RedeGN - Decisão Judicial suspende mais uma vez pesquisa do Bahia Notícias/Instituto Séculus

Decisão Judicial suspende mais uma vez pesquisa do Bahia Notícias/Instituto Séculus

Em decisão judicial assinada pelo Juiz eleitoral Cristiano Queiroz Vasconcelos, 48ª Zona em Juazeiro, atendendo representação assinada pela Coligação "Pra Juazeiro Seguir em Frente", foi determinada a imediata suspensão da pesquisa divulgada pelo Bahia Notícias/ Séculus Análise e Pesquisa e pela campanha da Coligação União Por Amor à Juazeiro, encabeçada pela candidata Suzana Ramos.

A assessoria do candidato Paulo Bomfim, autora do pedido de supensão da pesquisa, encaminhou a seguinte nota à imprensa:

Justiça obriga Suzana a suspender divulgação de pesquisa fraudulenta.

Após insistir em descumprir o mandado de segurança que tinha como decisão a suspensão de uma pesquisa feita com clara intenção de favorecer a candidata Suzana Ramos, a coligação Pra Juazeiro Seguir em Frente, obteve nesta sexta-feira (9) mais uma liminar no TRE que determina a suspensão imediata da divulgação do levantamento feito pela Séculus Análise e Pesquisa. 

A pesquisa fez uso de questionário tendencioso, no qual apresentava Suzana com apoio de um ex-prefeito inelegível e citava os nomes isolados dos demais candidatos. O viés de favorecimento era uma artimanha para induzir a escolha dos entrevistados”, escreveram.

Na decisão judicial o Juiz Cristiano Queiroz Vasconcelos determinou a suspensão imediata da divulgação sob pena de multa e outras punições previstas na lei.