RedeGN - Imprimir Matéria

Representantes do Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco visitam Juazeiro e enaltecem ações da prefeitura para minimizar os impactos da cheia do rio

21 de Jan / 2022 às 16h30 | Variadas

Membros do Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco (CBHSF) visitaram nesta sexta-feira (21) o bairro do Angari, em Juazeiro, para uma visita técnica e de monitoramento das áreas alagadas pela cheia do Rio São Francisco.

"Estamos passando atualmente por uma cheia histórica e o Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco está monitorando e acompanhando as ações que as prefeituras, a Defesa Civil, e todo o pessoal que cuida, vive e trabalha do rio está fazendo. Então, neste momento o papel principal do Comitê é monitorar e acompanhar o que está acontecendo com o rio para esclarecer e informar, especialmente no sentido de deixar a população tranquila e a par do que está acontecendo", disse o diretor de comunicação do CBHSF, Paulo Vilela.

Durante a visita, os representantes do CBHSF colheram registros fotográficos e topográficos, ouviram moradores do bairro Angari e, em seguida, dialogaram com o secretário de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES), Teobaldo Pedro, com o coordenador da Defesa Civil Municipal, Ramiro Cordeiro e com o titular do Comando de Policiamento Regional Norte (CPRN), Coronel PM Valter Araújo. O objetivo da atividade foi conhecer de perto as ações que a Prefeitura de Juazeiro vem desenvolvendo para acolher as famílias ribeirinhas atingidas pela cheia do Rio São Francisco.

"Pela primeira vez o Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco teve essa decisão de convidar a Prefeitura de Juazeiro e outras prefeituras aqui à jusante da Barragem de Sobradinho e graças a Deus está dando um efeito muito positivo. Os poderes públicos estão participando, trazendo a defesas civis municipal e estadual, Polícia Militar, Corpo de Bombeiro, nós estamos prestando informação da CHESF, do Operador Nacional do Sistema, de todas as entidades que geralmente publicaram esses dados de aumento de vazão e aí sim estamos cumprindo o que diz as leis ambientais, que é a prevenção e a precaução. Parabéns à Prefeitura de Juazeiro que está participando conosco dessa sala de monitoramento e de informações quanto à vazão para esse pico que vamos ter na próxima segunda-feira, dia 24, que é de 4.000 m³/s", declarou o secretário do CBHSF, Almacks Luiz Silva.

União de forças

Segundo o titular da SEDES, Teobaldo Pedro de Jesus, a visita do CBHSF reforça o trabalho conjunto de assistência e prevenção que o poder municipal vem desenvolvendo em Juazeiro.

"O Comitê está de parabéns, isso mostra compromisso e responsabilidade social e, sobretudo, profissionalismo. A importância desse monitoramento possibilita às prefeituras uma ação preventiva, que garanta a segurança das pessoas e a proteção de seus bens. Nós aqui em Juazeiro, por meio da liderança da prefeita Suzana Ramos, elaboramos um plano, através de uma força-tarefa que envolveu praticamente todas as secretarias, em diferentes frentes cada uma está atuando, promovendo um trabalho sincronizado que com toda certeza vai minimizar os danos em nosso município", destacou Teobaldo Pedro.

Ascom PMJ / foto: divulgação

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.