RedeGN - FAMÍLIA FAZ PROTESTO EM FRENTE A PREFEITURA DE JUAZEIRO E ASSESSORIA NEGA PERSEGUIÇÃO

FAMÍLIA FAZ PROTESTO EM FRENTE A PREFEITURA DE JUAZEIRO E ASSESSORIA NEGA PERSEGUIÇÃO

O comunitário Agnaldo José do Alto da Aliança reuniu os familiares (pai, mãe, esposa e filhos) e realizou na manhã desta quarta-feira (06), manifesto em frente ao prédio-sede da Prefeitura de Juazeiro.

Agnaldo disse ao blog que o protesto ocorre por conta da perseguição da gestão Isaac Carvalho que não pagou até hoje os direitos trabalhistas da sua esposa Maria Cícera que foi demitida no início de 2011, após seis anos de trabalho na prefeitura municipal.

“Estou cansada de andar na secretaria de finanças e receber a mesma resposta. Os meus filhos me perguntam todos os dias o que tem para o café da manhã, os credores diariamente me cobram e a prefeitura não paga o que me deve”, reclamou Cícera.

Agnaldo José lembrou a entrevista do Secretário de Administração e Finanças, João da Costa, informando que as rescisões até R$ 1.500,00 devem ser pagas até o próximo dia 11. “Minha esposa ficou de fora porque a rescisão da mesma chega a R$ 2.200,00 reais o que caracteriza perseguição, porque o próprio prefeito já se referiu a uma família do Alto da Aliança que critica o seu governo. Nós criticamos por conta do descaso dessa gestão que além de inoperante é perseguidora”.

O setor de comunicação da Prefeitura de Juazeiro informou ao blog que não se trata de nenhuma atitude retaliatória porque existem outros ex-servidores na mesma situação. “A pasta de finanças optou por atender as rescisões de menor valor, mas todos receberão o que é de direito, de acordo cronograma estabelecido pelo Secretário João da Costa”, informou Fernando Veloso da Assessoria de Comunicação.