RedeGN - Imprimir Matéria

Família de parturiente denuncia falta de atendimento no Hospital Materno Infantil de Juazeiro; Secretaria da Saúde explica

10 de Mar / 2021 às 14h00 | Variadas

Tayná Layany moradora há 12 anos do Parque Residencial em Juazeiro (BA) enviou mensagens de áudio a Rede GN denunciando a falta de médico na comunidade bem como o fato de que sua irmã Dayane Maria da Silva desde ontem tenta atendimento no Hospital Materno Infantil de Juazeiro e não consegue.

“Minha irmã está com 42 duas semanas e dois dias tentando ser atendida na maternidade e mandaram ela para casa porque não tinha cama disponível. Ela retornou hoje (10) seis e meia da manhã e até agora não foi atendida porque alegam que a maternidade está muito cheia” expressou Tayná.

Dona Maria de Lourdes da Silva gravou um vídeo relatando a situação da filha que está com o bebê sem mexer na barriga desde esta terça-feira (09).

NOTA DA SESAU

Em contato com a redação da RedeGN a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde informou "A paciente está tendo atendimento desde o momento que entrou na unidade. A paciente segue tranquila em observação. Essa paciente retornou ao serviço hoje para atendimento com 39s 1d, a mesma não tem comorbidade. Não tem indicação no momento de cesárea. O médico solicitou exames e curva de pressão e irá reavalia-la, após resultado de exames".

Vídeo:

Da redação Foto Geraldo José

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.