RedeGN - Imprimir Matéria

Servidores de Juazeiro recebem capacitação do Ministério da Saúde

20 de Dec / 2016 às 08h00 | Variadas

No último sábado (17), aconteceu o encerramento do curso de Protocolos da Atenção Básica, fornecido pelo Ministério da Saúde em parceria com o Instituto Sírio Libanês de Ensino e Pesquisa. O evento contou com as presenças do atual prefeito, Isaac Carvalho, e a vice-prefeita eleita, a médica Dulce Ribeiro.

O curso, que teve início em setembro e uma carga horária de 80h, contou com a participação de diversos servidores municipais da saúde e teve como facilitadores: o coordenador Adail de Almeida Rollo, e a professora Cristiana Carvalho, ambos do Instituto Sírio Libanês.

Segundo o secretário de Saúde, Plínio Amorim, os participantes do curso realizaram um diagnóstico da saúde pública em Juazeiro e também elaboraram um planejamento com sugestões de melhorias para a próxima gestão, que foi apresentado durante o encerramento do curso. “O objetivo do curso é fortalecer e melhorar os processos de trabalho no SUS, no âmbito da Atenção Básica, através da construção de protocolos assistenciais”, afirmou Plínio.

De acordo com Adail, Juazeiro foi uma das vinte cidades do país escolhidas para receber esse curso devido à ótima gestão da saúde pública no Município. “O primeiro motivo é porque a gestão do prefeito Isaac Carvalho deixou um legado importante em relação à cobertura de saúde da família. É uma das poucas cidades do país com 99% de cobertura. O segundo foi a instalação de uma Maternidade Municipal humanizada, que tem sido um modelo no país. Por último, o fato da secretaria de saúde possuir uma gestão técnica, formada basicamente de profissionais da área e que estão tendo ótimos resultados”, ressaltou o coordenador.

Presente no encerramento, o prefeito Isaac Carvalho destacou as ações realizadas durante sua gestão para melhorar a saúde municipal, entre elas, destacou a valorização do profissional da saúde: “Recebemos o município com 52 médicos, hoje temos mais de 250. Uma das nossas principais preocupações sempre foi a valorização do servidor, pois quanto mais preparado e motivado estiver, melhor e mais humanizado será o atendimento. Realizamos concurso na área de saúde, implantamos o PCCR, e diversas outras ações para estimular e motivar nossos servidores”, salientou Isaac. 

Irislane Pacheco/PMJ

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.