RedeGN - Reminiscências

Outros Destaques

Especial Coronavírus

Acompanhe o mapa do COVID-19 em tempo real em nossa página especial.

Reminiscências

Polícia descobre golpe contra previdência na cidade de Orobó, Pernambuco

A Secretaria de Defesa Social , por meio da Polícia CIvil de Pernambuco, desencadeou nesta quarta-feira (7), a Operação Anticorrupção, que visa prender envolvidos com esquema fraudulento contra o instituto de previdência pública da cidade de Orobó, no Agreste. Os desvios envolvendo o esquema podem chegar R$ 2,6 milhões. Seis mandados de prisão e outros seis de busca e apreensão, expedidos pelo juiz Daniel Silva Paiva, da Comarca de Orobó, estão sendo cumpridos. 

A investigação para apurar a fraude teve início em agosto passado e vem sendo coordenada pelo delegado Paulo Gondim e pelo promotor Rodrigo Altobello Ângelo Abatayguara, de Orobó. Os crimes foram cometidos com o Instituto de Previdência do Município de Orobó. Há indícios, segundo a Polícia, da prática de peculato, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. ..

Foto: Divulgação Policia Civil

Reminiscências: 1974 - Macaxeira gigante, colhida em Petrolina, impressionou pelo tamanho e peso

 

Numa rápida pesquisa no google é possível verificar uma disputa que envolve o crescimento de raízes de mandioca, pelo mundo afora, algumas com registros no Guiness Book...

Da redação Blog Geraldo José

Pelé 78 anos: Nelson Rodrigues e a primeira vez em que o aniversariante do dia foi chamado de Rei

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, comemora 78 anos nesta terça-feira. Revirando o baú de memórias do maior jogador de todos os tempos, o Correio Braziliense, prestou uma homenagem ao craque, nascido em Três Corações (MG).

A curiosidade aqui é que pela primeira vez, alguém ousou juntar três letras e dar a Pelé o eterno título de rei. O responsável pelo batismo do adolescente de 17 anos e 8 meses foi um craque das letras, Nelson Rodrigues, na crônica. A realeza de Pelé, publicada na revista Manchete Esportiva em 8 de março de 1958 e reproduzida na integra a seguir aqui no blog...

Correio Braziliense Foto: Ilustração

Reminiscências: Lembranças da FENAGRI em 1989

Em 1989 eu era presidente da Empresa Municipal de Turismo e Eventos - VALETUR  e fizemos a VI FENAGRI. O público era imenso nos shows no Adauto Moraes e a Feira um fracasso. Banda Mirage no palco de "Santinho".

Maurício Dias...

Da redação Blog Geraldo José/foto arquivo Maurício Dias

O primeiro arranjo que a gente fez de Asa Branca, o Luiz Gonzaga se emocionou, ele dizia que era o arranjo mais bonito que ele tinha escutado

O vocalista do Quinteto Violado Marcelo Melo, disse que a banda foi um divisor de águas para a música nordestina”. Paraíbano de Campina Grande o vocalista do Quinteto Violado explicou que tem quase 50 anos de carreira. Um dos criadores da banda, um dos precursores da música regional brasileira fala da importância dessas obras para as próximas gerações.

Em entrevista, Marcelo relembra a trajetória do grupo e de trabalhos memoráveis como os arranjos feitos para várias obras de Gonzagão, Dominguinhos e Geraldo Vandré que ele considera um compositor fantástico. E recorda: “O primeiro arranjo que a gente fez de Asa Branca, o Gonzaga se emocionou muito. Ele dizia que era o arranjo mais bonito que ele tinha escutado.”..

Agencia Brasil

EXU: IGREJA SÃO JOÃO BATISTA COMEMORA 150 ANOS

Em 2018 a igreja de São João Batista do Araripe comemora 150 anos e para celebrar esta data, a Budega Cultural Vale do Ançu, realiza o concurso “Sarau poético, com o tema "a promessa do Barão de Exu, 150 anos de história".

Poderão participar do concurso todos os exuenses residentes ou não no município, os interessados em participar poderão se inscrever na Budega Cultural Vale do Ançu, que fica localizada na rua Eufrásio Alencar (Calçadão Ioiô Ulisses) no centro da cidade, no horário das 10 ás 17 horas de segunda a sexta...

