RedeGN - DENÚNCIA: DIRGENTE DO SINPAF É AMEAÇADO NA 3ª SR DA CODEVASF EM PETROLINA E RECEBE SOLIDARIEDADE DE CHAVES

DENÚNCIA: DIRGENTE DO SINPAF É AMEAÇADO NA 3ª SR DA CODEVASF EM PETROLINA E RECEBE SOLIDARIEDADE DE CHAVES

O presidente do Sinpaf - Sindicato dos Trabalhadores de Pesquisa Agropecuária em Petrolina, Jeremias Lustosa Cabral, enviou correspondência ao presidente da Codevasf em Brasília, relatando que está sendo destratado e ameaçado nas dependências da empresa. Ele recebeu a solidariedade do colega em Juazeiro, Antonio Carlos Chaves. Confira o teor da correspondência:

Tenho enfrentado nos últimos dois meses uma verdadeira saraivada de acusações, coordenada pelo Chefe de Gabinete da CODEVASF 3ª SR, que acumula também a representação da Comissão de Ética, da 3ª SR, também Secretario do “Comitê de Gestão” da 3ª SR (é muita autoridade! Pelo Gerente de Revitalização e também se diz coordenador Geral do PAC pelo Gerente de Administração, senhores Natércio Melo, Ricardo Lisboa Vieria e Roger Maniçoba e pelo Sr. Leonardo Cruz.

Acusam-me de INSANO, TIRANO, Promotor de ASSÉDIO MORAL, DESACATADOR e outras coisas mais. Para iniciar, afirmo que ingressei no Serviço Público através de Concurso em 1964, tendo, portanto mais de quarenta e sete anos em plena atividade SOU FICHA LIMPA.

INSANO - se combater a falta de ÉTICA, a falta de TRANSPARENCIA e a má aplicação dos recursos públicos for insanidade, eu sou um INSANO;

TIRANO - Se condenar o uso indevido de Veículos de propriedade da Empresa, bem como Veículos com contrato de locação e de propriedade de empreiteiras, eu sou um TIRANO;

ASSÉDIO - O Presidente do SINPAF - CODEVASF PETROLINA não tem como promover ASSÉDIO MORAL. Quem sofreu, faz dois meses, tal ato de indignidade, foi o empregado Operacional EDMUNDO MANOEL DA SILVA que, por conhecer as irregularidades cometidas na área de SERVIÇOS GERAIS da 3ª SR foi transferido da Sede da 3ª SR, para o Perímetro Irrigado de Bebedouro, distante 50 km de Petrolina. O mesmo é idoso, usuário de medicamento de uso contínuo e portador de diabetes.

Com o apoio do SINPAF e com LAUDO MÉDICO atestando que não era recomendável a sua transferência, foi mantida a decisão e, mais uma vez, recorremos a Diretoria da Empresa e o Médico do Trabalho da CODEVASF recomendou a revogação da transferência.

A solicitação da transferência foi solicitada verbal ou formalmente pelo Gerente Regional de Administração Sr. ROGER MANIÇOBA. ASSÉDIO MORAL- está sofrendo o vigilante FABIANO RODRIGUES DA SILVA, empregado da Empresa Terceirizada SEMPRE FORT, filiado ao SINPAF e está sendo ameaçado de DEMISSÃO POR JUSTA CAUSA por ter registrado no livro de Ocorrências da Empresa contratada a saída de material em veículo particular, sem a devida autorização formal, conforme estabelece as NORMAS DA EMPRESA.

ASSEDIO MORAL sofreram vários empregados que foram coagidos e chantageados pelos coordenadores do “manifestação dos empregados da 3ª SR”, principalmente pelo Chefe de Gabinete, Gerente de Revitalização, Gerente de Administração e a Chefe de Recursos Humanos da 3ª SR, Sra. ANA LÍCIA SANTIAGO, só para citar tais casos.

