RedeGN - Prefeitura de Juazeiro reforça atendimento das síndromes gripais com UBSs de referência abertas aos sábados

Prefeitura de Juazeiro reforça atendimento das síndromes gripais com UBSs de referência abertas aos sábados

A partir deste sábado (15), duas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Juazeiro vão iniciar atendimentos dos casos leves de síndromes gripais. Com isso, a Secretaria de Saúde (Sesau) poderá atender a demanda de sintomáticos respiratórios que chegam à Rede de Atenção Especializada (Hospital Campanha e Unidade Pediátrica), e que não apresentam gravidade.

As UBSs João Paulo II e Mussambê serão as unidades de referência aos sábados com atendimentos.

A equipe será composta por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e auxiliar de serviços gerais. Os atendimentos serão das 7h30 às 13h30. "Como estamos com um fluxo aumentado de casos de síndromes gripais, pensamos em estratégias para conseguir atender as pessoas da melhor forma. Montamos esta estratégia de abrir essas duas unidades de saúde com equipe completa aos sábados, justamente para conseguir desafogar o Hospital de Campanha e a Unidade Pediátrica, que acabam tendo que atender os casos leves também, principalmente no fim de semana", destacou o secretário de Saúde de Juazeiro, Fernando Costa.

Segundo o superintendente da Rede de Atenção Especializada, Eduardo Rafael de Sousa Neto, os casos de maior gravidade continuam sendo atendidos na rede especializada, ou seja, nos hospitais. "Todos os casos leves e moderados, que têm condições de ser atendidos, medicados, orientados e que possam retornar para casa serão atendidos. Os que apresentem sintomas mais graves, deve ser feito o primeiro atendimento e encaminhado para o Hospital de Campanha, se houver necessidade de internação, ou para a Unidade Pediátrica, se for paciente menor de 15 anos", destacou Eduardo Neto.

Nestas unidades além dos atendimentos médicos, também será realizada testagem para detecção da Covid-19. "A gente espera que, com essa estratégia de descentralizar o atendimento, pelo menos aos sábados, a gente consiga receber a grande parte das pessoas que necessitam e, com isso, possamos diminuir também a quantidade de pessoas que chegam no Hospital Campanha e na Unidade Pediátrica, a grande maioria, para realizar de casos leves", disse o superintendente.

Outras estratégias: Diante do cenário de aumento no número de atendimento à população com sintomas gripais, a Sesau montou outras estratégias para ampliar e melhorar os atendimentos à população. Com isso, precisou realizar algumas modificações nas UBSs e nas Unidades de Atenção Especializada. O município aumentou o efetivo profissional para atendimento médico na Uped e no Hospital Campanha.

Na Atenção Básica, as consultas de pessoas de grupos de risco e os atendimentos programados (hiperdia, pré-natal e consulta puerperal, puericultura, coleta de citologia oncótica e saúde mental) não serão realizadas no mesmo turno de atendimento a sintomáticos respiratórios e realização de Testes Rápidos para Covid-19 na unidade. Na zona rural as consultas de cuidado continuado também não deverão dividir o turno com os atendimentos dos sintomáticos respiratórios. Deste modo evita-se que os públicos misturem-se.

Ascom Sesau PMJ