RedeGN - Espaço do Leitor: Ceasa de Juazeiro

Espaço do Leitor: Ceasa de Juazeiro

Olá Geraldo, venho através desta, aproveitar sua audiência e imparcialidade, para expor um problema que, inclusive, já foi noticiado no seu veículo de comunicação.

O mercado do produtor de Juazeiro é a menina dos olhos em relação ao nosso PIB, mas hoje ele traz junto com seu enorme volume de negócios, problemas enormes também.

Moro próximo ao Ceasa e passo por transtornos diariamente, quando falo de mim, acredito que falo em nome de muitos moradores da "redondeza" também.

O trânsito no entorno do mercado é um verdadeiro salseiro, onde os caminhoneiros não respeitam se quer uma simples lei de trânsito. Estacionam em frente a garagem das casas próximas podando o ir e vir de cidadãos que pagam seus impostos e não infringem nenhuma lei.

Durante a noite até madrugada eles param simplesmente no meio da BR 407, quando digo no meio, não é no acostamento, é literalmente no meio da pista, prova desse comportamento imprudente são as sequências de tombamento de caminhões na rotatória próxima ao batalhão.

Gostaria de saber das autoridades municipais e federais (já que a BR é fiscalizada pela PRF) se não poderiam fazer ações educativas e principalmente punitivas em relação a isso, já que as vezes que tentei explicar para alguns desses caminhoneiros, as leis que infringem e seus consecutivos erros, fui ameaçado até de morte, pois os mesmos se aproveitam da falta de fiscalização e punição, para impor seu comportamento troglodita e muitas vezes à margem da lei.

Acredito que o local atual não comporte mais o grande volume de caminhões e negócios. As margens da BR, próximo ao presídio, postos de combustível e adjacências seria um ótimo local.

Juazeirense