RedeGN - Imprimir Matéria

Eleições 2018: 2º turno na Bahia. Haddad aumenta a diferença ou Bolsonaro cresce? Alguém arrisca um palpite?

18 de Oct / 2018 às 07h00 | Política
Todos os números relativos ao primeiro turno continuam disponíveis no Blog Geraldo José

O dia “D” da eleição no segundo turno vai se aproximando e na Bahia, onde todos os cargos majoritários e proporcionais já foram decididos, as atenções se voltam exclusivamente para a decisão presidencial, com Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando haddad (PT) disputando os votos dos baianos. No primeiro turno o petista teve 60,28% dos votos, contra apenas 23% do candidato do PSL.

No segundo turno, na Bahia, é possível que os números mudem radicalmente, uma vez que votos creditados aos demais candidatos na disputa vão migrar para os dois candidatos que avançaram na disputa. Há dúvida é: Os votos do candidato Ciro Gomes, que declarou apoio crítico ao PT, aumentam o percentual de Haddad no estado? O PSDB de Alkmin na Bahia acrescenta alguma soma nos votos de Bolsonaro? O percentual de evangélicos que votaram em Cabo Daciolo e Marina Silva, na sua maioria, migram em que direção? Estas são perguntas que só as urnas poderão revelar.

No primeiro turno Haddad, com apoio do Governador Rui Costa, eleito, foi majoritário, com quase 4,5 milhões de votos no estado, enquanto Bolsonaro ficou na casa dos 1,7 milhões. Ciro chegou próximo dos 700 mil votos, seguido por Alkmin, com aproximadamente 173 mil; Daciolo com 138 mil; Marina com 61 mil e Amoedo com 43 mil votos aproximadamente.

Quem arrisca um palpite?

Da redação Blog Geraldo José

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.