RedeGN - Imprimir Matéria

Prefeitura de Sobradinho garante piso nacional para os professores na faixa inicial; Agentes de Saúde e Endemias receberão o piso categoria e demais servidores terão 12% de reajuste

05 de Mar / 2022 às 07h00 | Variadas

O Prefeito de Sobradinho, Regis Cleivys Sampaio Bento, se reuniu no dia (3), com o SINSERB - Sindicato dos Servidores Públicos Municipal de Sobradinho para discutir a proposta de reajuste salarial da categoria.

Ficou definido que a gestão municipal dará o reajuste anunciado pelo Governo Federal para os professores na ordem de 33,24%, para aqueles profissionais com jornada de 40 horas semanais.

O gestor expôs para os representantes sindicais, que a correção das receitas referentes ao Valor Aluno Anual de Sobradinho (VAF e VAT) de 2021 correspondeu a apenas 11%.

Após ampla discussão, foi negociado com a direção do Sinserb, que a gestão pagará, como sempre fez, o piso nacional aos professores na faixa inicial, ou seja nenhum professor receberá salário menor que o piso proporcional à jornada de trabalho. Aos demais professores, que já recebem acima do piso, ficou assegurado um reajuste de 12%, valor que também contará para correção das gratificações como: quinquênio, promoções por desempenho, regência de classe, pós graduação, mestrado e Doutorado.

Cleivynho Sampaio garantiu que também pagará o piso nacional para os Agentes Comunitários de Saúde e Endemias, além de reajustar em 40% o benefício para aquisição do protetor solar, mantendo a ajuda de custo, o "Vale Alimentação" no valor de R$ 100,00 ( cem reais). Além disso, serão asseguradas as promoções de todos servidores que estiverem no período de avaliação, e também será mantido o pagamento dos quinquênios, observadas as disposições da Lei 173/2020, para os demais servidores da área administrativa. Outra garantia foi o reajuste de 12% sobre os vencimentos.

A proposta foi aprovada em Assembleia Geral promovida pelo Sinserb, e o Projeto de Lei seguirá para apreciação do Poder Legislativo. Uma vez aprovado, será sancionado e os pagamentos serão retroativos ao mês de janeiro de 2022.

Ascom PMS

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.