RedeGN - Defesa de memorial para promoção docente à classe de Professor Titular acontece nesta sexta-feira (14)

Defesa de memorial para promoção docente à classe de Professor Titular acontece nesta sexta-feira (14)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), por meio da Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD), realizará nesta sexta-feira (14) a sessão pública de defesa de memorial acadêmico do docente René Geraldo Cordeiro Silva Junior, do Colegiado de Medicina Veterinária, para promoção funcional à classe de Professor Titular. A banca acontecerá pelo Google Meet, com transmissão pelo canal CPPD - Univasf no YouTube, a partir das 14h. O evento é aberto a toda a comunidade.

A comissão especial de avaliação do professor René Cordeiro será composta pelos docentes Antônio Gilberto Bertechini, da Universidade Federal de Lavras (UFLA); Wilson Moreira Dutra Júnior, da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE); e Geraldo Roberto Quintão Lana, da Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Serão suplentes na banca do professor Cordeiro os docentes Fernando Guilherme Perazzo Costa, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), e Carlos Bôa Viagem Rabello, da UFRPE.

Esta é a primeira defesa para promoção funcional à classe de Professor Titular a ser realizada em 2021. Ao longo do ano passado, a CPPD realizou seis bancas de defesa para promoção à classe de Titular. Atualmente, a Univasf conta com nove professores titulares em seu quadro docente.

A classe de Professor Titular ocupa o topo da carreira de professor do Magistério Superior, que é estruturada nas classes A, B, C, D e E, conforme determina a Lei N° 12.863/2013. As classes recebem as seguintes denominações de acordo com a titulação do ocupante do cargo: Auxiliar (docente que possui graduação ou título de especialista), Assistente (portador de título de Mestre), Adjunto (portador de título de Doutor), Associado (apenas professores com doutorado que já passaram pela classe de Adjunto) e Titular (apenas professores com doutorado que passaram pela classe de Associado). Cada classe subdivide-se em níveis, definidos no Anexo I da Lei N° 12.863. Ao longo de sua trajetória acadêmica, o professor poderá progredir dentro da classe, nos níveis que a compõem. Quando chegar ao último nível de cada classe poderá passar à classe seguinte, caso tenha a titulação exigida.

Somente ao alcançar o nível 4 da Classe D, denominada de Professor Associado, o docente poderá pleitear a promoção para a Classe E, de Professor Titular. Entretanto, o professor terá que ser aprovado nas duas etapas de avaliação. Na primeira, são avaliadas as atividades desenvolvidas ao longo de sua carreira; e na segunda o docente irá apresentar a uma banca a defesa de um memorial ou de uma tese acadêmica inédita, conforme as Resoluções N° 13/2015 e N° 11/2019 do Conuni da Univasf.

Ascom