RedeGN - Imprimir Matéria

Tragédia em Brumadinho já contabiliza 37 mortos, oito mortos já foram identificados

26 de Jan / 2019 às 17h15 | Variadas

Subiu para 37 o número de vítimas em Brumadinho, das quais oito foram identificadas, segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. Até o momento, 192 pessoas foram resgatadas após a tragédia na Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, nos arredores de Belo Horizonte (MG). Neste momento, as buscas estão suspensas após risco de novo rompimento na região.

Um ônibus foi encontrado com mortos na região próxima à barragem rompida, mas o número ainda não foi divulgado. "Ainda não fechamos o número de óbitos. Mas esse número irá aumentar”, disse o tenente Pedro Aihara, porta-voz do Corpo de Bombeiros. Neste sábado, 46 pessoas foram encontrados e encaminhados para unidades de saúde. Segundo Corpo de Bombeiros de MG, 299 pessoas seguem desaparecidas. A Vale divulgou em seu site uma lista com 265 nomes de funcionários com as quais ainda não foi conseguido contato.

As equipes de busca contam com 13 aeronaves: 5 do Corpo de Bombeiros de MG, 4 da Polícia Militar de MG, 2 da Polícia Civil de MG, 1 da FAB e 1 do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro. Além disso, os Bombeiros de São Paulo irão ajudar no trabalho. Quase 100 bombeiros foram enviados à área atingida, e a previsão é que o número de socorristas chegasse a 200.

G1 MG Foto: Reprodução TV Globo

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.