RedeGN - Imprimir Matéria

Motociclistas são as principais vítimas dos acidentes na Bahia

19 de Sep / 2017 às 15h04 | Variadas

O número de indenizações pagas por mortes no trânsito aumentou em 40% na Bahia, em um ano, segundo dados do seguro DPVAT. Na Bahia, foram feitos 1.358 pagamentos até junho deste ano, contra 965 no mesmo período de 2016. Em todo país, o número de indenizações em 2017 aumentou 27% em relação ao mesmo período do ano passado, subindo de 15.192 para 19.367. 

O Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) oferece coberturas para morte, invalidez permanente e reembolso de despesas médicas e hospitalares. As indenizações vão até R$ 13.500, em caso de mortes.

De acordo com a seguradora responsável pela administração do recurso, as indenizações por morte contemplam acidentes cujas vítimas são motoristas, pedestres e passageiros. Ainda segundo o levantamento deste ano, dos 10.857 motoristas motos, 65% (7.036) deles eram motociclistas. 

O levantamento mostrou que 75% das indenizações pagas no primeiro semestre de 2017 foram para homens entre 18 e 34 anos que estavam dirigindo o veículo. Desse total, 89% era formado por motociclistas. 

 

Ascom-Agencia Brasil

© Copyright RedeGN. 2009 - 2021. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.