RedeGN - Imprimir Matéria

Hospital Materno Infantil de Juazeiro cria o "Ambulatório de Egresso" para atender recém-nascidos nos primeiros dias de vida

14 de Aug / 2021 às 08h00 | Variadas

Os bebês que nascem no Hospital Materno Infantil de Juazeiro agora estão com mais um atendimento para garantir a saúde dos pequenos.

O "Ambulatório do Egresso" realiza a primeira atenção aos bebês depois que eles saem da maternidade. Entre a primeira e a segunda semana de vida, o bebê retorna para ser avaliado pela médica pediatra do hospital.

O agendamento do retorno é marcado ainda no internamento.

"É feita uma revisão no bebê para saber como está neste período em casa, se há algum problema ou dúvidas com relação aos cuidados com o bebê e com a saúde como um todo, se o recém-nascido está mamando bem, se a mãe tem alguma dificuldade na amamentação. Caso haja, a gente já orienta, coloca no peito e tira as dúvidas. Geralmente a gente marca na primeira semana de vida e no máximo dentro dos primeiros 14 dias de vida", explicou a coordenadora da Neonatologia do Hospital Materno Infantil de Juazeiro, Nayara Lustosa. O bebê também é pesado e tem a estatura medida novamente para acompanhar seu desenvolvimento. A mãe ainda recebe, novamente, as orientações sobre vacinas, teste do pezinho e os primeiros acompanhamentos do filho.

Luciana Santos Nascimento é moradora do Projeto Curaçá NH1. Ela teve o pequeno Murilo no Hospital Materno Infantil e retornou no 6º dia de vida do bebê. Luciana chegou no 'Ambulatório do Egresso' cheia de dúvidas, mas saiu de lá bem aliviada. "Eu gostei desse ambulatório, pois estava com dúvidas em relação ao peso e à amamentação, mas já tirei todas. Moro longe daqui e fiz questão de vir para saber se está tudo bem. A pediatra disse que meu bebê está saudável, está tudo normal e estou mais tranquila", disse animada a mãe de Murilo.

O 'Ambulatório do Egresso' acontece em dois dias na semana, às quartas-feiras à tarde e às quintas-feiras pela manhã. "Pensamos nesse cuidado para que este bebê não passe, muitas vezes, 1 ou até 2 meses sem que seja percebido algo que possa prejudicá-lo no futuro. É uma atenção maior ao bebê que nasce no Hospital Materno Infantil de Juazeiro", destacou o secretário de Saúde, Fernando Costa.

 

 

Ascom Sesau PMJ

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.