RedeGN - Bahia pode ganhar nova mina de ferro em Casa Nova e Remanso

Bahia pode ganhar nova mina de ferro em Casa Nova e Remanso

Foto: Diretores da Camaleão Mineração (esquerda)) com a Diretoria da
CBPM, Alexandre Brust, Rafael Avena e o geólogo Aluizio Andrade (à direita).

A diretoria da CBPM assinou recentemente um Contrato de Pesquisa Complementar e Promessa de Arrendamento de Direitos Minerários com a empresa Camaleão Mineração Ltda, visando a pesquisa e posterior exploração dos depósitos de ferro na região de Casa Nova e Remanso, no norte da Bahia. Trata-se de 34 áreas, com 14.500 ha, onde a empresa determinou a presença de importantes ocorrências de ferro.Com previsão de investimento de R$ 3 milhões, em 24 meses, as perspectivas de recursos do depósito giram em torno de 500 milhões/toneladas.

Segundo o Diretor Técnico da CBPM, Rafael Avena Neto, essas ocorrências estão associadas às Formações Ferríferas dos Complexos Lagoa do Alegre e Colomi, geralmente em pequenos serrotes, ocorrendo como Formações Ferríferas Bandadas(BIF) e/ou em intercalações de Metacherts Ferruginosos. Para tanto, foi realizada essa licitação pública visando a pesquisa complementar, onde se prevê a realização de pelo menos 12 mil metros de sondagem.

Para o Presidente da CBPM, Alexandre Brust, com mais este contrato, é a prova de que política de licitação de áreas da CBPM, incrementada com intensidade a partir de 2007, tem sido de grande sucesso. “Só nesse período - de 2007 a 2011- já foram quase 50 concorrências realizadas, com duas minas inauguradas, a Bentonita de Vitória da Conquista e Níquel de Itagibá, e mais duas estarão entrando em produção até 2013, o Ouro de Santa Luz e o Vanádio de Maracás, o que fará da CBPM uma empresa autossuficiente do Estado”, destacou. 

Com o contrato com a Cameleão Mineração, no caso de viabilização de uma mina, a CBPM receberá royalties da ordem de 3,75% sobre o concentrado de ferro comercializado, além do Prêmio de Oportunidade de R$ 1 milhão e mais R$ 500 mil por cada Portaria de Lavra. A Camaleão Mineração é uma empresa de desenvolvimento mineral, com escritório em Juazeiro. Para a exploração do minério de ferro, a empresa montou base em Casa Nova. No encontro com a direção da CPBM compareceram Ronaldo Carias (Diretor Gerente), Rinaldo Francisco Braga (Diretor de Exploração) e Rogério Moreno (Diretor Técnico).

Ascom/CBPM