RedeGN - Esporte no Vale: Estudantes de Juazeiro buscam no voleibol uma oportunidade profissional

Esporte no Vale: Estudantes de Juazeiro buscam no voleibol uma oportunidade profissional

A série de reportagens Esporte do Vale do Blog Geraldo José, desta semana, traz para você, caro leitor, o Voleibol. O vôlei entrou no programa olímpico nos Jogos de Tóquio 1964. Nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, que começam dia 05 de agosto, 12 equipes do masculino e 12 do feminino irão disputar nas quadras em busca de medalhas. Pela quantidade de delegações imagina-se o espetáculo que poderá ser visto!

Em Juazeiro, o vôlei já trouxe muitos momentos de felicidade, principalmente para os estudantes. O professor e educador físico Geraldo Mendes está há 30 anos na região ensinando vôleibol, e outras modalidades esportivas, a crianças e jovens. O professor conta que nesses anos, juntamente com seus alunos, já foi campeão em Vôlei de Areia, em Vitória da Conquista, e Penta Campeão de Vôlei em Juazeiro.

“Nesses 30 anos o vôlei já nos trouxe momentos marcantes. Já fomos campeões de Vôlei de Areia, em Vitória da Conquista, e Penta Campeão de Vôlei em Juazeiro. Novos nomes estão surgindo no cenário esportivo. Muitos jovens e adolescentes gostam de se dedicar ao vôlei”, frisou o professor.

Mas para o vôlei se tornar um esporte de referência, na região, ainda faltam alguns degraus. A falta de incentivo, equipamento e espaço para treinos prejudica a prática do voleibol em Juazeiro.

“Nos colégios particulares a atenção é um pouco melhor. No município e no Estado ainda fica muito a desejar o ensino de vôlei por conta de equipamento, espaço. Os órgãos estaduais e municipais ainda não dão atenção aos jovens, adolescentes para participar de eventos”, explicou Geraldo.

No último final de semana duas alunas da rede particular de Juazeiro representaram a cidade na etapa estadual dos Jogos Escolares, em Salvador, na categoria. Uma delas, Ana Joice Gonçalves, 16 anos, se dedica ao vôlei há quatro anos. Para ela, o esporte já faz parte da sua rotina. “Eu pretendo fazer do vôlei uma profissão. Já participei de outros campeonatos fora do colégio. O vôlei já faz parte da minha vida”.

A estudante Maria Luiza Alves,15 anos, também não escondeu a emoção do que o vôlei representa para sua vida. “É uma maneira que eu encontro para me expressar, O vôlei é o que eu sou. Já participei de 5 jogos escolares e essa foi a primeira vez que competir fora de Juazeiro”, disse.

Para os Jogos Olímpicos, o professor Geraldo está otimista nas equipes que irão representar o Brasil e aposta em uma medalha de ouro para a seleção feminina. “Nosso nível é muito bom. Espero que sejam um sucesso os Jogos Olímpicos. Espero que as equipes do vôlei conquistem medalhas. Do vôlei eu espero que o feminino conquiste um ouro”, ressaltou. 

Da redação Alinne Torres