RedeGN - Leitores da RedeGN denunciam aglomerações na área urbana e interior de Juazeiro (BA)

Leitores da RedeGN denunciam aglomerações na área urbana e interior de Juazeiro (BA)

Feira do Rolo e Massaroca.

A pandemia do coronavírus chegou ao seu pior estágio no Brasil com quase duas mil mortes diárias e uma série de medidas restritivas nos diversos estados da Federação, inclusive, na Bahia.

Mas as medidas pouco tem refletido na sociedade e a possibilidade de um lockdown está muito próximo de ser decretado no Estado por conta do sistema de saúde que também anda propenso a colapsar.

Nesta sexta (05) novo decreto que será publicado no Diário Oficial do Estado deste sábado (6) prorrogou a proibição do funcionamento de academias e estabelecimentos voltados à prática de atividades físicas até 13 de março. A medida vale para toda a Bahia.

As medidas visam conter o avanço da disseminação do coronavírus na Bahia, mas alguns flagras de leitores da RedeGN comprovam que a população pouco está se importando com a situação embora os hospitais de Juazeiro e Petrolina sigam próximo de 100% da sua ocupação.

O leitor Anderson Levy do Alto do Cruzeiro fez o seguinte registro na feira livre de Juazeiro:

“Hoje pela manhã Geraldo na feira do rolo em Juazeiro, bairro Alto da maravilha. Pessoas de todas as idades promovendo aglomeração e a não utilização do uso de máscaras.

A prefeitura de Juazeiro precisa urgentemente coibir esse tipo de postura visto que estamos vivenciando o pior momento da pandemia do novo coronavirus e pessoas estão morrendo todos os dias. Em juazeiro a taxa de ocupação de leitos de UTI está em 90%” desabafou.

Um outro leitor do interior que pediu para não ser identificado fez um flagra em Massaroca:

“Geraldo peço para não ser identificado. Infelizmente por falta de consciência das pessoas venho aqui expressar com tristeza e decepção o desrespeito das pessoas. Pedimos fiscalização, pois as aglomerações continuam principalmente nos finais de semanas e por fim cito aqui que o órgão responsável por tais fiscalização venha a alguns pontos de negócios na BR-407 aqui na Massaroca, pois até concordo em não fechar, mais cito aqui que os ônibus vindo de São Paulo estão parando nesses estabelecimentos causando aglomeração. O que fica chato é tudo isso acontecendo e as vidas e famílias sofrendo e as pessoas agem como se fosse nada com tais absurdos e desrespeito”.

Da redação