem anuência do presidente do instituto.

Redação Blog