RedeGN - Imprimir Matéria

Consumidores de Juazeiro e Petrolina reclamam de preços da gasolina, diesel e etanol

13 de Sep / 2017 às 13h33 | Variadas

 

Os postos de combustíveis de Juazeiro e Petrolina são os focos de comentários e queixas, o motivo o valor dos combustíveis considerado pelos consumiroes como abusivo. Os novos valores variam de R$ 4,20  e R$ 4,49 para gasolina, o  diesel R$3,50 e etanol R3,45. Os taxistas são os que mais reclamam e querem saber dos donos dos postos de combustível o motivo de o valor do produto ser um dos mais caros do Brasil.

O servidor público José de Paula, disse que a situação está cada vez mais complicada para manter o automóvel, pois trabalha em Petrolina. “A situação está difícil. É um absurdo, estamos sendo roubados, e roubados na nossa cara”, reclamou. O estudante Antonio Luiz declarou que "é impossível manter o carro com salário mínimo, ou se alimenta ou abastece o carro".

A maioria dos consumidores alerta para "a situação de impotência que sente em relação a esses preços cobrados em Juazeiro e Petrolina. “Não tem para quem reclamar, não tem o que a gente possa fazer, a gente tem que aceitar, infelizmente. O que podemos fazer?”, questiona.

Procurado pela reportagem três donos de postos de Petrolina e dois de Juazeiro não quiseram falar sobre o assunto. Para calcular o preço da gasolina na semana, a ANP levantou informações em 3.160 postos de combustível em todos os estados brasileiros. O preço médio do diesel no país também subiu e ficou em R$ 3,150 na semana passada, de acordo com a ANP. Trata-se de um aumento de 1,58% em apenas uma semana.

Redação Blog

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.