RedeGN - Imprimir Matéria

Caso Beatriz: Lúcia Mota e Sandro Romilton vão recorrer de decisão que indeferiu prisão de funcionário que apagou imagens do caso

24 de Jul / 2018 às 17h56 | Policial

O casal Lúcia Mota e Sandro Romildo, pais de Beatriz Angélica Mota, assassinada no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, em Petrolina, no dia 10 de dezembro de 2015, esteve no Programa Geraldo José (Transrio FM/Juazeiro AM) na tarde desta terça-feira (24) oportunidade em que eles comentaram as novas informações que circularam nos últimos dias nas redes sociais sobre o indeferimento da prisão de um ex-funcionário que apagou as imagens do caso, bem como sobre o período de férias da Delegada do caso Polyana Nery e do recurso que vão impetrar para sustar a decisão da Juíza que indeferiu a referida prisão solicitada pelo Ministério Público.

Confira a entrevista na íntegra abaixo:

Veja a decisão da Justiça AQUI:

Da Redação Foto Geraldo José

© Copyright RedeGN. 2009 - 2022. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.