DESACATADOR – DESACATADO foi o Presidente da Seção Sindical do SINPAF no mês de Dezembro de 2009, na Véspera da Confraternização dos Empregados da 3ª SR, pelo Senhor Superintendente Regional CODEVASF, no seu Gabinete , quando foram questionadas as razões da omissão do mesmo, não atendendo pedidos de informação feita pelo SINPAF sobre a precária situação da estrutura do prédio da 3ª SR, que pode a qualquer momento desabar e causar danos graves aos empregados. O Senhor Superintendente, enfurecido gritou, dando murros na mesa e gritando: “eu não tenho satisfações a dar ao Sindicato e, mais descontrolado gritou: “ Quem manda nessa PORRA sou eu  e retire-se daqui imediatamente”.

Não tive nenhuma reação de revide, só e exclusivamente pela minha condição física, por ter as duas pernas amputadas. Foi o último dia que estive no gabinete da “Fera” que desacatou um deficiente e idoso, com mais de sessenta e cinco anos de idade. Depois do fato aqui relatado passei a ter piedade dele. A linguagem usada pelo mesmo caracteriza uma pessoa despreparada para Gestão Pública.

Devolvo, portanto todas as palavras desaforadas a mim dirigidas, não a todos empregados que subscreveram a manifestação, porque sei que os mesmos foram coagidos e chantageados, pelos que se julgam “ Chefes eternos” da 3ª SR. Mesmo assim propus um debate público entre o  Presidente do SINPAF-CODEVASF Petrolina em qualquer emissora de radio da cidade de livre escolha dos coordenadores da “manifestação”.

Responderam com mais ataques ao Presidente do SINPAF afirmando “que o debate publico é uma proposta descabida e inoportuna” e o Chefe de Gabinete e representante da Comissão de Ética na 3ª SR, afirmou que “ a roupa deveria ser lavada em casa”. Ele faltou acrescentar a palavra suja na frase.

Em casa, foi proposta feita, não só com os coordenadores, mas com todos empregados da Empresa no Auditório da 3ª SR e não foi aceita por eles. Vamos auditar todos as licitações e contratos na 3ª SR, de 2004 até agora.

Para finalizar, estou encaminhando a presente ao Presidente Nacional do SINPAF, companheiro Vicente Almeida, amigo, leal e competente dirigente, que confia na ÉTICA-TRANSPANSPARÊNCIA E COMBATIVIDADE do Presidente da Seção Sindical CODEVASF Petrolina e Vice- Presidente Nacional do SINPAF.

Não trato mais do assunto, passando toda negociação e providencias jurídica cabíveis ao Companheiro Presidente Nacional Vicente Almeida. Pessoalmente estou ingressando na Policia Federal em Juazeiro- Ba, responsabilizando os senhores Natércio Melo, Ricardo Lisboa Vieria, Roger Maniçoba e Leonardo Cruz, por qualquer problema que venha acontecer a minha pessoa ou qualquer familiar meu.

Em seguida, por dirigir o SINPAF no Prédio da Empresa, assegurado pelo ACT 2011/2012, vou encaminhar, através do meu advogado, ao Presidente da Empresa, Dr. Clementino de Souza Coelho, que seja respeitada a minha integridade física nas dependências da 3ª SR.

Encerro a mensagem com as seguintes frases:

1.       ACREDITO MAIS NO PODER DO VOTO QUE É LEGÍTIMO DO QUE NO PODER DA COAÇÃO QUE É IMORAL.

2.       ACREDITO MAIS NA FORÇA DO ARGUMENTO DO QUE NO ARGUMENTO DA FORÇA.

                                              Saudações Sindicais,

                                             Jeremias Lustosa Cabral

                                            SS-CODEVASF – Petrolina

                                   Presidente e Vice- Presidente Nacional

Chaves presta solidariedade ao Vice - Presidente Nacional do SINPAF

Caro Colega,

Jeremias Lustosa

O relato que você fez sobre ameaça de morte por colegas da CODEVASF lotados na 3ª Superintendência, em Petrolina-Pernambuco, me causou estranheza e revolta. Este fato é lamentável sobre todos os aspectos e a Presidência da Empresa deve tomar conhecimento para adotar as medidas cabíveis para banir do nosso convívio pessoas com este tipo de índole.

Meu caro colega, espero que fatos desta natureza não mais se repitam e que você possa com tranqüilidade exercer seu mandato com independência em prol das causas maiores dos Filiados do SINPAF e da moralidade dos atos da Empresa.

Antonio Carlos Chaves