RedeGN - Imprimir Matéria

De saída do PSOL, Lucinha Mota deve anunciar novo partido até a próxima segunda-feira

18 de Mar / 2022 às 19h06 | Política

De saída anunciada do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Lucinha Mota deve anunciar sua nova filiação partidária até a próxima segunda-feira (21). A informação foi divulgada pela mesma, em conversa com a Redação RedeGN.

Na conversa, Lucinha revelou que está em conversa com diversos partidos, mas já deve bater o martelo nos próximos dias. "Estamos em contato com vários (partidos). Mas já definimos que até segunda-feira decidiremos (ela e Sandro)", revelou.

Desfiliação

Mais cedo, em comunicado público, Lucinha disse ter deixado claro ao diretório do PSOL, o porquê de sua saída. "Os motivos dessa desfiliação já foram repassados ao presidente do diretório PSOL em Petrolina, que me compreendeu... Minha jornada política CONTINUARÁ. Seguirei na caminhada para dar Voz às vítimas da violência, onde eu estiver", disse Lucinha Mota [leia na íntegra abaixo].

Eleições

Em sua primeira eleição, ainda pelo PSOL, Lucinha somou 16.326 votos e terminou a apuração na 74ª posição como candidata a deputada estadual, em 2018. No Estado, são apenas 49 cadeiras na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Lucinha teve apenas 1.403 votos a menos do que Fabrizio Ferraz (PHS), dono da última vaga à época.

Em 2020, tentou a Câmara de Vereadores de Petrolina. Ela teve 2.656 votos, sendo a 11ª mais votada na cidade pernambucana, porém não conseguiu se eleger, pois o coeficiente não foi alcançado pelo seu partido. Lucinha teve mais votos que o último candidato eleito vereador, Júnior Gás (Avante), que contabilizou 1.183 votos.

Confira nota na íntegra

Venho aqui comunicar a minha desfiliação do PSOL Pernambuco.

Aos meus queridos amigos e amigas do PSOL Petrolina, que para mim são uma família, quero agradecer profundamente pelo apoio, carinho e compreensão de sempre. Vocês continuam sendo um exemplo de resistência e luta por dias melhores para nossa cidade.

Os motivos dessa decisão já foram repassados à presidência do PSOL em Petrolina, que me compreendeu. Deixei claro que continuo encampando a ideia de uma Petrolina mais democrática, justa, fraterna e solidária, principalmente, para os menos favorecidos de nossa cidade.

Minha jornada política CONTINUARÁ!

Seguirei na “caminhada” para dar voz às vítimas de violência, onde eu estiver.

Para “levantar Pernambuco”, preciso de todas e todos vocês, mais uma vez.

Da Redação RedeGN / foto: Denise Saturnino

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.