Foto: Ney Vital

Cultura: Fundação Joaquim Nabuco tem o maior acervo de músicas do Nordeste

Interpretações originais de Luiz Gonzaga, Manoel G. Barreto e Jackson do Pandeiro, gravações de histórias da época de Agamenon Magalhães e discursos de Miguel Arraes, ambos ex-governadores de Pernambuco. Essas são algumas das obras que compõem a maior coleção fonográfica do Nordeste – e uma das maiores do Brasil –, pertencente ao acervo sonoro da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), no Recife.

As produções abrangem diferentes contextos históricos, tendências e estilos musicais. São aproximadamente 11 coleções de suportes de diversas épocas, divididos em discos de 78 rotações, gravados de 1902 até a década de 1960; LPs, que compõem uma coleção de discos de 33 rotações; compactos, de sete rotações; fitas cassetes, fitas rolos, partituras e arranjos. ..

Ascom Fundaj

Reminiscências: Disputa do título em 2001, contra o Bahia, ainda está vivo na memória do torcedor

Matéria de 2001 lembra o jogo decisivo contra o Bahia no Adauto Moraes


O clima que antecede Juazeirense x Bahia, em Juazeiro, é de expectativa e otimismo por parte do torcedor da Juazeirense, que deve lotar o Estádio Adauto Moraes neste sábado (17).

Desde quarta-feira os torcedores movimentaram o setor de venda de ingressos e a expectativa é de grande público, maior ainda que o do jogo anterior, contra o mesmo Bahia, com placar favorável ao time da capital, que virou nos minutos finais e ganhou por 2 x 1.

“Desta vez será diferente”, já disse o treinador Zaluar e os torcedores acreditam num triunfo do Cancão de Fogo, que vem com força total para a partida...

Da redação Blog Geraldo José

PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DO MONTE CASTELO USA DO DIREITO DE RESPOSTA SOBRE PLANTIO DE ÁRVORES NA COMUNIDADE

A Associação de Moradores do Bairro Monte Castelo em reuniões na comunidade elabora um projeto de arborização para a Avenida Monte Castelo, o Arboriza Monte, onde com a finalidade de melhoria para a comunidade consegue consolidar este projeto, através de órgãos ambientais com 50 mudas de Ipês. Diante disso, preparamos o local, fizemos as covas, conseguimos ponto de água através de gotejamento, e demos o primeiro passo em marcar um ato, neste dia 28/02/2028, conforme convite enviado à imprensa para que juntamente com alunos mostrarmos a dinâmica que o meio-ambiente tem para a humanidade.

Entretanto, esta comunidade foi pega de surpresa por um grupo isolado de pessoas, de pessoas dissidentes com a nossa Entidade, e na calada da noite do dia 26/02/2018 para a madrugada do dia 27/02/2018 fizeram um plantio no mesmo local e nas mesmas covas que íamos fazer o plantio dos Ipês, onde foi gerado um desconforto entre a comunidade com essa falta de respeito e de responsabilidade, e onde tentam macular a imagem da Associação de Moradores do Bairro Monte Castelo, e de seu Presidente com insultos, vídeos e notas deturpadas à imprensa...

45 anos sem Pixinguinha, o gênio que deixou dezenas de músicas, como 'Carinhoso'

Alfredo da Rocha Vianna Filho, ou Pixinguinha, foi autor de dezenas de valsas, sambas, choros e polcas. Compôs orquestrações para cinema, teatro e circo, além de arranjos para intérpretes famosos, entre os quais Carmen Miranda, Francisco Alves e Mário Reis. Considerado o maior flautista brasileiro de todos os tempos e mestre do chorinho, Pixinguinha desde pequeno dedicou-se à música. 

Aprendeu a tocar cavaquinho com os irmãos e aos 11 anos já dominava o instrumento. Seu pai, um excelente flautista, também foi mais um dos mestres que Pixinguinha teve, e o menino acompanhava as rodas de chorinho dentro de casa...

Redação blog

Dominguinhos completaria 77 anos de vida se vivo fosse

Se estivesse vivo, o sanfoneiro Dominguinhos faria 77anos nesta terça-feira 12. Por telefone, a cantora Elba Ramalho disse que Dominguinhos "representa, de certa forma, a raiz de todos nós, o Brasil rural, de onde todos viemos." Ainda de acordo com Elba, "Dominguinhos não era só um grande músico, mas também um grande homem. Sinto muita falta do amigo e parceiro musical que ele sempre foi para mim", lembra. "Sua doçura, dentro e fora dos palcos, faz muita falta".

