RedeGN - Imprimir Matéria

Codevasf: Indicação para superintendências, por enquanto, só nos bastidores. Quem é quem?

23 de Jan / 2019 às 07h00 | Política
Coelhos e Nascimentos continuam comandando as superintendências regionais da Codevasf em Juazeiro e Petrolina

Enquanto o governo Bolsonaro “toma pé das coisas”, como se diz no jargão popular, e cria expectativas em torno das nomeações de segundo e terceiro escalão, em órgãos federais de atuação muito forte no Nordeste e principalmente no Vale do São Francisco, como é o caso da Codevasf, as especulações vão aumentando face a importância que a companhia tem para políticos regionais. Na 3ª Superintendência, em Petrolina, a indicação ainda é do senador Fernando Bezerra (MDB) e do Filho, Fernando Filho (DEM). Na 6ª Superintendência, em Juazeiro, a indicação continua sob o comando do Deputado Federal Elmar Nascimento (DEM).

Em Petrolina o vereador Gabriel Menezes, do PSL de Bolsonaro, segundo o Blog colheu, vem tentando somar forças com o presidente nacional da legenda, Luciano Bivar, pernambucano, para tirar dos Coelhos a indicação do órgão. O Superintendente Aurivalter Cordeiro se mantém no cargo e há quem aposte que continua.

Em Juazeiro há informação de que dirigentes locais do PSL estariam buscando apoio na deputada e presidente da legenda na Bahia, Dayane Pimentel, para desbancar Elmo Nascimento, irmão do deputado Elmar. A ideia seria colocar alguém que “comeu poeira” e esteja afinado com o projeto Bolsonaro, mas não há indícios que isso aconteça.

Em Petrolina pouca gente acredita que o vereador Gabriel tenha força para conseguir o feito, já que os Coelhos continuam tendo força política e o governo precisa muito dos votos e apoio dos dois “Fernandos” para aprovar projetos considerados prioritários, como a previdência, por exemplo. Na Bahia, Além da força do seu partido, o DEM, de ACM Neto, Elmar ainda tem como possível avalista o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que já recebeu aval do PSL para um novo mandato à frente da Câmara Federal.

Tem gente achando que é muita farinha para os novatos removerem, antes de emplacarem uma indicação para as Superintendências em questão. A decisão, pelo visto, vai continuar assando em fogo brando, já que nem a presidência da Codevasf foi definida e se mantém nas mãos de um indicado de Temer. Políticos do Piauí, pelo andar da carruagem, devem manter o privilégio da indicação, é o que apontam veículos de comunicação daquele estado.

Da redação Blog Geraldo José

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.