RedeGN - Imprimir Matéria

CHAVES DEFENDE ESTUDOS PARA IDENTICAÇÃO DE AQUÍFEROS NO NORTE DA BAHIA

23 de Oct / 2011 às 07h00 | Variadas

Em razão da polêmica criada pelo Engenheiro Civil José Gomes Filho e o Agrônomo Malan Calazans sobre o aproveitamento de águas subterrâneas para atender o pólo cafeeiro irrigado na micro região de Senhor do Bonfim, o Engenheiro Agrônomo e ex-vice prefeito de Juazeiro, Antonio Carlos Chaves, idealizador do Projeto, acha que estudos devem ser realizados porque havendo grandes aqüíferos se evitaria altos investimentos em infra-estrutura de canais, estações de bombeamento e desapropriações.

Chaves diz não ter dúvidas que será encontrada água de qualidade no subsolo da região, mas não o suficiente para atender a demanda. “O Banco do Nordeste fez recentemente um zoneamento agrícola selecionando 16 (dezesseis) municípios na micro região de Senhor do Bonfim que poderão receber financiamento para cultura do café irrigado”, informou.

“Levando em consideração a existência de pelo menos 2 mil hectares irrigáveis em cada município, teremos 32 mil hectares para serem aproveitados. Com tamanha demanda será impossível consolidar o pólo cafeeiro irrigado com águas subterrâneas, daí a necessidade de levar água do São Francisco através do Canal”, concluiu Antonio Carlos Chaves.

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.