RedeGN - Imprimir Matéria

Prefeitura de Sento-Sé antecipou o pagamento da primeira parcela do 13º salarío

02 de Jul / 2010 às 20h31 | Política

A prefeitura de Sento-Sé realizou quarta feira, 30, algo que já está virando tradição na cidade: a antecipação do pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário dos servidores municipais. Desde o ano passado que a prefeitura incluiu no cronograma orçamentário, o pagamento da primeira parcela do décimo, no mês de Junho, beneficiando não somente aos servidores como também o comercio, que recebe uma importante injeção de recursos nessa época do ano.

Segundo o secretario de administração e finanças, Rodolfo Nélio Café Ribeiro dos Santos, o planejamento financeiro do município tem como prioridade o pagamento dos vencimentos, vantagens e benefícios dos servidores. O secretario assegurou que existe uma determinação expressa do prefeito Ednaldo Barros, no sentido de proteger todos os direitos dos servidores, principalmente no tocante aos repasses dos rendimentos salariais.

O prefeito Ednaldo Barros, entende que a antecipação da primeira parcela do décimo, não só aquece o comercio como também ajuda no controle das finanças públicas, uma vez que são comuns as quedas de receitas nos meses de Setembro, Outubro e Novembro. Em Sento-Sé, o pagamento dos funcionários está rigorosamente em dia, desde Janeiro de 2009, e este ano a prefeitura já antecipou um terço de férias para os profissionais da educação e 50% do décimo para todos os trabalhadores da municipalidade.

De acordo com a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), o empregador tem até o dia 20/11, para quitar a primeira parcela e até o dia 20/12 para regularizar a segunda. Em 2009, a Bahia registrou um grande número de municípios que não conseguiram pagar o décimo terceiro, comprometendo a administração pública e prejudicando milhares de trabalhadores.

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.