José Domingos de Morais, o Dominguinhos, foi um grande instrumentista, cantor e compositor brasileiro. Exímio sanfoneiro, teve como mestres nomes como Luiz Gonzaga e Orlando Silveira. Sua formação musical tinha influências de baião, bossa nova, choro, forró, xote e jazz. Dominguinhos, nasceu em Garanhuns,  dia 12 de fevereiro, no  agreste de Pernambuco continuará sendo um dos mais importantes e completos músicos, instrumentistas, tocador de sanfona. É imortal em discos, DVD e milhares de entrevistas por este Brasil afora...

Redação blog

Luiz Gonzaga e a diversidade musical presente no carnaval

Luiz Gonzaga e o carnaval. Na década dos anos 80 Luiz Gonzaga foi homenageado pela Escola de Samba Vermelho e Ouro. No samba-enredo ele participou da gravação cantando e puxando sanfona. Usando riqueza de ritmo, harmonia e melodia Luiz Gonzaga no início de sua trajetória musical, poucos sabem, divulgou e cantou o ritmo musical Frevo. Em 1946 gravou "Cai no Frevo". Detalhe: usou sua majestosa sanfona. Puxou a sanfona também no Frevo "Quer Ir mais Eu?", este regravado várias vezes até os dias de hoje e executado pelas orquestras de frevos nas ruas e bailes. "Quer ir mais eu vambora, vambora vambora"...

Luiz Gonzaga ainda gravou "Bia no Frevo" e "Forrobodó Cigano". Homenageou o genial Capiba-Lourenço Fonseca Barbosa, tocando o frevo "Ao mestre com carinho" , este genial pernambucano criador da canção "Maria Betânia". Luiz Gonzaga em parceria com João Silva, já no final da carreira,  mistura sanfona e instrumentos metais. Grava "Arrasta Frevo". Ainda Na seara do carnaval o Rei do Baião  participou do primeiro forró trioeletrizado junto com as guitarra do Trioelétrico, gravou a música Instrumento Bom. ..

Kyldelmir Dantas-Pesquisador

Luiz Gonzaga, o carnaval da Bahia e o primeiro forró trioeletrizado; confira vídeo

O Chiclete com Banana estava no auge, a fantasia ainda era a mortalha e a Banda Mel começava a despontar. Mas, no reduto de uma axé music que se fortalecia, eis que a avenida virou sala de reboco. De cima do trio elétrico Carnaforró, ressoava um vozeirão do tamanho do Nordeste.

Pouca gente sabe, mas parte desse momento histórico está em uma relíquia postada no YouTube em 2009. São imagens da TV Itapoan guardadas por mais de 20 anos pelo cantor e compositor baiano Gereba, responsável pela vinda do Rei do Baião. “Farol da Barra ontem à noite”, informam os caracteres do vídeo...

Alexandre Lyrio-Correio da Bahia

GRACILIANO RAMOS OLHA E ESCREVE POR NOSSAS FRESTAS

Ê Graciliano... Igual não houve ainda não. Que jeito de absorver a gente.

Cada detalhe e fluência fascinam...Elegância no linguajar com seu serrote e formão. Que fraseado, que coceira escondida debaixo da pedra. Nítido, límpido, conciso, não tem pirueta nem ferrolho o seu texto, compõe com rigor para que o caminho não tenha buraqueira nem engano de rumo...

Revista Cultura

NOTA: SAAE informa que buraco na orla foi provocado por vazamento de água

Os Agentes de Trânsito lotados na CSTT (Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes) interditaram parte da Rua Aprígio Duarte, na Orla I de Juazeiro, que dá acesso à Praça Barão do Rio Branco, entre as sedes das agências do Bradesco e Banco do Brasil. Uma rede de água se rompeu e abriu na pista asfáltica enorme buraco. Para evitar acidentes com os veículos que por ali trafegam os agentes resolveram colocar cones e impedir o fluxo de veículos pela referida avenida.

O fato despertou a atenção de inúmeros curiosos que se surpreenderam com a profundidade do buraco. ..

Da redação Fotos Geraldo José

Cantar “O Ciúme” à beira do Rio São Francisco. Que momento mágico será esse!

“Fui ver o show de Caetano Veloso em São Paulo. Magnífico. Extasiante. Sublime. O Mestre apresentou algumas de suas últimas primorosas obras, entremeadas por clássicos mais “antigos”.

