RedeGN - Moro deixa ministério e faz revelações bombásticas contra interesses de Bolsonaro na Polícia Federal.

Moro deixa ministério e faz revelações bombásticas contra interesses de Bolsonaro na Polícia Federal.

O Ministro Sérgio Moro, em entrevista coletiva que continua acontecendo nesta manhã de sexta-feira (24) confirmou sua saida do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Depois de fazer um resumo da sua atuação como juiz e elencar alguns casos importantes que julgou, incluindo, o de ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Moro comunicou o afastamento do cargo de Ministro do governo Jair Bolsonaro.

De acordo com Moro o acordo feito com Bolsonaro era de buscar o combate à corrupção e o crime organizado e a unica condição que coloquei para o presiente era que "depois de 22 anos atuando como Juiz se algo de ruim acontecesse comigo, minha família não ficasse desamparada", revelou.

Em outro trecho da entrevista o ex-juiz Sergio Moro relatou que recebeu carta branca para nomeações no ministério: "Me prometeram carta branca para que eu aceitasse o cargo" disse.

A exoneração do  diretor da Polícia Federal, Maurício valeixo, pelo presidente jair Bolsonaro, foi um dos motivos da saída de Moro do cargo de Ministro Da Justiça e Segurança Pública. "O presidente insistiu na troca de diretor-geral quando se começa a trocar pessoas por indicação política, não dá certo", destacou.

"Sinalizei com outro nome dos quadro da Polícia Federal, mas não obtive resposta, foi sugerido outro nomes, mas o grande problema que questionei é, porque trocar e ele me disse que queria uma pessoa da confiança dele para ter acesso a relatórios e colher informações sobre investigações", relatou.

"Se não conseguisse dizer não para uma proposta desse tipo, não acho que pudesse continuar", declarou e anunciou sua saída do ministério.

"Tenho o dever de tentar proteger a Policia Federal e por esse motivo, acho que o foco deveria ser a pandemia, mas não podia deixar de comunicar minha saída...Fui fiel ao meu compromisso, vou começar a encaixotar minhas coisa e preparar minha carta de demissão", declarou.

Assista a coletiva completa:

Redação redeGN Informações TV Globo