RedeGN - Imprimir Matéria

Hospital de Traumas/Univasf e Coas oferecerão exames gratuitos para o diagnóstico da Hepatite C

04 de Aug / 2010 às 09h40 | Política

Uma parceria entre o Centro de Orientação e Apoio Sorológico (COAS) e o Hospital de Urgências e Traumas/Univasf, proporcionará a população acesso gratuito ao diagnóstico da Hepatite C, através da campanha “Cuide-C, a Hepatite pode pegar você”, que acontecerá na próxima sexta-feira (06/08). A campanha é Coordenada pelo Médico Hepatologista Dr. Ricardo Pernambuco e pela Coordenadora do Coas Petrolina Elizângela Araújo Costa.

O Hepatologista explica que a intenção da campanha é realizar cerca de 1.800 diagnósticos, através de um exame simples e rápido, que apresentará o resultado em menos de 5 minutos. O objetivo é intensificar a divulgação de informações sobre as causas, sintomas e formas de prevenção da doença, evitando assim o surgimento de novos casos, indicando o tratamento correto aos portadores da doença. “Nossa maior preocupação é porque a doença é silenciosa e raramente apresenta sintomas. Por isso muitas pessoas podem ter hepatite C,  e não sabem.” Alertou.

Dados do Ministério da Saúde mostram que a Hepatite C, é uma das principais causas de transplante de fígado em todo o país. A doença é caracterizada por uma inflamação no fígado. Dependendo da intensidade e do tempo para diagnóstico, a hepatite pode levar à cirrose e até ao câncer de fígado. A transmissão ocorre através do contato com sangue contaminado, seja por transfusão, compartilhamento de seringas e materiais de uso das drogas injetáveis e inaláveis, objetos cortantes, tatuagem e colocação de piercing sem os devidos cuidados. Em poucos casos, pode haver o contágio por meio da relação sexual.

Diferentemente das hepatites A e B, a maioria dos casos de Hepatite C não apresenta sintomas na fase aguda ou, se ocorrem, é muito leve e semelhante aos de uma gripe. Isso faz com que as pessoas infectadas demorem a diagnosticar a presença do vírus, só descobrindo na fase crônica. Os pacientes que apresentarem diagnóstico positivo para a doença, durante a campanha, serão encaminhados para o tratamento na Unidade de Fígado do Hut/Univasf, e terão acompanhamento do Coas. A campanha vai acontecer das 8h00 às 17h00 na Praça do Bambuzinho, Centro de Petrolina.

 Quem deve fazer o teste de hepatite C:

Pessoas que receberam transfusão de sangue antes de 1993

Quem usou drogas injetáveis ou inaladas (mesmo que uma só vez)

Apresentou a taxa de enzimas transaminases elevadas

Possui algum familiar infectado com alguma das hepatites virais B ou C

Quem faz Hemodiálise é hemofílico ou HIV positivo

Possui alguma doença sexualmente transmissível

Possui alguma tatuagem ou piercing

Quem recebeu qualquer tipo de transplante de órgãos ou tecidos.

Emanuela Teixeira Ascom HUT/UNIVASF

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.