RedeGN - Khoury Participa de debate na Univasf em Juazeiro

Khoury Participa de debate na Univasf em Juazeiro

Um debate na tarde de hoje organizado pelo blog de Carlos Brito, num dos auditórios da Univasf, reuniu cinco candidatos a deputado federal: Jorge Khoury, Joseph Bandeira, Reinaldo da Gráfica, Zezéu Ribeiro e Daniel Almeida. O debate transcorreu de forma pacífica. Os candidatos responderam a perguntas da comunidade acadêmica, da imprensa e do público em geral, além de fazerem perguntas entre si.

A primeira pergunta dirigida a Khoury quis saber se o deputado tinha conhecimento se a universidade foi criada no governo FHC ou de Lula. Khoury respondeu com tranqüilidade a pergunta, porque ele era o único parlamentar presente no Congresso na época da criação da Univasf, que foi no final do governo de FHC. Khoury lembrou da luta para transformar a Universidade que seria de Petrolina em uma Universidade Regional e Multicampi. “Eu sei que qualquer um de vocês que estão aqui, se estivesse lá, fariam o mesmo, mas felizmente fui a pessoa que estava lá e isso muito me orgulha”, lembrou Khoury.

Khoury foi contundente na sua posição contrária à transposição do Rio São Francisco. “Esse modelo de transposição que temos aí não é o ideal, precisamos revitalizar o rio antes de transpor. Estão achando que fazer saneamento e desviar esgoto é revitalizar e não é. Isso é evitar que poluam mais o rio. Revitalizar é recuperar o rio, reconstituir a mata ciliar para evitar o assoreamento, proteger as nascentes, os mananciais em todo o seu percurso, trabalhar as comunidades ribeirinhas para que elas cultuem a idéia da preservação do rio. A revitalização tem que ser hídrica, o rio precisa ser recuperado e não apenas evitado que se destrua mais”, criticou Khoury.

Khoury se mostrou um defensor do emprego e lembrou que com a potencialização da agricultura irrigada ele estava gerando emprego na região, assim como quando baixou a carga tributária e fez da Bahia um setor de atacados, fazendo automaticamente se instalar em Juazeiro um pólo atacadista, que gera emprego e abastece parte do NE. Com a sua luta para a vinda da Univasf, Khoury lembrou que também gerou emprego movimentando todos os setores produtivos, principalmente de serviços e que tudo isso junto, dá a Juazeiro e região uma nova cara. Juazeiro hoje é uma das cidades que mais constrói e gera emprego na Bahia.

Khoury acha que Juazeiro é um município desenvolvido, tem bons índices sociais e econômicos, mas a cidade precisa ter um desenvolvimento urbanístico condizente com o desenvolvimento do município. Khoury chamou de “perverso” o tratamento desigual que o governo dá para o norte e o nordeste, que está a milhas de distância do que é dado ao sul e sudeste; e pediu a Zezéu para junto com ele, na bancada do Nordeste, segurar essa bandeira da paridade, do tratamento igualitário.

Enfoque Comunicação