RedeGN - APAMI encerra campanha Outubro Rosa com ciclo de palestras de prevenção

APAMI encerra campanha Outubro Rosa com ciclo de palestras de prevenção

Oficialmente a campanha mundial do Outubro Rosa encerra-se hoje, 31, e a Associação Petrolinense de Amparo à Maternidade e à Infância (APAMI) realizou, durante esses dois últimos dias do mês, palestras de conscientização para prevenção do câncer de mama para colaboradores do SEST/SENAT nessa quinta-feira (30) e Aeroporto Internacional Senador Nilo Coelho em Petrolina na manhã dessa sexta-feira (31).

A equipe de estudantes da Universidade de Pernambuco campus Petrolina (UPE) coordenada pela professora doutora Lidiane Britto, também coordenadora do Núcleo de Pesquisa em Oncologia do Centro de Oncologia da APAMI foi convidada pelas duas instituições para a conscientização do seu público interno, cerca de 150 colaboradores no SEST/SENAT e 20 dos 500 colaboradores do Aeroporto, incluindo a Infraero e linhas aéreas comerciais instaladas devido a grande demanda de voos na cidade.

De acordo com a coordenadora pedagógica do Pronatec no SEST/SENAT, Adriana Matias a palestra fez parte da culminância da campanha desenvolvida internamente na unidade de Petrolina. “A iniciativa de convidar a Apami para participar da nossa ação veio de dois instrutores nossos, Sivaldo e Tarcila que já conheciam o trabalho desenvolvido pela associação. E hoje, na culminância, ampliamos o trabalho de conscientização não somente dos estudantes como dos profissionais do SEST/SENAT”, afirmou.

Para o superintendente da Infraero em Petrolina, Rodrigo Siebra, a palestra reforça a importância da multiplicação das informações sobre o câncer de mama para que cada vez mais possa ser prevenido. “O conhecimento nunca é demais e nós agradecemos imensamente em nome da Infraero. Esperamos manter essa parceria entre as instituições!”, disse. Já a professora doutora Lidiane Britto ficou feliz com a grande procura pelas empresas e instituições da cidade para a realização das palestras. “Cumprimos essa missão esse ano e no próximo queremos ampliar ainda mais o número de palestras e ações, esclarecer o quanto possível sobre essa doença para que cada vez mais o diagnóstico seja precoce e possamos salvar mais vidas”, ressaltou Lidiane.

Jaquelyne Costa ASCOM APAMI