RedeGN - Imprimir Matéria

JORGE SOLLA PREMIA AGENTES DE SAÚDE E ENDEMIAS DE JUAZEIRO POR BAIXA INFESTAÇÃO DA DENGUE NA CIDADE

21 de Sep / 2010 às 07h00 | Política

Para incentivar profissionais que atuam no controle da dengue, o secretário da Saúde do Estado, Jorge Solla, regulamentou este ano o decreto governamental que instituiu o prêmio Edno Batista Rebouças, a ser entregue aos Agentes de Combate a Endemias (ACE) e Agentes Comunitários de Saúde (ACS) que se destacarem no trabalho de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença.

O prêmio, que tem o objetivo de estimular os agentes a participar de atividades integradas que visem o alcance das metas para o controle da dengue, consiste no valor de um salário mínimo vigente, para cada um dos ACS e ACE dos municípios que atenderem aos critérios estabelecidos na portaria que regulamenta o prêmio. Os critérios para a concessão do prêmio são a efetivação, com vínculos desprecarizados, dos ACS e ACE, a manutenção do índice de infestação predial média municipal igual ou menor que 1% e o cumprimento, pelos ACS e ACE, das metas de visitas domiciliares pactuadas.

O prêmio Edno Batista Rebouças referente a 2010 será concedido em Juazeiro nesta quarta-feira (22) em solenidade que ocorrerá às 18 e 30 com a presença do Secretário Jorge Solla, na sede da Primeira Igreja Batista, para cada um dos agentes comunitários e de controle de endemias da cidade. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Agentes de Saúde e Endemias de Juazeiro Jorge Brandão está radiante com a conquista da categoria, alegria que foi compartilhada com Geraldo Miranda, titular do Sind-Saúde na região e do servidor da Funasa-Fundação Nacional de Saúde, Francisco de Assís.

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.