RedeGN - Secretaria de Saúde de Sobradinho lança campanha chamando atenção para o número de faltosos e não vacinados no município

Secretaria de Saúde de Sobradinho lança campanha chamando atenção para o número de faltosos e não vacinados no município

Após dez meses do início da Campanha de Vacinação contra a Covid-19, em Sobradinho, muitas pessoas estão dispensando a imunização, o que tem preocupado a Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

Para incentivar a vacinação, o órgão lançou mais uma campanha de conscientização sobre a importância da imunização, dirigida aos faltosos. A SMS chama atenção para a necessidade das pessoas, que ainda não se vacinaram, procurarem um dos pontos de vacinação para iniciarem a imunização.

O apelo é também para aqueles que estão com a segunda dose atrasada, e ainda para os usuários, que já estejam no prazo, completarem o esquema vacinal, com a dose de reforço. A terceira dose deverá ser tomada após 5 meses da imunização da dose 2.

A Secretária de Saúde, Maysa Sanjuan, alerta à população para a necessidade da imunização.

"É alto o número de faltosos. Sabemos que muitas pessoas que estão apresentando complicações da infecção, são aquelas que não se vacinaram. São estas que estão sendo internadas e vindo a óbito. Peço aqui que as pessoas se vacinem para evitar uma nova onda da doença na cidade. Já se fala na "pandemia dos não vacinados", como vem acontecendo em alguns países. Seguramente, o aumento do número de casos, internações e mortes, atualmente, são de pessoas que não se vacinaram contra o vírus. Atentem para a redução dos números da covid, após a vacinação. Em todo o país houve grande queda de óbitos e de novos casos, e isso tem proporcionado a flexibilização das medidas e a volta das atividades. Peço aos sobradinhenses que não deixem de se vacinar. Vacina salva, vacina é vida! Quem rejeita a imunização coloca em risco a saúde coletiva", afirmou a secretária.

Ela também ressaltou o esforço da gestão municipal para garantir o acesso à vacinação.

"As equipes da Secretaria de Saúde estão empenhadas na vacinação. Disponibilizamos os pontos de imunização para garantir o acesso a 1ª, 2ª e 3ª doses da vacina. Montamos estratégias para facilitar esse acesso, através do agendamento prévio, vacinação domiciliar e escolar. Estamos, insistentemente, conscientizando a população, através de campanhas. Que cada pessoa se some às campanhas pela vacinação, que cada um seja um multiplicador, que incentive um amigo, um familiar a se vacinarem, que tome sua segunda ou a terceira dose em dia. Quanto mais pessoas vacinadas, mais o nosso municípios estará protegido. Vamos nos proteger e proteger o outro", finalizou Maysa.

Ascom PMS