RedeGN - Imprimir Matéria

Unimed VSF oferece palestra e exames no Dia Internacional do Homem

18 de Jul / 2011 às 06h30 | Variadas

Para comemorar o Dia Internacional do Homem, sexta-feira (15), a Unimed Vale do São Francisco ofereceu aos seus colaboradores uma palestra sobre a saúde do homem, realizada no auditório Dr. Alírio Brandão – sede da cooperativa médica. Durante o evento os funcionários também puderam aferir a pressão arterial e verificar a taxa de glicemia e a circunferência abdominal. Com o tema: Reflexões sobre a saúde masculina, o clínico infectologista, Luiz Gustavo, falou sobre as causas mais frequentes de morte dos homens, desde a infância até a senilidade. “Algumas pesquisas afirmam que o organismo do homem é mais frágil, por isso, na infância, por exemplo, os meninos são menos resistentes às doenças infectocontagiosas, assim como os idosos sofrem mais com a incidência de cânceres”, comenta. 

Dados do Ministério da Saúde mostram que a expectativa de vida do homem é, em média, oito anos menor que a da mulher. “Os homens morrem mais porque vão menos ao médico e abusam dos maus hábitos como o tabagismo e o sedentarismo. Além disso, também verificamos a incidência de fatores externos como acidentes e a violência”, explica Luiz Gustavo. De acordo com a pesquisa só em 2009, no Brasil morreram 471.389 mil mulheres e 631.225 mil homens e as principais causas da mortalidade masculina são as doenças isquêmicas do coração, as cerebrovasculares e os homicídios.

Na ocasião, o médico também apontou sugestões para melhorar a qualidade de vida e aumentar a longevidade masculina. Como evitar o excesso de sal, bebidas alcoólicas, gorduras e doces; praticar atividade física de três a cinco vezes por semana; consumir mais frutas, verduras e grão diariamente; beber três litros de água por dia; dedicar um tempo ao lazer e visitar o médico pelo menos uma vez ao ano.

Clas Comunicação

© Copyright RedeGN. 2009 - 2021. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.