RedeGN - Covid-19: Univasf recebe respiradores pulmonares, monitores multiparamétricos e EPIs para Hospital Universitário

Covid-19: Univasf recebe respiradores pulmonares, monitores multiparamétricos e EPIs para Hospital Universitário

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) recebeu do governo estadual de Pernambuco 40 respiradores pulmonares, 40 monitores multiparamétricos e 45 mil unidades de equipamentos de proteção individual (EPIs) destinados ao Hospital Universitário (HU-Univasf).

Os equipamentos, cujo envio foi pactuado durante reunião realizada na quinta-feira (25), via webconferência, com a participação do reitor pro tempore Paulo César Fagundes Neves, do governador Paulo Câmara e do secretário estadual de Saúde, André Longo, chegaram a Petrolina no último sábado (27).

Entre os EPIs enviados destacam-se máscaras cirúrgicas, capotes cirúrgicos e luvas de procedimento que visam garantir a proteção e segurança dos profissionais de saúde que atuam no atendimento aos pacientes com Covid-19. De acordo com o superintendente do HU-Univasf, Itamar Santos, todos estes equipamentos são importantes para reforçar a estrutura de atendimento aos pacientes com o novo coronavírus na região.

“Esses equipamentos serão úteis caso seja necessária uma expansão no número de leitos de UTI para atender os pacientes com Covid-19, principalmente se tivermos um aumento sem controle dos casos da doença na região. Mas, por enquanto, a situação está sob controle, sendo monitorada quatro vezes ao dia”, afirma Santos. O superintendente ressalta que o HU-Univasf mantém 20 leitos de UTI para atender os pacientes com o novo coronavírus.

O reitor pro tempore Paulo Fagundes destaca que as parcerias com os governos estaduais e municipais são essenciais neste momento para o enfrentamento da pandemia. “O monitoramento tem sido feito constantemente pelo governo do Estado, pela Prefeitura e pela Univasf. Estamos nessa força, nessa união e nesse compromisso pela população, não só de Petrolina, mas da macrorregião também”, afirma Fagundes.

Ascom Univasf