RedeGN - Campo Formoso: PSD vai avaliar caso de vereador acusado de agredir filha, diz Otto

Campo Formoso: PSD vai avaliar caso de vereador acusado de agredir filha, diz Otto

Acusado de agredir a filha, o presidente da Câmara de Vereadores de Campo Formoso, José Alberto de Carvalho, pode ser submetido à Comissão de Ética do Partido, no caso do PSD, o que pode resultar em expulsão da legenda. O presidente da sigla na Bahia, senador Otto Alencar, disse nesta segunda-feira (13) que a agremiação vai analisar o caso assim que o processo for esclarecido. Alencar afirmou que repudia “qualquer” violência contra mulheres.

“Eu não conheço os autos do processo para fazer um julgamento de valor. Nós do PSD temos um procedimento muito ao favorável aos direitos da mulher, à lei Maria da Penha, isso é uma coisa geral. Tanto que o partido é que mais tem mulheres como prefeitas, além de deputadas estaduais”, disse ao BN.

Otto disse que o PSD avalia também antecedentes criminais, mas informou que conhece o edil de nome. “Sempre avaliamos. Agora, no desempenho da função, a pessoa pode cometer seus erros. Não sei a situação que ele vive, portanto não posso fazer juízo de valor. Então, esse caso vai ser analisado pela Comissão de Ética para ver qual o procedimento devemos tomar caso os fatos sejam confirmados”, declarou. 

A filha do presidente da Câmara de Campo Formoso, Rafaella Carvalho, de 18 anos, usou as redes sociais ontem domingo (12) para denunciar o caso, mesmo dia em que registrou um Boletim de Ocorrência na delegacia local contra o vereador conhecido como “Ze Lambão”.

Segundo ela, o pai sempre teve um comportamento agressivo sendo uma das vítimas durante muito tempo a mãe da estudante. “Hoje eu fui agredida, na verdade, eu esperava, né? Porque eu vivo há 18 anos vendo ele fazer isso com minha mãe. Porque ele é um monstro, ele sempre foi isso, ele é um lixo”, disse. 

O G1 entrou em contato com o pai dela, o vereador José Carvalho, para pedir um posicionamento sobre o caso, mas ele disse que "apesar de ser uma pessoa pública, não tenho nada a declarar sobre minha vida particular".

Bahia Noticias e G1 Bahia