RedeGN - Imprimir Matéria

Com 10 vereadores eleitos, contra 11 da oposição, Suzana vai precisar compor para ter maioria no legislativo

18 de Nov / 2020 às 08h27 | Eleições

A primeira mulher da história a governar Juazeiro, Suzana Ramos, de 54 anos, chega ao paço municipal com o maior número de partidos coligados, nesta eleição de domingo (15), mas, em que pese a grande votação que obteve nas urnas, 55,68%, não terá maioria na Câmara de Vereadores, caso prevaleça o posicionamento dos eleitos e partidos no processo eleitoral.

A Coligação de Suzana Ramos, União Por Amor à Juazeiro, tinha 10 partidos e elegeu exatamente 10, das 21 vagas disponíveis na Câmara Municipal, um a menos para adquirir maioria e facilitar sua vida na aprovação de projetos que precisem de aval do legislativo.

A prefeita eleita começa sua caminhada com o apoio dos seguintes vereadores:

PSDB: Bené Marques
PRTB: Assis da Apollo, Gildásio Soares e Mundeco
PDT: Dionisio Gomes, Gleidson Azevedo e Berg da Carnaiba
PTC: Anibal
REDE: Clesio Irmão de Suzana
PATRIOTA: Nalvinho Leopoldo

Com um número inferior ao da oposição, a prefeita eleita deve buscar alguns dos eleitos em outras coligações, para compor e facilitar a sua vida no legislativo, o que para analistas consultados pela redeGN, não será tarefa difícil, já que alguns dos veradores "do outro lado”, não tem militância ideológica definida.

Confira a relação de elitos em partidos de outras coligações:

PP: Alex Tanuri e Amadeus
PSD: Gleidson Medrado
DC: Hitallo Marcelino
MDB: Neguinha da Santa Casa
PL: Renato Brandão
PCdoB: Dr. Salvador, Lourival Quirino e Mitu
 PT: Jean Gomes e Luciano do Valle

A composição,11 x 10, deve render boas conversas já nos próximos dias e projeta uma disputa bem acirrada para a eleição da presidência da Câmara Municipal. 

Da redação redeGN

© Copyright RedeGN. 2009 - 2020. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.