RedeGN - PF faz operação na Precisa Medicamentos, empresa que intermediou aquisição da Covaxin

PF faz operação na Precisa Medicamentos, empresa que intermediou aquisição da Covaxin

A Polícia Federal fez operação na Precisa Medicamentos, empresa que intermediou aquisição da Covaxin, nedsta manhã.

A PF cumpriu mandados de busca e apreensão na sede da Precisa Medicamentos nesta manhã, em São Paulo.

A Precisa é uma das empresas investigadas pela CPI da Pandemia e está na mira da comissão por suspeita de ilegalidades na intermediação da aquisição de doses da Covaxin entre o Ministério da Saúde e a farmacêutica Bharat Biotech.

A operação realizada pela PF nesta sexta-feira foi autorizada pelo Ministro Dias Toffoli, do STF, atendendo pedido da CPI da Covid-19, que alega não estar sendo atendida na solicitação de contratos e documentos requisitados junto à empresa.

Em nota, a defesa da Precisa disse que a operação desta sexta é "inadmissível". "A empresa entregou todos os documentos à CPI, além de três representantes da empresa terem prestado depoimento à comissão". 

Os mandados acontecem em endereços em Barueri e em Itapevi, em escritórios da empresa e locais de armazenamento de distribuição de produtos.

Da redação redeGN/ com informações do G1/ Foto divulgação Rede Globo