RedeGN - Estudantes farão maratona poliesportiva em Senhor do Bonfim

Estudantes farão maratona poliesportiva em Senhor do Bonfim

Jogos das Escolas Públicas Municipais – JEPM de Senhor do Bonfim iniciará sua cerimônia de abertura nesta quita-feira 15 e terminará no dia 18 de setembro. Oprojeto é uma proposta da SEMEC - Secretaria Municipal de Educação Cultura e Esportes, em parceria com a Gerência Municipal de Esportes e com a Coordenação de Educação Física e Esporte Educacional. Na abertura, os alunos sairão da frente do Colégio Estadual em direção ao Núcleo de Esportes e Lazer (Anexo ao Estádio).

A marcha se iniciará às 9h30h, desta quinta-feira, com a participação de 23 escolas da rede pública municipal de ensino. Entre elas: a de Cariacá, a Cândido Felix, Carrapichel, Luiz Viana, Estiva, Cazumba, Astricliano de Carvalho, Umburana, Tanquinho, Altamira Teixeira, Maritônia Andrade, Antonio José de Souza, Abigail Feitosa, Passagem Velha, José Gonçalves, Rancharia, Herculano Almeida, Nívea Seixas, Perpétuo Socorro, Judite Ferreira, 1º Grau de Tijuaçu, Tomaz Guimarães, Várzea do Mulato, Laje e Antonio Bastos.

De acordo com a secretária de Educação Maria das Neves, a Educação Física nas escolas municipais vive um grande momento, com a contratação dos novos professores que estão cada vez mais engajados nas mudanças necessárias para a melhoria da disciplina nas nossas escolas. É necessária a realização dos JEPM / 2011. Das Neves admite que estes jogos servirão de teste para o novo sistema de trabalho implantado nas escolas do município. Os professores avaliarão os resultados do que foi feito e poderão corrigir, para a participação nos Jogos Escolares Regionais junto a escolas da Rede Estadual de Ensino. Mas servem também para o crescimento, comprometimento e participação dos alunos nas atividades esportivas na escola, segundo a secretária.

Filosofia do projeto– Este projeto visa proporcionar aos alunos momentos de conhecimentos do eu relacionando-se com o mundo para que sintam criadores e transformadores da sua história. Além disso, desenvolver nos alunos suas capacidades de apropriação e conhecimento das potencialidades corporais, afetivas, emocionais, estéticas e éticas, percebendo-se como membros integrantes e participantes de um grupo e de uma sociedade. 

Ascom