Na letra de uma das canções que Caetano apresentou (“Funk Melódico”) há um verso contundente: “O ciúme é o estrume do amor”. Essa metáfora se relaciona com outra, também alusiva ao ciúme (de uma letra de Vinicius de Morais): “O ciúme é o perfume do amor”. As imagens, fortes, fortíssimas, são contraditórias, embora verdadeiras (ou não?)...

Pasquale Cipro Neto-professor

Prefeito de Cabrobó e Secretária de Educação participam do seminário 'Pernambuco pela Educação' realizado em Petrolina

O prefeito Marcílio Cavalcanti e a Secretária de Educação de Cabrobó Lorena Sampaio participaram nesta segunda-feira (18) do seminário "Pernambuco pela Educação" realizado em Petrolina. O objetivo do evento foi debater a alfabetização no estado e contou com a presença do Ministro da Educação, Mendonça Filho; gestores públicos, professores e empresários.

Para o prefeito é fundamental esses movimentos que envolvem também as cadeias produtivas do estado e não só os governos pela melhoria do ensino básico e qualificação profissional. "Na semana passada, Cabrobó foi premiada por práticas exitosas nas cinco modalidades exigidas pelo Programa Educação Integrada em parceria com o Governo do Estado: Educação Infantil, Anos Iniciais, Anos Finais (Regular) e Anos Finais (Integral), com destaque para a nossa Educação Infantil. Investimos 32% na educação, média acima da aplicada em outros municípios", pontuou...

Ascom Cabrobó

Ana das Carrancas e Zé Vicente: a síntese do amor pela arte de produzir através do barro

"Ana Leopoldina Santos Lima era o nome dela. Isso muito antes de o barro moldar seu destino lhe dando por amor um homem que não tinha olhos para enxergá-la. Os monstros gerados pelas mãos de Ana eram cegos como o companheiro de sua vida. Com um golpe rápido, certeiro, ela vazava os olhos de suas criaturas com a ponta de um pedaço de pau. Com Ana era assim, a desgraça virava épico". 

Ana "partiu para o sertão da eternidade" numa quarta-feira dia primeiro de outubro de 2008, aos 85 anos, a maior carranqueira do São Francisco voltou ao barro que a fez. E deixou Zé dos Barros, pela primeira vez, na escuridão...

Fonte: Eliane Brum-Jornalista

Luiz Gonzaga e a vida secreta maçonica do Rei do Baião

É comum a pergunta se Luiz Gonzaga foi Maçom. A resposta é sim. Luiz Gonzaga também exerceu papel fundamental para o desbravamento da maçonaria no Brasil e especial no Sertão Nordestino. O Rei do Baião iniciou na Maçonaria em abril de 1971, na loja Paranapuan, no Rio de Janeiro. Utilizou a influência que tinha para liderar o grupo que fundaria a Loja Maçônica Força da Verdade, em 1988, a primeira do Exu, Pernambuco, sua terra natal. 

Iniciado na Maçonaria, quando ainda morava na Ilha do Governador, zona norte do Rio de Janeiro, Luiz Gonzaga começou a participar dos encontros ali mesmo, na loja Paranapuã, localizada próximo a sua residência. Trabalhou para conseguir telefone, escola, luz e estrada de asfalto para Miguel Pereira, onde possuía propriedade. Como maçom, chegou apenas ao terceiro grau, dos 33 níveis possíveis. Ajudou muitos os mais necessitados, principalmente nas secas dos anos 80. ..

Redação blog Foto Arquivo: Loja Maçonica Souza-Paraíba

REMINISCÊNCIAS..."28 de Setembro faria hoje 120 anos", lembra leitor e ex-diretor do clube social

O leitor e colaborador do Blog Geraldo José, Gilmar Vitor Guimarães, relembrou hoje (28/09),  data em que o Clube social 28 de Setembro completaria 120 anos, alguns registros fotográficos ha história da setembrina.

“Hoje a Sociedade 28 de Setembro faria "120" anos. Para relembrar um pouco da belíssima história da querida setembrina, coloquei (02) fotos para ilustrar um pouco a história.

Festa Destaque (1986) - Diretores: Gilmar Guimarães e Lula Cordeiro com Carlinhos da Banda Ouro, Hugo Harnavato, organizador do evento, e Egiza Dantas, in memoria. Na foto constam ainda: Ator Global Lauro Corona e o empresário e ex diretor da 28 e Country Club, Miguel Silva...

Fotos arquivo Gilmar Vitor