RedeGN - Imprimir Matéria

Hospital Dom Malan celebrou Dia da Mulher com momento de conscientização e poesia

10 de Mar / 2021 às 22h00 | Variadas

O Hospital Dom Malan celebrou o Dia Internacional da Mulher (08 de março) com um momento de sensibilização e poesia. A ação foi realizada pelo Serviço Social e envolveu as gestantes e puérperas da Triagem Obstétrica e Casa de Apoio.

"É uma data que não podemos deixar passar em branco, por sermos um hospital voltado à saúde da mulher e da criança. Então, mesmo em uma situação de pandemia como a que estamos vivendo, damos um jeito de promover uma sensibilização", esclarece a supervisora do Serviço Social, Kátia Cilene.

Pela manhã, a assistente social Aparecida Gonzalez bateu um papo sobre valorização, empoderamento, direitos e violência contra a mulher. "A gente realmente precisa falar sobre isso. Nenhuma mulher deve se calar. E toda mulher deve empoderar a outra. A luta é histórica, ainda não acabou, mas temos muitas conquistas para celebrar, como a da Lei Maria da Penha", lembrou Cida.

Em sua fala ela ainda ratificou o direito da mulher ao aborto legal. "As mulheres precisam conhecer a lei e os seus direitos. O Dom Malan é o hospital de referência às mulheres vítimas de violência e nós ainda vemos muitas situações que colocam em risco a sua vida e muitas vezes a do bebê. Não podemos protegê-las de tudo, mas o acesso à informação às vezes faz toda a diferença", acredita a profissional.

À tarde, de forma mais leve e lúdica, a equipe do Serviço Social também abordou o tema. "Podemos utilizar várias linguagens para chegarmos até elas. E cada uma vai funcionar de uma forma diferente. O importante é sensibilizar e fazer refletir", conclui Kátia.

Ascom HDM

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.