RedeGN - Imprimir Matéria

APA Petrolina disputa Paralimpíadas Escolares com expectativa de medalhas

24 de Nov / 2021 às 12h00 | Esporte

Paratletas da Associação Petrolinense de Atletismo (APA) estão em São Paulo para a disputa das Paralimpíadas Escolares, competição que começou nesta terça (23) e segue até a próxima sexta-feira (26), no Centro de Treinamento Paralímpico, na capital paulista. A delegação da APA conta com nove integrantes, sendo seis paratletas, um guia e dois treinadores.

Para representar bem o estado de Pernambuco e voltar para Petrolina com medalhas na bagagem, o técnico Adriano Cunha aposta na experiência de alguns paratletas e no bom trabalho de preparação da equipe.

“As expectativas são as melhores possíveis, haja vista que esse trabalho da base paralímpica vem sendo feito desde 2018. Nas Paralimpíadas de 2019 já tivemos um resultado instantâneo com a conquista de medalhas com Luiz Henrique, José Vitor e Evelyn. Agora, as competições estão retornando, nossos paratletas vêm competindo com marcas expressivas e estamos bem animados. Temos as estreantes Sthefany Alice, Rafaely Kailany e Alanny Sthefany que a gente ainda não tem ideia de como serão os desempenhos, mas a gente vislumbra que elas consigam medalhas. A base da APA está forte e nossa expectativa é que a gente conquiste medalhas em todas as provas”, destacou o treinador.

A equipe da APA em São Paulo conta com os paratletas Luiz Henrique, José Vitor, Alanny Sthefany, Rafaely Kailany (todos da Escola Estadual Poeta Carlos Drumond de Andrade - N10), Sthefany Alice (Escola Municipal Anete Rolim) e Evelyn Carolinne (Escola do SESI). Também estão na delegação, o treinador Domingos Rodrigues e Rosângela Calixta, mãe e guia de Sthefany Alice.

Da Redação RedeGN

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.